Outros sites Cofina
Caldeirão da Bolsa

a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

Espaço dedicado a todo o tipo de troca de impressões sobre os mercados financeiros de uma forma genérica e a todo o tipo de informação útil que possa condicionar o desempenho dos mesmos

Moderadores: Pata-Hari, Ulisses Pereira, MarcoAntonio

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por Marco Martins » 14/2/2017 10:47

p3droPT Escreveu:
Sobeoudesce Escreveu:É por aí,

Os EUA conseguiram criar instituições inclusivas que incentivaram a livre iniciativa, a inovação, a prosperidade económica: dura até hoje

A Alemanha NAZI criou instituições extrativas que permitiram algum crescimento durante algum tempo, pois alguém foi roubado, neste caso os Judeus, cuja perseguição tinha como objetivo tirar-lhes o poder económico financeiro, depois os sucessivos países que anexaram.
É ler o Livro "porque falham as Nações"


Já li esse livro, gostei muito. No entanto não creio que a Alemanha nazi seja o melhor exemplo de um país com instituições económicas extrativas, mas sim a União Soviética, o próprio exemplo máximo do livro.

MarcoAntonio, não pretendi tirar nada de contexto ao retirar aquela parte do quote, se assim foi as minhas desculpas. Para chegar apenas ao ponto que uma sociedade menos multi-cultural também pode ser desenvolvida e até que multiculturalismo não traz por si só desenvolvimento.


Sim, tanto a Alemanha como a Russia extraiam tudo do seu próprio povo (embora curiosamente o comunismo até tenha surgido para proteger o povo!).

Mas os USA também não são inocentes... em quantas guerras já estiveram envolvidos para proteger os seus interesses das suas instituições de especulação dos recursos dos outros países?

Já há muitos anos que as grandes potências (USA e Russia talvez sejam os maiores) se envolvem "disfarçadamente" em muitas guerras promovendo a venda de todo o tipo de armas e promovendo a guerra.
 
Mensagens: 4859
Registado: 7/4/2007 17:13
Localização: Algarve

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por MarcoAntonio » 14/2/2017 11:59

Opcard Escreveu:
MarcoAntonio Escreveu:Além disso, o meu post tinha um contexto que entretanto foi removido (era uma resposta à visão estritamente evolucionista do post do perito). O ponto do post era o de que uma sociedade multi-cultural pode prosperar e os Estados Unidos são disso demonstrativos.



Nao demostra nada , o Brasil também não demostra o contrário .


O Brasil nunca demonstraria o contrário (o contrário é ser impossível) dado que nunca podes demonstrar a negativa com base em dados empíricos. Mas podes demonstrar a positiva: para demonstrar que algo é possível ou que existe tudo o que precisas é um caso. Eu disse "pode" e sim, os EUA demonstram que "pode" (já por outro lado nenhum país demonstraria que "não pode", seria falacioso, o "como" não se aplica).
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 34403
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por passivo » 14/2/2017 23:35

Ninguém gosta de lider nenhum..!!

o lider é sempre o ... EU !


Só deixa de ser lider quando o outro lhe começa a torcer a " tomates" e o " eu ", cada vez mais pequenino ... desiste... e prefere ser apoiante do lider .. para ser o maior .. " O cobarde ", lacaio ou..carrasco , por conta.
tudo o resto são estórias

....

quando o lider perde.. mudam para o vencedor... aplaudindo e jurando que foram sempre contra o lider à espera que o lider viesse ... porcos .. !
 
Mensagens: 57
Registado: 1/12/2016 23:13

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por BearManBull » 28/11/2019 18:39

A Europa está a perder a cabeça. Medidas deste tipo são o catalisador perfeito para o extremismo.

Este tipo de emancipações em que não se apresenta nenhuma medida concreta acaba sempre por agravar ainda mais o problema. Só estão a dar mais voz e força a movimentos extremistas/radicais/ultra que funcionam sem nenhuma base sólida e sem qualquer plano estruturado que garanta uma verdadeira sustentabilidade da economia.

Parlamento Europeu declara emergência climática
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4023
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por Opcard33 » 28/11/2019 20:51

Todos os esforços feitos para reduzir as emissões são inferiores ao acréscimo feito pela China com as centrais a carvão, eles assinaram o acordo de Paris .

A China detém, 1.000 gigawatts (GW) metade da capacidade das centrais do mundo a carvão, seguidas pelos Estados Unidos (259 GW) e Índia (221 GW).

Metade dessas centrais que fecharam no ano passado , foi nos Estados Unidos - 45 unidades equivalentes a 17,6 GW .

Imagens de satélite mostram construção "frenética" de centrais a carvão na China .

O Conselho Chinês de Eletricidade, planeia aumentar a capacidade em 30% na próxima década, a capacidade de produção passa para 1.300 GW em 2030 o que representa uma capacidade adicional de 290 GW

O que a Europa faça ou não faça só vai destruir a competividade das nossas indústrias.
 
Mensagens: 731
Registado: 9/9/2013 15:13

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por MarcoAntonio » 28/11/2019 21:07

A trajectória da China é preocupante nesta matéria, mas não creio que a abordagem correcta seja ignorar o problema só porque sozinhos não vamos lá se do outro lado remarem com mais força na direcção contrária!

Penso que a solução é exigir contrapartidas (ou melhor dizendo colocar entraves) ao crescimento chinês enquanto remarem numa direcção que nos afunda a todos...



fonte do anexo: https://www.carbonbrief.org/mapped-worl ... wer-plants
Anexos
coalpower.png
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 34403
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por Opcard33 » 28/11/2019 21:58

Pois Março o que a Europa faz só teria sentido com uma taxa carbono a fronteira sobre os artigos produzidos com energia poluentes assim é serão uns masoquistas .

Muitos defendem que a Europa deve ser o “Cristo “ de serviço receber toda a miséria do mundo e destruir as suas indústrias para salvar o planeta

Arroz da Camarga a França impôs a limitação de pesticidas , Itália e Espanha não
não necessito de escrever as consequências ...

MarcoAntonio Escreveu:A trajectória da China é preocupante nesta matéria, mas não creio que a abordagem correcta seja ignorar o problema só porque sozinhos não vamos lá se do outro lado remarem com mais força na direcção contrária!

Penso que a solução é exigir contrapartidas (ou melhor dizendo colocar entraves) ao crescimento chinês enquanto remarem numa direcção que nos afunda a todos...



fonte do anexo: https://www.carbonbrief.org/mapped-worl ... wer-plants
 
Mensagens: 731
Registado: 9/9/2013 15:13

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por BearManBull » 29/11/2019 1:05

MarcoAntonio Escreveu:Penso que a solução é exigir contrapartidas (ou melhor dizendo colocar entraves) ao crescimento chinês enquanto remarem numa direcção que nos afunda a todos...


:arrow: A UE é um dos grandes responsáveis pelo crescimento chinês. Tudo que é emissões 0 é produzido nalgum lado num processo que obviamente não é emissões 0.

:arrow: O mega plano da UE é criar uma nova indústria à escala global (carros eléctricos) e com isso tenta reduzir as emissões... É mais ou menos o mesmo que tentar apagar um fogo com gasolina

:arrow: A UE não tem reduzido nada as emissões, todas as vitórias são por transferência de emissões, o combustível em vez de ser derramado na Europa é transferido para ser produzido na China ou Índia ou outro país qualquer fora do espaço UE. A grande estratégia dos carros eléctricos é essa qualquer engenheiro que se preze sabe perfeitamente que as emissões reais associadas ao funcionamento de um EV com pilhas de lítio são superior ao de um equivalente a gasolina. Aliás nestes assuntos o preço é o melhor indicador, por alguma coisa fica mais caro o uso de um EV ao final de 10 anos (preço inical+manutenção+gasto energético´) a tudo isto teriamos de associar uma mega infrastrutura de milhões e milhões (100-200) de pontos de carga espalhados pela UE a uns 10.000 euros cada, mais custo de manutenção dos pontos de carga...

:arrow: O mesmo acontece com as renováveis, um parque de 10GW instalados só corresponde a uns 3GW de produção média e sendo esta produção condicionada intermitente e com degradação ao longo dos anos. Ao fim de 20 anos um parque de renováveis tem de ser abatido e renovado. Mais uma vez a estratégia passa por produzir tudo na China em centrais a carvão.

:arrow: Não existe nenhuma emergência climática, que eu saiba ainda temos 4 estações bem definidas e ninguém pode afirmar com certeza o que vai ser do clima dentro 2 meses quanto mais dentro de 20 anos. Tanto quanto sabemos o sol pode entrar num ciclo menos bom em que até é conveniente para o planeta uma concentração superior de CO2 na atmosfera. O clima é um sistema caótico, que é uma secção da física do mais complicado que existe e o impacto de CO2 embora na teoria seja em princípio nocivo na prática pode ser benéfico, a verdade é que é impossível afirmar com 100% de convicção o que quer que seja.

:arrow: Se estamos perante uma emergência climática então temos de acabar com tudo que é superfulo. O futebol e tudo que é desporto, os fogos de artifício, a música, o cinema, a arte, o ensino, a economia no geral e vivermos só à base de comer batatas e arroz.

:arrow: Se estamos perante uma emergência climática e temos de reduzir 50% as emissões em 10 anos, neste momento a única solução é o nuclear e abdicar de grande parte do que hoje em dia damos por garantido.

:arrow: Se estamos perante uma emergência climática, é hipocrisia cobrar mais impostos, a acção passa por proibir comportamentos que contribuíam às emissões, tendo as consequências que isso tenha... Cobrar impostos para reinvestir é só mais uma forma de contribuir mais para o problema...

:arrow: Uma emergência climática pode acabar numa catástrofe climática. Existe uma coisa chamada bomba atómica e basta que detone uma para que em minutos acabamos com toda a vida à face do planeta.

:arrow: É muita hipocrisia de uma UE que assenta a economia em serviços não combater a maior causadora de poluição - a burocracia.

:arrow: Até acredito que haja meia dúzia que acreditem realmente que estão a trabalhar para salvar o mundo. Os piores ditadores da história foram sempre guiados por causas nobres, no geral acredito mais no lobby das eléctricas que seja o grande motor por toda esta revolução verde á la socialist O eco-branqueamento dos veículos elétricos pela UE

Dito isto toda a minha vida lutei por um mundo com menos desperdício e o que vejo é uma vulgarização que está a polarizar activamente a sociedade e que nos pode lançar numa verdadeira catástrofe ambiental no futuro da qual não seja realmente possível sair.
Editado pela última vez por BearManBull em 29/11/2019 1:15, num total de 1 vez.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4023
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por 5640533 » 29/11/2019 1:13

Não é nenhum segredo que muitos filmes da Hollywood previram o futuro. E não é por acaso que, ao longo dos anos, apareceram filmes que mostram a Terra depois de um apocalipse. O homem vai destruir o planeta. Não tenho dúvidas. Não estarei cá para ver, mas mesmo assim tenho IMENSA pena.
 
Mensagens: 1179
Registado: 29/11/2007 1:36
Localização: 4

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por BearManBull » 29/11/2019 1:23

5640533 acredito que há soluções mas é preciso ir fazer as coisas com calma. Aliás que a solução está em reciclar. Reciclar tudo que é subproduto da nossa actividade é o grande desafio. Se tivermos capacidade de reciclar absolutamente tudo o impacto é 0.

Até mesmo para reduzir o CO2 na atmosfera existem já tecnologias.
E se aspirássemos o CO2 que aquece o planeta?
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4023
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por MarcoAntonio » 29/11/2019 1:54

lfhm83, estás aqui a fazer algumas afirmações arrojadas.

Não vou comentar todos os pontos mas convém provavelmente observar que a generalidade do que apontas não são factos, são opiniões e algumas delas altamente debatíveis senão substancialmente erradas.

Um dos aspectos que vou comentar (dado ser engenheiro eu próprio e estar suficientemente dentro do assunto para o comentar) diz respeito aos EVs: é altamente discutível qual dos tipos de veículos terá em média no seu ciclo de vida completo emissões mais elevadas e provavelmente o mais justo dizer é que são da mesma ordem de grandeza. Este assunto sozinho dava para páginas e eu não vou aqui refazer um estudo completo sobre o assunto quando já existem uma série deles disponíveis, vou só salientar que as emissões do veículo eléctrico dependem bastante de como a energia eléctrica é produzida. Dependendo de como é produzida, uma meta-analise dos estudos competentes já conduzidos deverá apontar para valores superiores ou inferiores a um ICE (baseado no que conheço). De novo, depende em grande medida de como é produzida a energia eléctrica e de qualquer das formas estamos a falar da mesma ordem de grandeza. Não há diferenças de ordem de magnitude nem coisa do género portanto não é por aqui que se fará qualquer revolução às emissões, é justo dizer... e em quanto pode contribuir dependerá da zona do globo e da política energética da área geográfica em questão, os resultados vão diferir.

Quanto ao teu ponto seguinte, das renováveis, similares considerações podiam ser feitas e se existe vantagem ou não, não é de todo claro, embora o potencial exista: nem toda a energia renovável é gerada de forma igualmente eficiente do ponto de vista das emissões, embora o potencial esteja lá. Deixo uma meta análise já de 2014 por exemplo que te poderá interessar: https://www.researchgate.net/publicatio ... eta-survey

Quanto à emergência climática, não direi que o climate change denial está ao nível do flat earth ou do moon hoax, mas a evidência é forte no sentido de que existe um impacto de origem antropogénica no clima e o consenso científico em torno disto é bastante forte, bastante forte mesmo.

É verdade que não podemos prever com exactidão o que vai ocorrer e precisar quais vão ser as consequências, o que temos são modelos com que vamos trabalhando e melhorando. Existem razões de sobra e substanciais para nos preocuparmos e sabemos o suficiente (cientificamente) para termos consciência que nos estamos a expor a riscos elevados (e eventualmente irreversíveis se não agirmos). O facto de não sabermos ao certo qual vai ser o impacto real do que estamos a fazer não é desculpa. Não sendo um solipsista, sou dos primeiros a dizer que não podemos ter 100% de convicção de nada. Mas isto não é justificação para não agirmos, temos de trabalhar com o que temos e com o que dispomos (estou perfeitamente consciente do que são sistemas não lineares e do que é que estamos a falar quando falamos de clima, note-se). Sobre o Nuclear, concordo (já escrevi bastante sobre isso aqui no passado no forum por sinal).

Quanto à burocracia (e eu detesto burocracia), não estou certo que seja a maior causa de poluição nem pouco mais ou menos. Podes quantificar ou precisar melhor do que é que te estás a referir e o que estás a considerar?
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 34403
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por Opcard33 » 29/11/2019 8:20

Todos os que defendem o “Decrescimento “ como solução estados errados porque não será possível , os coletes amarelos em França são filhos de uma dessas medidas impostos sobre o gasóleo .

Há um conflito entre os que querem salvar o mundo e os que querem chegar ao fim do mês.

Nunca esqueçam que quem salvou as Baleias foi a indústria do petróleo.

Ha uma hipocrisia total não combatem a Causa maior a demografia .

Países do Sahel em 1950 poucos mais de 30 milhões chegam em 2000 aos 350 milhões para hoje serem mais de 500 milhões.
Editado pela última vez por Opcard33 em 29/11/2019 8:23, num total de 1 vez.
 
Mensagens: 731
Registado: 9/9/2013 15:13

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por BearManBull » 29/11/2019 12:47

De acordo Marco, sim fiz comentários de forma exagerada, o que o me deixa indignado é a forma leviana como se está a conduzir este assunto. Todo este processo pode acabar muito mal pela irresponsabilidade de como se está a tentar vender o problema em forma de campanha politica, mais do que realmente com soluções concretas.

Não se pode é fazer politica assim com decretos deste tipo que podem ter consequências super graves no longo prazo.

Estou de acordo com o que dizes dos eléctricos, o que quero identificar é que não são nem de perto uma solução e mais do que a forma como são abastecidos há ainda a questão de baterias que duram 160000 km, ou seja, um carro com uma vida de 500000km tem de levar 3 sets de baterias.Só no fabrico dessas baterias é possível que se emita tanto CO2 como o um carro convencional emitie pelo consumo de combustíveis. Mais como referi para o EV ser adoptado massivamente teriam de ser instalados milhões de pontos de carregamento, também isso gera emissões e não são poucas. Com a tecnologia actual de baterias não lhe vejo grande futuro, já nos carros movidos a H2 vejo uma alternativa muito mais consistente como já defendi noutro tópico se bem que ainda têm muito que evoluir. Neste momento provavelmente o gás natural seria a opção mais eco friendly.

Impacto de origem antropogénica no clima não sabemos se existe ou não, tudo aponta a que sim, o que realmente sabemos é a que a concentração de CO2 aumentou mas ninguém sabe ao certo o impacto desse aumento. E dito isto estou de acordo que devemos tentar reduzir essa concentração e estou absolutamente convencido que com as políticas actuais o efeito vai ser exactamente o oposto, o consumo de combustíveis fosseis a nível global vai continuar a atingir novos máximos durante a próxima década.

A referência que a burocracia é maior causadora de poluição é infundada e deveria ser traduzido como a redução da burocracia devia estar na agenda ambientalista.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4023
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por Marco Martins » 29/11/2019 15:19

Um dos maiores problemas da poluição não é somente a quantidade de poluição existente, mas sim a concentração desta!
Ou seja, as renováveis trazem outro tipo de poluição, mas permitem que a concentração existente nas cidades seja distribuída por outros lugares mais verdes, permitindo assim que o impacto da poluição não seja tão grande nas pessoas nem no ambiente, possibilitando uma melhor renovação do ambiente.

Para além disso, também poderemos estar a passar por um período idêntico a tantos outros na história.

Quanto aos motivos pelo qual Hitler surgiu, o mesmo aconteceu com outros ditadores, seja cá em Portugal ou noutros países... normalmente surgem para resolver um problema que a democracia ou o comunismo não conseguem corrigir...

...mas isso faz parte da vida.... o Homem quer sempre mudanças e muitas vezes quer voltar a ter/ser aquilo que já foi... é um ciclo natural...
 
Mensagens: 4859
Registado: 7/4/2007 17:13
Localização: Algarve

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por MarcoAntonio » 29/11/2019 16:30

lfhm83 Escreveu:A referência que a burocracia é maior causadora de poluição é infundada e deveria ser traduzido como a redução da burocracia devia estar na agenda ambientalista.


Teriamos talvez de começar por precisar ao certo do que é que estamos a falar. Burocracia é usado na linguagem corrente para descrever ou referir-se a várias coisas diferentes e habitualmente com uma forte carga pejorativa. Mas a carga não define a coisa. Aquilo que as pessoas descrevem por burocracia por vezes refere-se tão só a processos que na verdade podemos verificar que contribuem positivamente de forma indirecta para o melhor funcionamento dos sistemas (e tanto mais quanto mais complexos). Sem documentação, registo, um bom nível de protocolação, etc,... quem está minimamente familiarizado com sistemas complexos e sistemas de sistemas já estará completamente consciente disto, sabendo que sem certas instanciações de "burocracia" os sistemas ou não funcionam ou funcionam muito pior (com encargos acrescidos de custo, tempo, energia e desperdícios vários). A burocracia, de um ponto de vista pragmático (não estou a falar de organizações ou filosofia política) é assim um mal necessário e o seu contributo líquido será frequentemente positivo. Dito isto, e repetindo-me, eu detesto burocracia.

Se deve estar na agenda ambientalista? Com certeza que sim, virtualmente tudo deverá fazer parte da agenda da política ambientalista e não pretendi inferir acima que os processos de natureza mais burocrática estão todos optimizados e que é o melhor que se consegue fazer. Apenas que o seu contributo líquido não é necessariamente negativo (apesar das aparências!). Mas estar na agenda, sim, claro. Agora se a ideia (e era isso que o post anterior transparecia, na minha leitura) é a de que deve ser uma grande prioridade, não creio.

Para mim as prioridades devem ser primeiro as pessoas. Portanto em primeiro lugar colocaria a educação/formação/qualificação das pessoas, aumentando não só a sensibilização mas também o conhecimento e a capacidade de se resolverem problemas de forma mais eficiente. E com isto, a investigação e desenvolvimento de tecnologias mais limpas e saudáveis. Há muito ainda que se pode fazer neste domínio, é a minha convicção (mas como digo, começar pelas pessoas que o resto depois virá um pouco por arrasto). O segundo conjunto de prioridades (mais imediatista) é apostar ainda mais na cooperação (interpessoal e entre estados), no biodegradável, na reciclagem (estas duas já se vão fazendo, é continuar) e no combate à obsolescência.

Terá de passar pela legislação e regulação muito provavelmente, mas não necessariamente por carga fiscal (que parece a maior parte das vezes ser onde termina a criatividade dos políticos).

Claro que estão nestas prioridades encapsuladas coisas mais específicas e outras que viriam por arrasto, esta é uma visão de alto nível e provavelmente vou soar a que estou a cair em lugares-comum. Mas é no que eu acredito...




Quanto aos políticos, não creio que seja propriamente leviania. Não sabem ou não conseguem fazer melhor e, parece-me, na grande generalidade dos casos têm dificuldade em sair da caixa... mas pronto, isto sou eu a pensar alto.
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 34403
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por BearManBull » 2/12/2019 0:48

Boa observação Marco Martins é algo que não considerei na minha análise mas uma transição para EVs tem o potencial de aumentar muito a qualidade do ar nas grandes urbes. Já para a contribuição global de CO2 sou da opinião que o efeito será residual ou pior (considerando a tecnologia de pilhas de lítio).

Para mim as prioridades devem ser primeiro as pessoas. Portanto em primeiro lugar colocaria a educação/formação/qualificação das pessoas, aumentando não só a sensibilização mas também o conhecimento e a capacidade de se resolverem problemas de forma mais eficiente. E com isto, a investigação e desenvolvimento de tecnologias mais limpas e saudáveis. Há muito ainda que se pode fazer neste domínio, é a minha convicção (mas como digo, começar pelas pessoas que o resto depois virá um pouco por arrasto). O segundo conjunto de prioridades (mais imediatista) é apostar ainda mais na cooperação (interpessoal e entre estados), no biodegradável, na reciclagem (estas duas já se vão fazendo, é continuar) e no combate à obsolescência.


Diria que é um bom plano, embora tudo isso devia estar na agenda de um estado democrático desde sempre, sem ser necessária haver uma "emergência climática". Mas sim com isso acredito que seria o suficiente. Na prática o que se está a fazer é provocar um sentimento de histeria em massa, em que os jovens em vez de abraçarem a educação são iludidos que as marchas políticas é que vão resolver os problemas (quando na realidade é tudo política para recrutar militantes, somar votos e defender a nobre causa do aumento da carga fiscal). É uma total irresponsabilidade, a UE devia ser a primeira a passar uma mensagem de que não há soluções fáceis de curto prazo e que terá de se construir lentamente até porque a UE não pode actuar fora da sua jurisdição e muito menos controlar o que passa fora das fronteiras.

Entendo que a burocracia é muitas vezes um mal necessário, mas o segredo está em calcular qual é o limite de burocracia que realmente torna o processo mais eficiente. Dito isto acho que muitas das normativas actuais são um absurdo e completamente inúteis, basta ver muito do que se faz no sector financeiro que é mais usado para efeitos big brother do para qualquer outro efeito. Recentemente lançaram incluso um regulamente do formato de autenticação em portais web da banca. Mas que tem a UE que ver com isso? Por outro lado coisas como uma carta de condução continua a não ser válida em qualquer país da UE, se alguém vai viver para a Alemanha tem de tirar a carta alemã. Sei de bastantes exemplos de autentico desperdício em que se podiam poupar emissões, porque manter a burocracia causa emissões. São emissões ocultas, é aquele departamento que usa um edifício, que usa 10 carros, que usa 10 impressoras, 100 computadores, 100 trabalhadores. Gente que podia de outra forma ser usada para tornar a reciclagem mais eficiente por exemplo.

Agora que vai começar a cimeira do clima em Madrid vão-se preparando porque o grande resultado de curto prazo da emergência climática vai ser um aumento dos impostos verdes. No longo prazo vamos ver, na pior hipótese uma nova crise ainda pior que a de 2007 e uma possível WW3. Por isso mesmo escolhi este tópico, o poder de polarizar a sociedade é enorme e em cenário de nova crise o povo pode virar-se para o fascismo como solução, todos estes movimentos ambientais têm fortes ligações ao radicalismo de esquerda e ao comunismo e como no passado a Europa tende a combater o comunismo com fascismo.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4023
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por BearManBull » 20/12/2019 10:16

A UE a ultrapassar todas as barreiras daquilo que se pode considerar razoável.

A UE cada vez mais decadente.

A UE está com doença autoimune e no caminho de se auto destruir,

El Parlamento Europeo espera iniciar hoy los trámites para acreditar a Puigdemont como eurodiputado

La Justicia europea avala la inmunidad de Junqueras como eurodiputado

Depois do Brexit, sacam este coelho da cartola que pode criar divisões internas na Espanha que vai certamente fomentar o sentimento anti Europa.

A este ritmo duvido muito que dentro de 10 anos ainda exista UE.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4023
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por BearManBull » 20/12/2019 14:35

Isto é surreal, que depressão de sistema temos, a democracia está morta e enterrada. :oh: :(
Anexos
inacreditavel.jpg
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4023
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por Jorge Raposo » 22/12/2019 17:55

Opcard33 Escreveu:Ha uma hipocrisia total não combatem a Causa maior a demografia .

Países do Sahel em 1950 poucos mais de 30 milhões chegam em 2000 aos 350 milhões para hoje serem mais de 500 milhões.


Nem vou falar do título do t´ópico porque é manifestamente demagógico ao meter o medo com o bicho papão. Usa-se a História quando se convém: a Le Pen e outros são o Anti-Cristo, mas ninguém fala de todas as atrocidades cometidas pelos Muçulmanos contra os Europeus desde 711 até à I Guerra Mundial.

Exactamente!
O controlo demográfico só é válido para o "Diabo" Branco: todo o tipo de políticas sociais para reduzir a natalidade dos brancos. O grande objectivo da esquerda é mesmo esse!
Já viram que os líderes mais poderosos da Europa não têm filhos: Merkel e Macron não vão deixar descendência e não se preocupam com os seus iguais. Para eles é indiferente se a França e a Alemanha serão países com 25% de muçulmanos em poucos anos.

Vejam o seguinte: em 1980, a Europa tinha mais habitantes que a África.
Agora menos de 40 anos depois, a África já tem uma vantagem de cerca de 400 milhões de pessoas.

Querem salvar a Terra e os outros seres vivos? Políticas de Natalidade para todos.
 
Mensagens: 1
Registado: 18/11/2019 16:15

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por MarcoAntonio » 22/12/2019 18:13

A forma de salvar a Terra é baixando a taxa de natalidade onde ela é extremamente elevada.

Como parece existir uma correlação entre o desenvolvimento e a taxa de natalidade, a solução passará então por desenvolver esses países. Como é que se faz isso quando se tratam de estados soberanos e culturas diferentes?
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 34403
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por BearManBull » 30/12/2019 11:44

À frente de Kim Jong-un e Putin, Donald Trump é a “maior ameaça à paz mundial”


Embora tradicionalmente Washington seja um dos aliados mais próximos de Berlim, a confiança da população alemã no parceiro transatlântico esvaneceu-se consideravelmente sob a presidência de Donald Trump, revelou uma sondagem da YouGov.

Perguntou-se aos participantes quem é mais perigoso: se o ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, o líder supremo do Irão, aiatolá Ali Khamenei, o chefe de Estado da China, Xi Jinping, o seu homólogo russo, Vladimir Putin, ou Trump.

Para cerca de 41%, a escolha recaiu sobre o presidente americano, seguido por Kim (17%), Putin e Khamenei (ambos 8%), e, por último, Xi (7%). Mais de 2 mil cidadãos participaram da sondagem encomendada pela agência de notícias DPA.


Tudo menos os USA...
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4023
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por Opcard33 » 30/12/2019 13:10

lfhm83 Escreveu:À frente de Kim Jong-un e Putin, Donald Trump é a “maior ameaça à paz mundial”


Embora tradicionalmente Washington seja um dos aliados mais próximos de Berlim, a confiança da população alemã no parceiro transatlântico esvaneceu-se consideravelmente sob a presidência de Donald Trump, revelou uma sondagem da YouGov.

Perguntou-se aos participantes quem é mais perigoso: se o ditador da Coreia do Norte, Kim Jong-un, o líder supremo do Irão, aiatolá Ali Khamenei, o chefe de Estado da China, Xi Jinping, o seu homólogo russo, Vladimir Putin, ou Trump.

Para cerca de 41%, a escolha recaiu sobre o presidente americano, seguido por Kim (17%), Putin e Khamenei (ambos 8%), e, por último, Xi (7%). Mais de 2 mil cidadãos participaram da sondagem encomendada pela agência de notícias DPA.


Tudo menos os USA...


Esta sondagens valem zero são 5 sondados e o resto a fichas são feitas em casa. no inverno é pior devido ao frio , afirmar que tem mais confiança em Macron do que em Merkel diz tudo , presidente francês é incapaz de fazer a reforma das pensões ser mais incompetente seria impossível um desastre absoluto .

O Sarkosy ainda conseguiu alterar uma lei de Luís IV , com o Rei a reforma de uma classe profissional era aos 40 anos , ele passou-a para os 42 uma grande vitória .


“ Mais confiança em Macron do que em Merkel

Uma outra sondagem de fim de ano mostra que também caiu a confiança do público alemão na chefe de governo da Alemanha, Angela Merkel, especialmente em comparação com outros líderes europeus.

Questionados pelo Instituto Kantar para o Grupo de Mídia Funke, 57% dos alemães disseram ter um nível de confiança “um tanto alta” no presidente francês, Emmanuel Macron, enquanto a conservadora cristã alemã obteve 53%. No outro extremo da escala, a diferença foi ainda mais pronunciada: 44% dos alemães disseram ter “muito pouca” confiança em Merkel, contra apenas 32% para Macron.

Na mesma sondagemn, Trump confirmou-se como líder menos confiável (89% com “muito pouca” confiança), atrás do presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan (86%), e o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson (71%).
 
Mensagens: 731
Registado: 9/9/2013 15:13

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por BearManBull » 30/12/2019 13:57

Também acho que vale 0 mas o facto de chegar a grandes meios informativos, demonstra bem o estado das coisas.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4023
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: a europa gostou de Hitler e tem saudades ?

por Flav » 30/12/2019 15:43

As sondagens se forem efetuadas por empresas/institutos credíveis, respeitando os critérios científicos de elaboração valem sempre a pena e dão informação valiosa. Não podemos é gostar apenas daquelas que vão de encontro aos nossos interesses e quem não gosta (por exemplo, no caso dos governos ou da oposição) deve trabalhar e apresentar alternativas que possam mudar a tendência das sondagens.
 
Mensagens: 252
Registado: 13/1/2017 13:00

Anterior