Outros sites Cofina
Caldeirão da Bolsa

O adeus do presidente que governou para os mercados

Espaço dedicado a todo o tipo de troca de impressões sobre os mercados financeiros de uma forma genérica e a todo o tipo de informação útil que possa condicionar o desempenho dos mesmos

Moderadores: Pata-Hari, Ulisses Pereira, MarcoAntonio

O adeus do presidente que governou para os mercados

por Ulisses Pereira » 29/6/2020 11:51

Foi hoje publicado o meu novo artigo intitulado "O adeus do presidente que governou para os mercados":

https://www.jornaldenegocios.pt/opiniao/colunistas/ulisses-pereira/detalhe/20200629-1033-o-adeus-do-presidente-que-governou-para-os-mercados?HP_DestaquesTopo

Abraço,
Ulisses
"Acreditar é possuir antes de ter..."

Ulisses Pereira

Clickar para ver o disclaimer completo
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 30505
Registado: 29/10/2002 4:04
Localização: Aveiro

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Opcard » 29/6/2020 18:28

Não governou para os mercados os mercados não gostam de presidentes protecionistas , com outro presidente estariam um pouco acima .

Qualquer candidato que prometesse parar o tempo seria eleito .

Vamos por partes Roma escolheu para seu último imperador uma criança o pequeno Rômulo , dede 1790 que há censos nos USA em 2010 houve o 24.ª recenseamento este o ano o 25.º os brancos vão ser minoria essa é a razão da sua eleição .
Se os brancos dos USA se fossem inteligentes teriam manifestado contra a minoria asiática porque Estes ganham muitos mais , + de 60% terminam o ensino superior .tem maior esperança de vida menos desemprego e menor taxa de pobreza e quase não tem presos , será a “etnia privilegiada”.
Trump não conta , hoje não há mercado os preços são administrados pelos bancos centrais dos países da OCDE controlam efetivamente taxas de juros de curto prazo, taxas de juros de longo prazo, spreads de crédito, prêmios de risco soberano com isso o preço das ações. Os preços dos ativos financeiros são, portanto, administrados pelos bancos centrais e não são mais preços de mercado.

Exemplo taxas de juros não reagem mais à dívida pública dos países , os índices do mercado de ações não são mais penalizados pelo declínio da atividade e dos lucros
 
Mensagens: 2432
Registado: 14/3/2009 0:19
Localização: 16

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por forza algarve » 29/6/2020 23:51

O artigo tem teses que eu concordo.
Só uma "critica"..não achei o máximo estar a torcer como fosse um jogo de futebol..quem lee também apoia Biden ou Trump
 
Mensagens: 700
Registado: 25/2/2019 17:26

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por BearManBull » 30/6/2020 23:11

O que temos visto é que os mercados gostam mesmo é da FED, independentemente de quem é o presidente.

Trump tem muitos defeitos, mas IMHO é bastante superior ao que foi Bush.

Também me parece que faltaram os argumentos positivos da governação Trump, que foi dos presidentes com menos conflitos e intervenções militares. Consegue ter uma relação muito tranquila com a Rússia and lets face com a China é uma desavença comercial que na prática é também uma luta por mais direitos do povo chinês, se bem que não será o objectivo do Trump. Mas em resumo o mundo nunca gozou de uma paz tão plena como nos últimos 4 anos! E temos de nos lembrar que o Trump herdou muitos conflitos da gestão Obama.

Por isso não entendo tanto esse preconceito com o Trump.
Podia ser muito melhor e ser um Marcelo, num dia a abraçar velhinhos na rua no outro a gastar as pensões com accionistas da TAP. Eu sou como os americanos que me dêem o dinheiro e fiquem com abraços. (Um presidente de direita que é pro nacionalizações, mas depois de ver o embuste do Boris já nada me espanta).
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 3825
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por djovarius » 1/7/2020 12:09

E isso aí ursohomemtouro :lol:

Subscrevo tudo :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap:

E digo mais: as notícias sobre a morte são exageradas, como se costuma dizer.

Já eu escrevia no Caldeirão, lá nos tempos de São Paulo, alguns ainda se lembram daqueles anos tenebrosos, em plena crise, em que o sr. Bush (no meu ponto de vista, criminoso de guerra) inventou aquela do Iraque, ainda por cima com o apoio do Blair, do Aznar e, pasme-se, do Barroso, que organizou aquele "meeting" nos Açores, humilhante para quem ama Portugal.

É disso mesmo que se trata. Nunca me senti tão humilhado na vida como nesses dias. O pessoal brasileiro que me conhecia, bem me jogou à cara e com razão: "olha só, a m.... de Portugal e Espanha, bancando cabo de guerra" ou "ehehe, Portugal tem saudade do Império, hein" foram algumas das muitas frases ainda piores que tive que ouvir.

Não é à toa que ocorreu uma manif anti-guerra com centenas de milhar de pessoas na Paulista, creio que das poucas em que esquerda e direita estavam presentes, afinando pelo mesmo diapasão. Orgulhosamente, estive lá. Nunca voltei a participar em tais coisas...

Trump prometeu que ia acabar a história dos polícias do mundo, que se houvesse algum ataque, só se fosse mesmo necessário.
Cumpriu.
Só por aí já ganhou muitas simpatias, mas isso não se reflete num ambiente, dominado por forças que não querem que isso continue.
Vale lembrar que ambos os Partidos dos EUA têm elementos que formam o "partido da guerra".
Há muita gente a conspirar. É a isso que se chama o "deep state" (convido-os a ver a série de TV com esse nome), o qual se movimenta perfeitamente no tal pântano.

Ah, em Portugal temos também pântano. Por isso é que um homem santo como o atual secretário-geral da ONU não aguentou e foi-se embora...

Abraço

dj
Cuidado com o que desejas pois todo o Universo pode se conjugar para a sua realização.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 7310
Registado: 10/11/2002 19:32
Localização: Planeta Algarve

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Flav » 1/7/2020 14:53

Gosto de ler o Djovarios quando escreve sobre os mercados financeiros. Contudo, lamento que tenha uma visão tão simplista daquilo que foi até agora a atuação do Trump nas mais variadas vertentes de política nacional e internacional. Se houvesse mais incompetentes do outro lado talvez o mundo não fosse tão pacífico assim, penso eu de que.É sempre necessário tentar ler e aprofundar a análise das questões importantes e não se ficar pelas letras "gordas" dos jornais. Já disse uma vez e repito, quando nem os próprios colabores próximos e relevantes em termos de opinião ( e já foram bastantes até agora e talvez houvesse mais com menos lambe-botas, lol) consideram que o homem não tem capacidades para ser Presidente dos EUA são os homensbules deste mundo que acham que o gajo é bom!!??
 
Mensagens: 218
Registado: 13/1/2017 13:00

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por BearManBull » 1/7/2020 16:31

Não é que seja bom mas não é assim tão mau.

E tem de se lhe dar o mérito pelos argumentos que expus anteriormente coisa que teimas em não respeitar. O que os políticos dizem vale 0 o que importa é o impacto das acções na sociedade, o Marcelo que fazia parte de um partido de direita é mais esquerda que o Costa. O Boris é o oposto da Thatcher. E o próprio Trump está longe daquilo que é um político conservador de direita sendo que é em muitos aspectos mais democrata do que foi Obama.

Não apresentas-te um único argumento válido para defender o que dizes. E o argumento do Ulisses da história da bíblia, é claro que denota a arrogância do homem, mas claro meteu na gaveta as centenas de milhões de euros de danos provocados pelas manifestações (promovidas pelos democratas que vão para o poder) e do impacto na propagação da epidemia.

Conseguiu aproximar as duas Coreias, retirou tropas do Iraque, retirou topas da Síria, teve uma gestão exímia da crise no Irão. Se tivesse outra cor poderia ser candidato a Nobel da Paz.

Por fim diga-se que tem uma base muito forte nos latinos que estão muito contentes com ele e que os latinos vão para os USA para evitar socialismo da América do Sul e não vêm com muitos bons olhos tudo que seja esquerdas, para isso voltam para os países de origem e só vão votar num democrata que lhes dê confiança de políticas que salvaguardem o capitalismo.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 3825
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Ulisses Pereira » 1/7/2020 16:40

BearManBull, percebo os teus argumentos mas tira o Marcelo da equação porque o PR em Portugal quase não manda. Coloca nessa equação Costa, Macron, Merkel que são o equivalente ao cargo por aqui no continente europeu.

Abraço,
Ulisses
"Acreditar é possuir antes de ter..."

Ulisses Pereira

Clickar para ver o disclaimer completo
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 30505
Registado: 29/10/2002 4:04
Localização: Aveiro

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Flav » 1/7/2020 16:48

Bem Homembule com umas convicções tão fortes das enormes qualidades do Trump dificilmente alguém te consegue provar o contrário, lol.
Primeiro nem sequer respondo a essas conversas sobre quem é de direita ou de esquerda, quando partem de premissas tão básicas e nem vejo interesse nisso.
Quanto ao direito ao prémio nobel da paz (e não dás por menos, lol) lembro que a "paz" nas Coreias ainda está longe de ser conseguida. Acontece que ao maluquinho da Coreia do Norte correram muito mal as últimas experiências atómicas, dizimando grande parte dos cientistas do "reino"(isto são factos conhecidos) e ficou sem trunfos bélicos para continuar a ameaçar a Coreia do Sul e o Japão e nada melhor sair em grande com um possível acordo com o "grande satâ", lol, que mesmo assim ainda está em "banho-maria".
Está provado que foi um erro retirar as tropas americanas da Síria ( e até dou de barato que podia ser menos mau politicamente para os americanos), mas foi mau para os sírios e para a estabilidade nessa parte do mundo, dando de bandeja mais poder aos russos.
A retirada das tropas do Iraque já estava em marcha com o Obama, mas feito com mais competência politica e diplomática.
 
Mensagens: 218
Registado: 13/1/2017 13:00

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por BearManBull » 1/7/2020 17:35

Flav Escreveu:Está provado que foi um erro retirar as tropas americanas da Síria ( e até dou de barato que podia ser menos mau politicamente para os americanos), mas foi mau para os sírios e para a estabilidade nessa parte do mundo, dando de bandeja mais poder aos russos.


Essa é daquelas questões que se tivesse feito o oposto provavelmente criticavam por ser um acto de invasão de soberania. Afinal precisamos ou não dos USA para nos defender dos russos? Recordo que durante a administração Obama a Rússia invadiu a Crimeia e ficou toda a gente a assobiar para o ar. :-"

Não se pode num dia chamar imperialistas e no outro vir pedir que nos defendam dos russos, dos turcos e dos chineses.

Independentemente da força da Coreia do Norte o acto de receber o presidente dos USA é um feito bastante ambicioso.

Honestamente gostei mais do Obama como presidente pelo simples facto que em termos económicos me parecia mais pragmático, tinha uma visão mais conservadora de redução de divida e menos estado, que é bem visível num gráfico que deixei aqui publicado no tópico do Turmp.

O Biden não da bem para perceber ao que vai, mas os mercados não parecem estar muito preocupados por isso talvez seja algo parecido com Obama.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 3825
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Àlvaro » 1/7/2020 18:15

Aqui temos a história da galinha e do ovo. É o Trump que governa para os mercados, ou são os mercados que governam a administrção Trump? Os mercados financeiros sabem fazer isso muito bem e não me surpreenderia se estivessem à espera de uma escorregadela no domínio económico de Biden para forçarem quedas violentas no mercado tentando responsabilizá-lo por isso. Deve ser difícil, o homem já disse que não haverá comícios. Os mercados financeiros e Trump conseguiram a coisa inédita de 2% da população ter tanta riqueza como os restantes. São uns amores... :mrgreen:
 
Mensagens: 4260
Registado: 31/5/2014 23:07

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por 5640533 » 1/7/2020 18:16

Trump conseguiu brigar com o mundo todo (não conseguiu nada na Coreia, está do lado de um criminoso no Israel), saiu de várias organizaçoes internacionais abrindo 4spaço para a China e a Rússia. Não tem méritos nenhuns na Síria e no Irão. Etc.etc.
Dentro dos EUA. Quase não vale a pena começar. A gestão do país - um caos. A dívida subia e sobe quase todos os dias. Introduziu leis que o beneficiam pessoalmente e a família (ler o livro Kushner Inc.). É RACISTA e não tenta escondê-lo. Etc.etc. E é um esforço enorme ouví-lo (não há o mínimo de maneiras e boa educação, mentiroso com vocabulário miserável) e ainda mais olhar para ele.
É só.
 
Mensagens: 1146
Registado: 29/11/2007 1:36
Localização: 4

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Opcard » 1/7/2020 18:26

5640533 Escreveu:Trump conseguiu brigar com o mundo todo (não conseguiu nada na Coreia, está do lado de um criminoso no Israel), saiu de várias organizaçoes internacionais abrindo 4spaço para a China e a Rússia. Não tem méritos nenhuns na Síria e no Irão. Etc.etc.
Dentro dos EUA. Quase não vale a pena começar. A gestão do país - um caos. A dívida subia e sobe quase todos os dias. Introduziu leis que o beneficiam pessoalmente e a família (ler o livro Kushner Inc.). É RACISTA e não tenta escondê-lo. Etc.etc. E é um esforço enorme ouví-lo (não há o mínimo de maneiras e boa educação, mentiroso com vocabulário miserável) e ainda mais olhar para ele.
É só.


Sempre que alguém no anonimato insulta mesmo com razão é sempre um acto cobarde , quando nada acrescenta .

Admiro mais os tipos que por aí andam a destruir estátuas dão a cara .
 
Mensagens: 2432
Registado: 14/3/2009 0:19
Localização: 16

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por MarcoAntonio » 1/7/2020 18:32

Opcard, controla-te e respeita a opinião dos restantes participantes.

Este teu post, que é tão anónimo quanto o do participante 5640533 e onde se percebe claramente que postaste apenas para lhe chamar cobarde por criticar um político que tu entendes defender, é simplesmente inaceitável.
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 33984
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Opcard » 1/7/2020 19:33

MarcoAntonio Escreveu:Opcard, controla-te e respeita a opinião dos restantes participantes.

Este teu post, que é tão anónimo quanto o do participante 5640533 e onde se percebe claramente que postaste apenas para lhe chamar cobarde por criticar um político que tu entendes defender, é simplesmente inaceitável.


Insultar gratuitamente políticos eleito em democracia não devia ser permitido neste espaço , prestavas um bom serviço num momento em que as democracias passam um mau bocado .

Eu estou a defender o Caldeirão de frases de ódio ,há valores Marco, se eu tiver de utilizar uma palavra forte com alguém vou pessoalmente fazê-lo se o fizer pelo telefone estou a ser cobarde ( por isso não escrevo o que penso ,se um dia estiver contigo em pessoa direi o que significa este teu gesto )

Se eu escrever que A. Costa é um criminoso por deixar morrer nos incêndios ..é um insulto não é uma opinião toma nota tens de rever os teus princípios .


Não insulto político eleito foi a minha educação , podemos gostar ou não mas temos de aceitar o voto é soberano .
 
Mensagens: 2432
Registado: 14/3/2009 0:19
Localização: 16

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por MarcoAntonio » 1/7/2020 19:46

Opcard Escreveu:Insultar gratuitamente políticos eleito em democracia não devia ser permitido neste espaço , prestavas um bom serviço num momento em que as democracias passam um mão bocado .


Eu não detecto qualquer "insulto gratuito" no post e no caldeirão os participantes podem deixar as suas opiniões sobre os mais diversos políticos, nacionais ou internacionais (recordo por exemplo que tivemos um tópico activo durante anos sobre José Socrates e posso recordar-te de algumas das coisas que lá se escreveram). Isto entre outros políticos criticados e incluindo críticas tuas e ataques teus a políticos.

Lamento mas neste espaço não se pode criticar apenas os políticos que tu deixas.

Tu não estás a defender o Caldeirão. O que estás a fazer é a atacar a liberdade de opinião e a insultar outro participante do forum com base nas tuas preferências políticas. E, o que torna isto mais grave, é que já não é a primeira vez que fazes isto.




E para colocar uma pedra sobre o assunto: se entenderes que algum post viola as regras do forum, há um botão para denúncia e a moderação analisará a situação. Agora, o que os participantes não podem fazer é partir para o insulto porque se sentem incomodados com um determinado post!
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 33984
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Carrancho_ » 1/7/2020 20:03

5640533 Escreveu:Trump conseguiu brigar com o mundo todo (não conseguiu nada na Coreia, está do lado de um criminoso no Israel), saiu de várias organizaçoes internacionais abrindo 4spaço para a China e a Rússia. Não tem méritos nenhuns na Síria e no Irão. Etc.etc.
Dentro dos EUA. Quase não vale a pena começar. A gestão do país - um caos. A dívida subia e sobe quase todos os dias. Introduziu leis que o beneficiam pessoalmente e a família (ler o livro Kushner Inc.). É RACISTA e não tenta escondê-lo. Etc.etc. E é um esforço enorme ouví-lo (não há o mínimo de maneiras e boa educação, mentiroso com vocabulário miserável) e ainda mais olhar para ele.
É só.


Subscrevo.

O que se passa nos EUA é um pouco do que a História nos ensinou como começa o fim de um Império.

Os ingredientes estão lá todos, o domínio Americano pode estar mais próximo do seu fim do que se julga.
Um abraço,

Carrancho
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 245
Registado: 17/1/2015 1:54

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por MarcoAntonio » 1/7/2020 20:09

Acabei de te explicar que não te é permitido insultar outro participante do forum e vai daí tu resolves insultar o moderador. Post removido. Opcard, controla-te que a minha paciência tem limites...
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 33984
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Opcard » 1/7/2020 20:25

Sabes que não há ofensa nenhuma pelo contrário um apelo , só deviam escrever aquilo que poderiam dizer face a face .
 
Mensagens: 2432
Registado: 14/3/2009 0:19
Localização: 16

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por MarcoAntonio » 1/7/2020 20:31

Eu não sou político, sou moderador e participante do forum.

Não te é permitido insultar ou atacar outros participantes, incluindo a moderação, muito menos de forma gratuita.




Os participantes podem deixar as suas críticas e opiniões sobre políticos, que tomam decisões públicas e têm um impacto directo ou indirecto nas vidas de todos nós. Críticas, por vezes bem severas, que acontecem por aqui, se não diariamente, seguramente todas as semanas e aos mais variados quadrantes. Era o que haveria de faltar se te tivessemos a ti para árbitro sobre quais políticos se podia criticar, estava visto no que o forum rapidamente se transformava!
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 33984
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por djovarius » 1/7/2020 21:03

Bom, é por isto que eu fujo de tópicos de política :wall: :wall:

Vamos lá para um momento cultural, até porque já me chamaram de "análise simplista" e eu não levo desaforos para casa...

Já no fim dos anos noventa, no tempo de Clinton e da 3ª via, a Esquerda via-se em dificuldades, precisamente porque a 3ª via era uma espécie de "centro radical".
O livro "Achieving our Country: leftist thought in twentieth-century America", do filósofo Richard Rorty, creio que de 98 ou 99, fala de uma crítica ao sistema instalado e à sociedade que existia. A crise da Esquerda vinha do abandono e do desprexo das classes trabalhadoras e das classes mais baixas, por parte do intelectualismo esquerdista, algo que já Orwell falava em "Road to Wigan Pier".
Falava também do advento de figuras populistas nos EUA.

A eleição de Trump traz este livro à memória, mas a Esquerda não aprendeu: segue na senda de políticas identitárias e com um discurso que ninguém entende, como se vê nas questões de políticas de género, etc...
A Direita, por seu turno, continuou a falar para o cidadão comum. Não com Bush, mas sim com Trump.

Basta ver as eleições de 2016: enquanto a Hillary fazia "showmícios" com figuras da música, de Hollywood, por aí fora, a campanha de Trump fazia contas. Era precisa ganhar Estados voláteis (swing) e grandes eleitores.
Deu tudo certo. Aliás, sem a Califórnia, até teria ganho o voto popular.

Agora, em 2020, as eleições seriam um passeio, mas o coronavírus veio embaralhar o jogo: ainda assim, Biden não é uma figura forte. Se for com a senadora Klobuchar, ainda pior. Vai acontecer o que dizia Mark Lilla, um divórcio maior do cidadão comum, farto de 72 géneros, de BLM (cada vez mais negros repudiam as ações do BLM) e de tanta manipulação.
Agora tivemos uma rara conferência de imprensa de Biden, pasme-se com teleprompter. Isso mostra que os jornalistas já tinham passado as perguntas, o que permitiu formular as respostas.
Isso parece o que acontecia com as rádios locais de província aqui, lá atrás nos anos noventa. O presidente da Câmara de xxx só dava entrevistas se soubesse as perguntas.

Então, independentemente de outras coisas, é preciso ver as coisas com elas são. Nem Obama era o santo que diziam (sobretudo por causa daquela redoma do "deep state") nem Donald é o diabo que dizem.

Já dizia o ex-presidente Temer (Brasil): não é que parece, não é como se apregoa.
Em Portugal, as televisões são uma desgraça pelo enviesamento ideológico. As únicas pessoas que parecem comentar estes assuntos de uma forma séria, são Nogueira Pinto e a profª Patrícia Fernandes.

Ah, para acabar, ainda por cima Biden afirma que vai subir os impostos: como pode isso ser bom para quem investe nos mercados americanos ????

Abraço

dj
Cuidado com o que desejas pois todo o Universo pode se conjugar para a sua realização.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 7310
Registado: 10/11/2002 19:32
Localização: Planeta Algarve

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Opcard » 1/7/2020 21:16

djovarius Escreveu:Bom, é por isto que eu fujo de tópicos de política :wall: :wall:

Vamos lá para um momento cultural, até porque já me chamaram de "análise simplista" e eu não levo desaforos para casa...

Já no fim dos anos noventa, no tempo de Clinton e da 3ª via, a Esquerda via-se em dificuldades, precisamente porque a 3ª via era uma espécie de "centro radical".
O livro "Achieving our Country: leftist thought in twentieth-century America", do filósofo Richard Rorty, creio que de 98 ou 99, fala de uma crítica ao sistema instalado e à sociedade que existia. A crise da Esquerda vinha do abandono e do desprexo das classes trabalhadoras e das classes mais baixas, por parte do intelectualismo esquerdista, algo que já Orwell falava em "Road to Wigan Pier".
Falava também do advento de figuras populistas nos EUA.

A eleição de Trump traz este livro à memória, mas a Esquerda não aprendeu: segue na senda de políticas identitárias e com um discurso que ninguém entende, como se vê nas questões de políticas de género, etc...
A Direita, por seu turno, continuou a falar para o cidadão comum. Não com Bush, mas sim com Trump.

Basta ver as eleições de 2016: enquanto a Hillary fazia "showmícios" com figuras da música, de Hollywood, por aí fora, a campanha de Trump fazia contas. Era precisa ganhar Estados voláteis (swing) e grandes eleitores.
Deu tudo certo. Aliás, sem a Califórnia, até teria ganho o voto popular.

Agora, em 2020, as eleições seriam um passeio, mas o coronavírus veio embaralhar o jogo: ainda assim, Biden não é uma figura forte. Se for com a senadora Klobuchar, ainda pior. Vai acontecer o que dizia Mark Lilla, um divórcio maior do cidadão comum, farto de 72 géneros, de BLM (cada vez mais negros repudiam as ações do BLM) e de tanta manipulação.
Agora tivemos uma rara conferência de imprensa de Biden, pasme-se com teleprompter. Isso mostra que os jornalistas já tinham passado as perguntas, o que permitiu formular as respostas.
Isso parece o que acontecia com as rádios locais de província aqui, lá atrás nos anos noventa. O presidente da Câmara de xxx só dava entrevistas se soubesse as perguntas.

Então, independentemente de outras coisas, é preciso ver as coisas com elas são. Nem Obama era o santo que diziam (sobretudo por causa daquela redoma do "deep state") nem Donald é o diabo que dizem.

Já dizia o ex-presidente Temer (Brasil): não é que parece, não é como se apregoa.
Em Portugal, as televisões são uma desgraça pelo enviesamento ideológico. As únicas pessoas que parecem comentar estes assuntos de uma forma séria, são Nogueira Pinto e a profª Patrícia Fernandes.

Ah, para acabar, ainda por cima Biden afirma que vai subir os impostos: como pode isso ser bom para quem investe nos mercados americanos ????

Abraço

dj


Aqui está um justo e bom comentários sem criminosos pelo meio , porque isto da liberdade é bom quando pensam como nós quando a liberdade foi feita para quem pensa o contrário .
Mas hoje o que conta são os Bancos Centrais é neles que os mercados tem os olhos .
 
Mensagens: 2432
Registado: 14/3/2009 0:19
Localização: 16

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por Ulisses Pereira » 1/7/2020 21:22

Opcard, em menos de duas horas já apagámos vários posts teus. Não vamos andar a noite toda a apagar posts. Podes discordar da moderação. E se quiseres continuar com essa discussão podes fazê-lo via MP ou e-mail. Mas a moderação é feita pela Marta, pelo Marco e por mim. Se queres participar no Caldeirão tens que respeitar as regras do fórum e a sua moderação. Se não quiseres, lamento mas este espaço não é para ti.

Nem vale a pena dizer mais nada, nem deixar mais nenhum aviso. O próximo post teu que apagarmos na sequência desta discussão será o teu último no Caldeirão.

Felizmente há que continue neste tópico a querer discutir o conteúdo do mesmo. Quem falar sobre moderação ou outra coisa qualquer que nada tem a ver com o tópico terá os seus posts apagados.

Como sempre, temos todo o gosto em discutir estas questões através do excelente sistema de mensagens privadas que o Caldeirão tem ou pelos nossos e-mails.

Abraço,
Ulisses
"Acreditar é possuir antes de ter..."

Ulisses Pereira

Clickar para ver o disclaimer completo
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 30505
Registado: 29/10/2002 4:04
Localização: Aveiro

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por BearManBull » 2/7/2020 0:21

5640533 Escreveu:Trump conseguiu brigar com o mundo todo (não conseguiu nada na Coreia, está do lado de um criminoso no Israel), saiu de várias organizaçoes internacionais abrindo 4spaço para a China e a Rússia. Não tem méritos nenhuns na Síria e no Irão. Etc.etc.
Dentro dos EUA. Quase não vale a pena começar. A gestão do país - um caos. A dívida subia e sobe quase todos os dias. Introduziu leis que o beneficiam pessoalmente e a família (ler o livro Kushner Inc.). É RACISTA e não tenta escondê-lo. Etc.etc. E é um esforço enorme ouví-lo (não há o mínimo de maneiras e boa educação, mentiroso com vocabulário miserável) e ainda mais olhar para ele.
É só.


No assunto Israel apesar de tudo nunca andou tão tranquilo. Os últimos 3 confrontos bélicos foram 2008-2009, 2012 e 2014 durante o período Trump não existiu nenhum confronto. É um assunto extremamente complexo, honestamente é muito definir de que lado tomar partido, os Israelitas têm razão mas os Palestinos também.

Podes identificar conflitos armados ocorridos durante período Trump? Não existiram, tem-se reduzido as operações militares dos USA um pouco por todo o mundo. A verdade é uma única nunca existiu um período tão pouco conturbado como o actual.

Factos Síria, Líbia, Boko Haram, guerra civil do Sudão, conflitos de Israel foram todos iniciados durante período Obama. A crise do Irão foi cirurgicamente resolvida e terminou com um número de casualidades muito baixo <250.

Fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/List_of_o ... _conflicts

opcard eu considero o caldeirão um espaço para abrir mentes não para as fechar, por isso a melhor forma de resolver qualquer intervenção que não seja do teu agrado é com contra argumentos e se não os provavelmente é porque se está errado :wink:

E o anonimato vale muito hoje em dia ir contra o sistema pode ter consequências muito negativas, no facebook há pessoas que terminam amizades de anos só porque alguém faz share de um post do Bolsonaro/Trump/Ventura estamos neste nível
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 3825
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: O adeus do presidente que governou para os mercados

por 5640533 » 2/7/2020 0:35

A paz desejada pelo Trump e de que se fala muito aqui custou a vida de quantos curdos que ele abandonou? A história toda com Irão foi uma vergonha. Abandonou o Tratado só para agradar o Israel.
E ainda não disse nada sobre as políticas ambientais.
Perguntaram a uma humorista americana se consegue indicar UM lado positivo de Trump. Um só. Resposta: a mulher e bonita. Quanto a mim, está tudo dito.
 
Mensagens: 1146
Registado: 29/11/2007 1:36
Localização: 4

Próximo

Quem está ligado:
Utilizadores a ver este Fórum: Bing [Bot], Esqueceme, Google [Bot], J_Investidor, panassa, pattern, Phil2014, Punitor, Qualnhick, vinas1976 e 73 visitantes