Outros sites Cofina
  • Notificações
Caldeirão da Bolsa

A Memória do Preço » O Preço da Memória

Espaço dedicado a todo o tipo de troca de impressões sobre os mercados financeiros de uma forma genérica e a todo o tipo de informação útil que possa condicionar o desempenho dos mesmos

Moderadores: Pata-Hari, Ulisses Pereira, MarcoAntonio

Re: Pão de Açúcar

por Optimiza » 24/2/2015 17:45

PCM, ia colocar um post sobre inverse head shoulders e death cross (ainda ontem foi-me útil identificar a primeira), mas escrevo já para dizer que estás em grande! Selecionaste outra ação no timing pré-inversão :shock: O meu mail é do dia anterior aos resultados (de dia 11), e embora esperasse a inversão de tendência do Pão de Açucar, não esperava que os resultados fossem ainda acima das minhas expectativas, representando até agora a melhor surpresa Bovespa no tocante ao 4º trim. de 2014 ((Gráfico anexo, resistência-chave 100 br, inversão de médio prazo na MM50).
Pao de Acucar : 4Q14 Results
02/12/2015
Consolidated
Adjusted EBITDA grows 19.7% to R$ 5.4 billion
Expansion of 20.1% of adjusted net income to R$ 2.084 billion
Net cash position 2.4x higher than in the end of 2013
Strong organic growth with the opening of 212 stores

Highlights in the quarter
Consolidated
Adjusted EBITDA advances 21.7%, supported by efficiency gains in all businesses
Adjusted EBITDA grows 5.9%, with margin of 10.5%
Adjusted net income of R$ 511 million, with margin of 5.2%
Retail
Adjusted EBITDA grows 40.6%, with margin of 12.7%
Adjusted net income of R$ 375 million, growing 47.1% on 4Q13

Graphs em anexo:
Outperformers - BCP, Liberbank entraram em modo bull
New performers - EDP, Iberdrola, Caixabank, Popular, Banco Itaú em inversão
Future performers -FCC, Bankia, Gerdau e Petrobrás, são as"jovens promessas"
BCP bull de médio prazo   MM100   target na resistência .10€.gif
BCP bull de médio prazo MM100 target na resistência .10€.gif (21.92 KiB) Visualizado 12598 vezes

banco itau   ready, steady, go.png
banco itau ready, steady, go.png (24.51 KiB) Visualizado 12598 vezes

LIBERBANK Bull na superação da MM100 e resist nos .70.gif
LIBERBANK Bull na superação da MM100 e resist nos .70.gif (23.15 KiB) Visualizado 12598 vezes
PETROBRAS   EMA50.png
PETROBRAS EMA50.png (24.4 KiB) Visualizado 12598 vezes

pao de açucar mm50    target 100 br.gif
pao de açucar mm50 target 100 br.gif (16.98 KiB) Visualizado 12598 vezes

Abraço, perseu
Editado pela última vez por Optimiza em 26/2/2015 4:31, num total de 1 vez.
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

XVII - 14 REVERSAL PATTERNS /Inversões da Tendência

por Optimiza » 25/2/2015 2:15

14 REVERSAL CHART PATTERNS (Inversão da Tendência – Identificação Gráfica) Parte I

Os sinais de inversão de tendência, mais do que análise técnica, representam imagens gráficas com um determinado, repetido e memorizado significado de mudança da tendência primária.

Parte I 1 (Death cross), 2 (Inverse Head and shoulders) , 3 (head and shoulders) de 14

1 – Death Cross (Bearish)
- o oposto é a Golden Cross (Bullish)
Significado genérico – O crossover, em baixa, da Média Móvel de Longo Prazo por uma Média Móvel de prazo mais curto.
Significado comunmente adoptado - Ocorre quando a Média Móvel de 50 dias cruza em baixa a Média Móvel dos 200 dias.
A death cross é um sinal bearish, de médio prazo, numa ação (em muitos casos significa ainda o advento de uma tendência bear de longo prazo e do início de uma LTD). Traduz-se graficamente por um X deitado. Sinal com forte probabilidade de acerto. O aproveitamento transacional faz-se pela venda ou short do activo.

A Golden Cross é o seu oposto e consiste na Média Móvel a 50 dias cruzar em alta a Média Móvel dos 200 dias, sinal Bullish de confirmação de tendência ascendente.
p.s. Existe quem também considere aplicável a Death cross, na quebra da MM100 pela MM50 ou MM20, mas ao testar não verifico consistência alguma a médio prazo e apenas no curtissimo prazo (2 dias).
deathcross on apple.png
deathcross on apple.png (22.45 KiB) Visualizado 12393 vezes

2 - Inverse Head and Shoulders (Bullish)
Sinal positivo de curto prazo, em que após a queda de um activo verifica-se uma consolidação (1º ombro), a ação regressa à downtrend (normalmente testando um suporte anterior, visualizando-se numa forma de U), retomando a seguir um nível de cotação equivalente à primeira consolidação (2º ombro), antes de empreender uma subida consistente até à resistência que corresponde aos máximos neckline, rompendo-o de seguida.

Cacteriza-se graficamente em 9 passos:
1: identificar linha de tendência original
2: preço cai e volta subir (1ºombro);
3: preço cai abaixo do mínimo do 1º ombro e volta a subir (cabeça)
4: O preço volta a cair, mas não atinge os mínimos anteriores (2º ombro).
5: Identificar o neckline – linha entre o topo do 1º ombro e do 2º ombro
6: Aumento do volume em todo o movimento face à média do activo.
7: rompimento do Neckline: Claro rompimento da linha de neckline iniciando um movimento de sinal positivo
8:. Resistência passa a suporte: Após ser quebrada, a resistência passa a suporte, e em caso de reteste não poderá ser quebrada.
9. Price Target: Após quebra da resistência(neckline), a esperada progressão do activo, no curto prazo, mede-se pela distãncia entre a neckline e a base da “cabeça”, e também por outras resistências, ondas correctivas de fibonacci e da Linha de tendência de longo prazo.

Razão subjacente
– Acumulação faseada de ações que precede a inversão de tendência em alta.
O inverse head and shoulders é um sinal positivo para o activo financeiro considerado, e de fácil e corrente aproveitamento transacional (adquire-se o activo na quebra da resistência).
headandshoulders + reverse.jpg
headandshoulders + reverse.jpg (24.89 KiB) Visualizado 12393 vezes

3 - Head and shoulders (Bearish)
Sinal negativo de curto prazo, em que após a subida de um activo, verifica-se uma consolidação (1º ombro), a ação regressa à uptrend (normalmente testando uma resistência anterior, visualizando-se numa forma de arco), retomando a seguir um nível de cotação equivalente à primeira consolidação (2º ombro), antes de empreender uma descida consistente até ao suporte que corresponde a mínimos do neckline.

Cacteriza-se graficamente em 9 passos:
1: identificar linha de tendência original
2: preço sobe e volta a cair (1ºombro);
3: preço sobe acima do mínimo do 1º ombro e volta a cair (cabeça)
4: O preço volta a subir, ultrapassando os mínimos anteriores (2º ombro).
5: Identificar o neckline – linha entre a base do 1º ombro e do 2º ombro
6: Aumento do volume em todo o movimento face à média do activo.
7: rompimento do Neckline: Claro rompimento da linha de neckline iniciando um movimento de sinal negativo
8:. Suporte passa a resistência: Após ser quebrado, o suporte passa a resistência, e em caso de reteste não poderá ser quebrada.
9. Price Target: Após quebra do suporte(neckline), a esperada descida do activo, no curto prazo, mede-se pela distãncia entre a neckline e o topo da “cabeça”, e também por outros suportes, ondas impulsivas de fibonacci e da Linha de tendência de longo prazo.
Razão subjacente – Distribuição faseada de ações que precede a inversão de tendência em baixa.
O head and shoulders é um sinal negativo para o activo financeiro considerado, e de aproveitamento transacional (vende-se ou shorta-se o activo na quebra do suporte).

Razão subjacente [/u]– Distribuição faseada de ações que precede a inversão de tendência em baixa.
O head and shoulders é um sinal negativo para o activo financeiro considerado, e com aproveitamento transacional (vende-se ou "shorta-se" o activo na quebra do suporte).

nota: Ver no Índice (pág 1 post 1) TREND FOLLOWING / Identificar as Market Trends (tendências de Mercado)
cumps, perseu
Head and Shoulders.gif
Head and Shoulders.gif (16.85 KiB) Visualizado 12393 vezes
INVERSE HEAD AND SHOULDERS II.jpg
INVERSE HEAD AND SHOULDERS II.jpg (13.66 KiB) Visualizado 12393 vezes
inverse head and shoulders III.png
inverse head and shoulders III.png (37.12 KiB) Visualizado 12393 vezes
death cross    when EMA 50 crosses the EMA 200.png
death cross when EMA 50 crosses the EMA 200.png (44.58 KiB) Visualizado 12393 vezes
Editado pela última vez por Optimiza em 6/7/2015 0:22, num total de 4 vezes.
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

Re: Pão de Açúcar

por pcm1979 » 25/2/2015 17:29

Preferes usar as médias móveis exponenciais em vez das simples?

perseu Escreveu: O meu mail é do dia anterior aos resultados (de dia 11), e embora esperasse a inversão de tendência do Pão de Açucar, não esperava que os resultados fossem ainda acima das minhas expectativas, representando até agora a melhor surpresa Bovespa no tocante ao 4º trim. de 2014

Então tá explicado. :wink:
Amanhã saem os resultados da "monstra" (VALE). Tenho poucas, mas se ela acordar tipo o Megatron, então reforço.
O CBD ainda não inverteu a tendência, essa inversão no bovespa deve ter haver com a desvalorização do real.

perseu Escreveu:New performers - EDP, Iberdrola, Caixabank, Popular, Banco Itaú em inversão
Future performers -FCC, Bankia, Gerdau e Petrobrás, são as"jovens promessas"


Aproveitei a queda de hoje do Itaú para reentrar, não tem como ficar de fora. :wink: Há mudanças na direção, espero que continue a navegar como até aqui.
Quando à minha queridinha Gerdau, espero que ela não faça a brincadeira do ano passado, em que ficou vários meses a consolidar e depois desmoronou. Há quem diga que ela está cotada a 50% do valor patrimonial, pouco importa, mas é melhor do que o contrário. Os price targets também são generosos com ela.

Espero que não derreta.

Imagem
 
Mensagens: 971
Registado: 26/7/2014 12:37
Localização: Braga

XVIII - MÉDIAS MÓVEIS (o "E" de Ecossistema)

por Optimiza » 26/2/2015 4:46

PCM, Quanto ao Brasil vai com calma. Não é só o real que está a condicionar o mercado. Existem outros 5 factores relevantes: a inflação (7,2%, outra vez acima dos 7??), mini recessão (-1,5% no PIB em 2015), dependência das matérias primas, quadratura dos mercados sul americanos, desiquilibrios macro em todos os BRIC (brasil, russia, india e china). Na Eurozona tens neste momento uma narrativa mais fácil.....
Vale, depende do iron ore (preços deprimidos, em std by), Gerdau (value stock sólida mas depende do desempenho do Bovespa), ITAU, aguardo com expectativa (death cross ainda recente, exige sinais contrários fortes para uma entrada longa).
death cross simbol.jpg
death cross simbol.jpg (5.47 KiB) Visualizado 12175 vezes

Médias Móveis (o “E” do Ecossistema)
Tentar analisar a evolução dos mercados por um prisma de ciência exacta é impossível. A análise dos mercados é composta pela interação de seres humanos com interesses divergentes, visões assimétricas, em equações em que não conhecemos uma ou duas variáveis, em que o único método possível é definir tendências (resultado probabilístico derivado da memória recente, reiterada por eventos e ocorrências passadas).
Deve-se sempre utilizar informação fundamental e técnica que seja relevante para uma análise ou tomada de decisão (congregam-se assim as variáveis que são por nós controláveis – apenas ficando de fora os imponderáveis).

Objectivo base – tentar identificar a evolução de um activo. 2º Objectivo - identificar a tendência no longo, no médio e no curto prazo (“the trend is everything, the trend is your friend”) 3º Objectivo – Enquadrá-la no benchmark sectorial e de mercados. 4º Objectivo – Definir uma estratégia plasmada numa narrativa. 5º Objectivo – procurar antecipar novas (contra) tendências.

Relativamente aos indicadores de tendência (o mercado reflete tendências e contra-tendências), as médias móveis são o alfa de um set de indicadores móveis e fixos igualmente relevantes (para além das Elliot waves e sequências fibonacci, ainda não desenvolvi o Rsi, Macd, oscilador Estocástico, SAR, Force Index, pivot points, suportes e resistências fixas, etc).

Porque é que se deve olhar sempre para as Médias Móveis?
1 - Dão lógica aos movimentos do preço, retirando os ruídos diários e ajudam a identificar uma tendência. Representadas graficamente por picos e vales.
2 - Referenciam a memória do preço ao longo de períodos (que variam em função de cada investidor – de 5 dias a 500 dias, podendo ser de 21 dias, de 99, de 250, etc).
3 - Quanto mais longa a Média Móvel mais consistente é a trajectória fotografada. 4 – São suportes e resistências móveis.

Adopto 4 timelines: a Média Móvel 20 dias (curto prazo), Média Móvel a 50 dias (médio prazo), Média móvel 100 dias (médio/longo prazo), Média Móvel 200 dias (longo prazo)

Qualquer média móvel a subir indicia que a tendência é de alta e o contrário é verdade para um MM em queda. Assim como uma troca de direção, indica que ocorreu uma reversão e agora a tendência é outra no curto, médio e(ou) longo prazo.
E Quando se cruzam? Médias móveis com períodos diferentes apontando para a mesma direção reforçam a tendência. Quando as médias divergem e se cruzam, dão um sinal de compra ou de venda, mostrando que o mercado está tendendo a mudar de direção:
•Sinal de Compra: a MM mais curta cruza para cima da MM mais longa (ex: MM20 cruza MM100)
•Sinal de Venda: a MM mais curta cruza para baixo da MM mais longa (ex: death cross na quebra da MM200 pela MM50)

Média Móvel Simples e Média Móvel exponencial (e na resposta á tua pergunta, porque é que prefiro quase sempre a 1ª)
(Ignoro a Média Móvel Ponderada que consiste em dar um peso artimético desproporcional do dia mais recente face ao anterior, e desse anterior face ao dia subsequente, etc)

Média Móvel Simples (MMS ou SMA em Inglês) ou Aritmética – Formada pela soma aritmética de um conjunto de valores numéricos dividido pela quantidade de dias somados. Representada graficamente por picos e vales. Mais lenta que a exponencial sobretudo em prazos curtos, mas mais realista e “sabe a açúcar, não a adoçicantes”

Média Móvel Exponencial (MME ou EMA) – Antecipar a direção pela “visão de frente para trás”.
MM Exponencial  fórmula.gif
MM Exponencial fórmula.gif (2.65 KiB) Visualizado 12175 vezes

Enquanto que a Média Móvel Simples é a média do preço em X dias, dando igual relevo a todos os preços, a Média Móvel Exponencial dá mais importância aos preços mais recentes, embora considere todos os preços do período definido. Dá sinais de compra ou venda, mais rápidos , sobretudo em prazos curtos. Adapta-se mais rapidamente a mudanças de tendência, antecipando-se à MMS, mas adultera o realismo gráfico.
detecta as diferenças entre a MMS e a MME.png
detecta as diferenças entre a MMS e a MME.png (23.38 KiB) Visualizado 12175 vezes

Relevantes para as MM no Índice na Pag.1 post 1
CANDLESTICKS
Elliot Waves + Fibonacci sequences
TREND FOLLOWING / Identificar as Market Trends
MOMENTUM
Teoria de DOW
14 REVERSAL CHART PATTERNS inversões de tendência

The mood » http://www.xtf.com / Ebay is a long term buy
ITAU death cross.png
ITAU death cross.png (30.14 KiB) Visualizado 12175 vezes
EBAY   long term  buy betting on the split of Pay-pal      SMA50 crosses SMA200.png
EBAY long term buy betting on the split of Pay-pal SMA50 crosses SMA200.png (31.98 KiB) Visualizado 12175 vezes
Editado pela última vez por Optimiza em 14/6/2015 20:40, num total de 1 vez.
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

Re: A Memória do Preço » O Preço da Memória

por pcm1979 » 26/2/2015 12:41

Resultados da VALE em dólares:

http://www.vale.com/PT/investors/home-p ... _4t14p.pdf

Comentário do infomoney:
vale.png
vale.png (26.67 KiB) Visualizado 12115 vezes
 
Mensagens: 971
Registado: 26/7/2014 12:37
Localização: Braga

VALE+PSI20+IMOBILIÁRIO ESPANHÓL

por Optimiza » 26/2/2015 20:35

PCM, viva!
Os resultados da Vale foram dentro das expectativas. A descida do preço por tonelada do iron ore nos últimos dois anos, afasta cada vez mais a rentabilidade da Vale (apesar da contenção de custos efectuada). Determinar o timing da inversão do preço do minério vai ser a condição para a inversão consistente da ação. Não se deve comprar esta ação por agora ( e no Bovespa, para além das 5 questões latentes, tudo depende agora da Petrobras e da finalização do balanço correctivo).

Lusitânia – Outperformance deve continuar no PSI20. Próximo teste ao bull de longo prazo (SMA200 hoje nos 5725). BCP em pleno Bull, vai testar a resistência nos .085€ (a prova dos nove será sempre nos .10€). EDP falhou hoje o primeiro teste à resistência na LTD.
Construção/Imobiliário na Eurozona (especial enfoque em Espanha): Está na altura de investir a longo prazo neste sector. Hoje a Colonial fez o breakout decisivo acima da resistência com 6 meses (ACS em modo bull desde que se manatenha acima da MMS20). A FCC, Sacyr e Dragados estão a testar resistências importantes.
Vê o gráfico em anexo. Para além do sector financeiro, vislumbra-se a queda brutal no imobiliário Espanhól pós-crise (41%), e a absorção de imóveis no ano passado de cerca de 48% do total em stock,o novo QE a inundar apartir de Abril os bancos e a induzir novo crédito imobiliário, o crescimento de 23% nas adjudicações de obras públicas no 4º trim, faz com que este mercado tenha tudo para subir no longo prazo.
Cumps, perseu
IMOBILIÁRIO DESVALORIZAÇÃO NA EUROPA.gif
IMOBILIÁRIO DESVALORIZAÇÃO NA EUROPA.gif (6.93 KiB) Visualizado 11929 vezes
BCP .85€ a próxima resistência.gif
BCP .85€ a próxima resistência.gif (21.75 KiB) Visualizado 11931 vezes
vale adr teste à MMS20 e aos 7.5 usd.png
vale adr teste à MMS20 e aos 7.5 usd.png (29.81 KiB) Visualizado 11931 vezes
EDP  não foi hoje superado o teste à LTD.gif
EDP não foi hoje superado o teste à LTD.gif (23.87 KiB) Visualizado 11931 vezes
Colonial   breakout.gif
Colonial breakout.gif (21.92 KiB) Visualizado 11931 vezes
psi20  longterm bullish test SMA200.png
psi20 longterm bullish test SMA200.png (20.36 KiB) Visualizado 11931 vezes
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

XVII - 14 REVERSAL CHART PATTERNS (cont.)

por Optimiza » 27/2/2015 11:41

14 REVERSAL CHART PATTERNS (Inversão da Tendência) Parte II

4 – Double Top; 5 – Triple bottom; 6 - Cup and Handle; 7 – Ascending triangle; 8 – Descending triangle; 9 - Pennant (de 14 padrões)
Os primeiros três inversores: Death cross, inverse head and shoulders, head and shoulders encontram-se neste link: viewtopic.php?f=3&t=84008&start=200#p1173731

4 – Double Top (duplo topo)
Padrão gráfico bearish que serve para identificar o esgotamento de uma tendência ascendente. O activo após um período de subidas, não vence uma resistência vertical ou horizontal, inverte com pouco volume, regressa às subidas para esbarrar de novo na resistência. Inverte em queda, aumentando o volume, e rompe em breakdown com o suporte horizontal.
double top.png
double top.png (29.99 KiB) Visualizado 11648 vezes

5 - Triple Bottom (“triplo fundo”)
Padrão técnico de sinal bullish que tenta prever a inversão após uma tendência de queda prolongada. Visualiza-se graficamente por 3 tendências descendentes que partem de uma forte resistência horizontal e que terminam em bottoms no mesmo nível de preço.
Na 3ª ida ao bottom, a procura suplanta a oferta e dá-se início à inversão em alta do activo.
triple bottom.png
triple bottom.png (34.38 KiB) Visualizado 11648 vezes

6 - Cup and Handle ( “chave e pega”) – Padrão gráfico bullish que se assemelha a uma chávena de chá. A “chávena” encontra-se na forma de um “U”, e termina num canal de sentido ligeiramente negativo. O volume tende a reduzir-se ao longo do percurso temporal do padrão. Dura entre 5 e 65 semanas.
Numa fase em que o activo testa máximos, tende a corrigir devido à pressão vendedora de muitos investidores que tinham comprado, anteriormente, próximos dessa resistência. A pressão vendedora tende a abrandar no movimento lateralizado durante dias ou semanas, possibilitando depois o breakout.
cup and handle.png
cup and handle.png (32 KiB) Visualizado 11648 vezes

7 - Ascending Triangle (“triângulo ascendente”)
Um dos mais óbvios padrões bullish, é reconhecido pela forma distinta criada por duas linhas de tendência convergentes. A primeira linha resulta de uma resistência horizontal que impediu pelo menos 2 vezes a progressão do active, e a segunda linha acompanha os prévios “higher lows”.
Investe-se do lado longo no momento em que o preço rompa a resistência horizontal (em breakout). O “triângulo ascendente”, corresponde a um movimento de confirmação da tendência longa.
Ascending triangle.png
Ascending triangle.png (24.74 KiB) Visualizado 11648 vezes

8 - Descending Triangle (“triângulo descendente”)
Padrão de sinal bear que se traduz na inversão da figura anterior. Parte de uma linha de tendência descendente que representa lower highs e uma segunda linha que corresponde ao suporte horizontal que evita a ida a novos mínimos no activo.
Quando finalmente rompe o suporte horizontal, os investidores no breakdown, vendem ou shortam o activo, reforçando a tendência de queda.
descending triangle.png
descending triangle.png (19.19 KiB) Visualizado 11648 vezes

9 – Pennant (“Pendão”)
Um padrão de confirmação da tendência (bear ou bull), é formado após um forte movimento no activo, e consolidando de seguida, numa sucessão casa vez mais apertada de higher e de lower highs (movimento de pinça), fazendo convergir as duas linhas de tendência.
O “pendão” é seguido por um movimento na mesma direção do movimento inicial, traduzindo-se no rompimento da tendência.
pennant.png
pennant.png (28.2 KiB) Visualizado 11648 vezes

Tópicos relacionados no Índice na Pag.1 post 1
CANDLESTICKS
TREND FOLLOWING / Identificar as Market Trends
MOMENTUM
14 REVERSAL CHART PATTERNS Parte I – death cross, inverse head and shoulders, head and shoulders
MÉDIAS MÓVEIS
Editado pela última vez por Optimiza em 14/6/2015 20:35, num total de 1 vez.
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

Re: A Memória do Preço » O Preço da Memória

por Penaforte » 27/2/2015 11:54

Perseu, muitos parabéns pelo tópico, já de leitura obrigatória! Para quem como eu que está a aprender, é uma autêntica fonte.. por favor continua a partilhar connosco :clap: .
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1122
Registado: 20/10/2014 14:55

XVII - 14 REVERSAL CHART PATTERNS PARTE III

por Optimiza » 27/2/2015 18:11

Obrigado Penaf, vai escrevendo tb para partilharmos ideias!
coloco, então os últimas 5 padrões gráficos.
cumps, perseu

14 REVERSAL CHART PATTERNS (Inversão da Tendência) Parte III

10 – Rounding bottom; 11 - Bullish Symmetrical Triangle; 12 - Bearish Symmetrical Triangle; 13 - Falling Wedge; 14 - Flag
Os primeiros três inversores: Death cross, inverse head and shoulders, head and shoulders encontram-se neste link: viewtopic.php?f=3&t=84008&start=200#p1173731
Os inversores do 4º ao 9º: 4 – Double Top; 5 – Triple bottom; 6 - Cup and Handle; 7 – Ascending triangle; 8 – Descending triangle; 9 – Pennant, encontram-se neste link:
viewtopic.php?f=3&t=84008&start=200#p1174259

10 – Rounding Bottom (“Fundo arredondado”)
Padrão gráfico bullish utilizado para identificar um série de movimentos no preço em forma de “U” arredondado. Esse formato deriva da tentativa de um activo em encontrar um Suporte, por intermédio de estabelecer uma base de inversão da tendência descendente anterior. Pode demorar semanas ou meses, numa fase de equilibrios semanais entre oferta e procura (baixa volatilidade), antes do breakout final.
rounding bottom.png
rounding bottom.png (24.79 KiB) Visualizado 11455 vezes

11 - Bullish Symmetrical Triangle (“triângulo simétrico bullish”)
Padrão técnico identificado gráficamente pela forma de duas linhas (de tendência) convergentes. Após uma subida de médio/longo prazo, representa a luta entre bull e bears, numa sucessão de lower highs e de higher lows. Ambas as trendlines funcionam como barreiras (suporte vs resistência), até que as ordens de compra superam a oferta e o preço rompe decisivamente em alta.
bullish simmetric triangle.png
bullish simmetric triangle.png (28.75 KiB) Visualizado 11455 vezes

12 - Bearish Symmetrical Triangle (triângulo simétrico bearish)
Identifica-se gráficamente da mesma forma que o anterior, via duas linhas de tendência convergentes. Após uma correção de médio/longo prazo, representa a luta entre bears e bulls, numa sucessão de lower highs e de higher lows. Ambas as trendlines funcionam como barreiras ((suporte vs resistência), até que as ordens de venda superam a procura e o preço rompe decisivamente em baixa.
bearish symmetrical triangle.png
bearish symmetrical triangle.png (29.6 KiB) Visualizado 11455 vezes

13 - Falling Wedge (“cunha descendente”)
Graficamente bearish, mas com significado bullish, surge da exaustão de uma linha de tendência ascendente, surgindo uma ligeira tendência descendente, numa dinâmica de preço com topos e fundos muito próximos (lower lows e lower highs) desenham-se numa forma de cunha a apontar para baixo. Esta tendência é de curto ou de médio prazo, e tende a enganar alguns players do mercado, que são levados a fechar posições.
No terminus dessa tendência intermédia, o activo volta à sua macro tendência ascendente de médio/longo prazo.
falling wedge.png
falling wedge.png (32.28 KiB) Visualizado 11455 vezes

14 – Flag (“bandeira”)
Um padrão técnico bullish que é identificado graficamente pelo desenho de uma bandeira com mastro no seu início.
O “mastro” representa a subida anterior do activo, e a “bandeira” resulta de uma flutuação de preços num canal com topos e máximos a uma distância equivalente, libertando usualmente o activo de uma fase overbought (linhas descendentes de suporte e linha de resistência). Demonstram uma fase de distribuição antes de retomar a Linha de tendência ascendente. Parecido com o grafismo do "pendão", mas em que os players estão mais convictos das suas posições, até ao fim do padrão.
bullish flag.png
bullish flag.png (33.08 KiB) Visualizado 11455 vezes

Tópicos relacionados no Índice na Pag.1 post 1
CANDLESTICKS
TREND FOLLOWING / Identificar as Market Trends
MOMENTUM
Médias Móveis
Editado pela última vez por Optimiza em 14/6/2015 20:37, num total de 1 vez.
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

Re: A Memória do Preço » O Preço da Memória

por pcm1979 » 27/2/2015 19:55

Amigo perseu, bem sei que só queres Europa, mas dá pra deixares uma opinião sobre a CIG cotada em USD? Não pretendo entrar, mas pode interessar a alguém que siga o tópico. :wink:
 
Mensagens: 971
Registado: 26/7/2014 12:37
Localização: Braga

Re: A Memória do Preço » O Preço da Memória

por zeef » 27/2/2015 20:08

Que qualidade é esta? :lol:

Estou adorar as aulas perseu.

Posso saber onde tiras referencias? 8-)

Para quando as Elliot waves e sequências fibonacci, Rsi, Macd, oscilador Estocástico, SAR, Force Index, pivot points, suportes e resistências fixas

Não te esqueças do aroon, trix, williams :)

?

Abraço
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 165
Registado: 9/11/2014 21:16
Localização: Porto

» CRÍTICA À PERFORMANCE FUTURA S&P500

por Optimiza » 1/3/2015 1:13

Boa noite Zeef, agradeço o teu feed-back e sobre alguns pontos de leitura sobre mercados e técnicas aplicáveis, anexo alguns sites que leio e recomendo:
learn» http://stockcharts.com/school/doku.php?id=chart_school http://www.investopedia.com/university http://www.investorsintelligence.com
insides» http://www.advisorperspectives.com http://www.wsj.com/public/page/news-fin ... stock.html http://247wallst.com/
macro trends» http://www.goldmansachs.com/our-thinkin ... index.html https://www.jpmorganfunds.com/cm/Satell ... etomarkets https://www.credit-suisse.com/ch/en/new ... sting.html inputs» http://www.r4.com/analisis-financiero-r ... comendados http://www.bolsamania.com/noticias/anal ... 2015-02-27 http://markets.on.nytimes.com/research/ ... dities.asp http://www.xtf.com/ http://cincodias.com/mercados/analisis_tecnicos/ http://money.cnn.com/data/fear-and-greed/?iid=EL

brevemente escreverei sobre o rsi, macd, force index entre outros, mas antes estou a conjugar info (as contas ainda não batem certo) sobre o próximo crash - nas obrigações/dívida pública.

PCM, Viva! Andas avant la lettre. O Brasil, depois de 12 meses de "desprezo", voltou a estar na mira do Credit Suisse, Nomura e Morgan Stanley, e já regressou ao ìndice de popularidade no XTF (já apetece ser contrarian neste grande Mercado). depois da Sid, Gerdau, Pão de Açucar, vale, itaú, Bradesco, o teu acerto na Sabesp (vê o ìndice Fevereiro), deixa-me expectante no tocante à Cemig.
BE A CONTRARIAN.jpg
BE A CONTRARIAN.jpg (19.64 KiB) Visualizado 11079 vezes

Ibovespa » ações que mais subiram em fevereiro:
ALL ON R$ 5,58 +44,94%
BR Properties ON R$ 11,59 +30,08%
Sabesp ON R$ 16,94 +27,37% » recomendou
CSN ON R$ 5,15 +23,80% » abordou
Usiminas PN R$ 4,13 +23,28%

Cemig - boa surpresa, PER de 8,41 e uma Yield de 17,8% em 2014? mas, a verdade é que para lá da brutal redução nas margens (mantendo mesmo assim uma rentabilidade "interessante", não descobri nenhum "buraco" (o Artista Romeno talvez o descobrisse). A inverter no curto prazo (acima da MMS50)
CEMIG in reais
Sales 2014 17 717 M EBIT 2014 4 754 M Net income 2014 2 940 M Debt 2014 9 737 M
Yield 2014 17,8%
Sales 2015 16 243 M EBIT 2015 3 070 M Net income 2015 1 694 M Debt 2015 9 130 M
Yield 2015 6,30%
PER 2014 5,54 PER 2015 8,41
EV / Sales 2014 1,47x EV / Sales 2015 1,56x Capitalization 16 264 M

» CRÍTICA À PERFORMANCE FUTURA S&P500 VIA GRÁFICOS (Sobreponderando EUROZONA/EMERGENTES)
- O PER médio do S&P está nos 17, nível em que estava em 2004.
- justificando uma correção forte e a subponderação face à expectável outperformance na Eurozona.
- higer highs e higher lows em figura topdown.
- comportamento bear no S&P500, a 3 meses, após 1º aumento da taxa de juro (e já vai ser em Junho ou Julho).
- Low Vixx, lookout below!

cumps, perseu
CEMIG  inversão de curto prazo numa ação com PER 8.png
CEMIG inversão de curto prazo numa ação com PER 8.png (20.49 KiB) Visualizado 11079 vezes
S&P500 PER começa a estar caro, em níveis de 2004.gif
S&P500 PER começa a estar caro, em níveis de 2004.gif (48.38 KiB) Visualizado 11079 vezes
comportamento dos mercados após o primeiro aumento da taxa de juros nos USA.gif
comportamento dos mercados após o primeiro aumento da taxa de juros nos USA.gif (136.29 KiB) Visualizado 11079 vezes
S&P higher highs e higher lows a apontar para uma ligeira correcção.jpg
VIXX  under 14  S&P look out below.png
VIXX under 14 S&P look out below.png (20.94 KiB) Visualizado 11079 vezes
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

Brasil com Z jamais

por pcm1979 » 1/3/2015 20:23

perseu Escreveu:brevemente escreverei sobre o rsi, macd, force index entre outros


Viva perseu. Deixas o rsi e o macd para o fim? Na minha opinião são os melhores. :mrgreen:

perseu Escreveu:
PCM, Viva! Andas avant la lettre. O Brasil, depois de 12 meses de "desprezo", voltou a estar na mira do Credit Suisse, Nomura e Morgan Stanley, e já regressou ao ìndice de popularidade no XTF (já apetece ser contrarian neste grande Mercado). depois da Sid, Gerdau, Pão de Açucar, vale, itaú, Bradesco, o teu acerto na Sabesp (vê o ìndice Fevereiro), deixa-me expectante no tocante à Cemig.


A Gerdau apresenta o resultado anual na 4ªfeira. Pode ser que ela comece a mexer, esta consolidação já me provoca sono.
A Sabesp foi uma grande falha minha, fiquei com medo da seca e não entrei :wall:
Achas que o fundo de dívida soberana brasileira vai continuar a cair? Estou a falar do UBS. Eu estou dentro, sem perceber nada do assunto. Apenas achando que pode ter um repique ou inversão, sei lá. :-k

As havaianas continuam sem decidir qual o rumo a tomar. :-k Parecia que estava a animar, mas perdeu força.
 
Mensagens: 971
Registado: 26/7/2014 12:37
Localização: Braga

Re: A Memória do Preço » O Preço da Memória

por Optimiza » 2/3/2015 3:36

PCM, o Brasil vai ter um 2016 promissor (Jogos Olímpicos, saneamento na Petrobrás, crescimento do PIB), mas agora, ainda não é um mercado seguro, apesar de ter dezenas de ações baratas (como as identificadas Gerdau,SID, Cemig, itaú, Bradesco, etc). Porquê? PIB em ligeira contração, escândalo em resolução na ação central do Brasil - Petrobrás, permanecem os Outflows de investidores estrangeiros, Inflação acima de 7% e desvalorização continuada do real (estas 3 últimas razões, estão na génese da desvalorização de fundos internacionais sobre activos brasileiros sem hedge cambial).

Não complicar! Nestes próximos dois meses, a Eurozona representa oportunidades de valorização com menor risco. Porque não privilegiar títulos Pró-cíclicos Espanhóis (preferidos), Italianos, Alemães e Portugueses. O PSI20 tem uma vantagem lateral para posições longas até final de Maio, com apenas 17 títulos verdadeiramente no activo, com apenas 10 com escala de volumes e apenas 8 com efectivo pendor especulativo e dessas apenas 5 pró-cíclicas, torna-se apetecível para fases marcadamente bull (procura excede oferta), bem delimitadas no tempo.
Sobreponderar a Europa.gif
Sobreponderar a Europa.gif (28.03 KiB) Visualizado 10846 vezes

6 perguntas a fazer para construir uma posição longa (horizonte temporal acima de 2 dias / 2 palavras-chave - conhecer/prever ):
1/ Conheço este mercado? Tendência de curto, médio e longo prazo, liquidez, evolução histórica, resistências e suportes.
2/ Conheço o activo? Reflecti sobre o seu histórico, fundamentais, potencial e riscos. Não sinto dificuldade em determinar uma evolução cíclica, identificar padrões e trend sectorial, não estando o mesmo em sobrecompra ou em exaustão.
3/ Consigo desenvolver uma estratégia para explorar um EDGE? Temos de explicar a nós próprios de uma forma simples quais são as vantagens (técnicas e(ou) fundamentais face a outros activos), porque vamos alocar uma parcela de recursos escassos a um determinado investimento.
4/ Qual o Driver da operação? Que narrativa é que vai mexer a cotação.
5/ Qual o preço de entrada? Ponto de equilíbrio
6/ Tenho um plano de saída, face ao horizonte temporal definido? Face ao R/R, que targets, qual a stop loss (nível de correção tolerada), que ajustamentos ao plano, quando.
buy hold sell.jpg
buy hold sell.jpg (3.54 KiB) Visualizado 10846 vezes

Nota – evitar comprar penny stocks (ficou comprovado pela Merryl Linch, em 2014, que um dollar investido em penny stocks tem 4 vezes mais probabilidades de gerar prejuízos do que um dollar investido em blue chips).

Renda fixa/ Obrigações/ dívida pública Uma fase de correção ou um crash?
No seu livro Irrational Exuberance, Robert Shiller (Nobel da economia), relata como se desenvolvem períodos de “bolhas” nos mercados, tanto nos financeiros como nos imobiliários, e que os mesmos correspondem a períodos de alguma irracionalidade ou pelo menos de ausência de justificação tradicional económica evidente. Tal é o caso das Yields negativas em dívida pública ou de Yields próximas de 0 em blue chips.
Defende que os mercados são feitos por pessoas e, como tal, influenciados pela psicologia humana, o que pode conduzir a que os preços praticados nos mercados não reproduzam aquele que será o valor intrínseco dos respetivos ativos, incorporando as perceções subjetivas acerca dos mesmos. A chamada “economia comportamental”, defende que a psicologia humana pode provocar resultados que a teoria tradicional económica não faria prever, ou seja, o conjunto das expectativas dos investidores é determinante para explicar a evolução dos preços dos ativos levando a períodos de irracionalidade abusiva.
Razões possíveis para a correção nos mercados de renda fixa:
1) consequência da política monetária activa do FED (e do BCE). Aumento da taxa de juro em Junho/Julho nos USA.
2) Yields esmagadas já não compensam o risco de médio prazo.
3) Consequência do ecossistema dos institucionais, do horizonte temporal e da percepção de risco.
4) Maior atractividade da renda variável face à fixa (a maior nos últimos 6 anos). A Pimco alerta que as taxas negativas em dívida pública, vão forçar resgates em larga escala.
5) Compras adicionais no mercado acionista (60%/40%). Aumento generalizado da liquidez,, da alocação de recursos a fundos de private equity, Fundos e crédito imobiliários , hedge funds. Incerto ainda o impacto nas commodities.

Cumps, perseu
yields negativas na dívida pública - o crash.gif
yields negativas na dívida pública - o crash.gif (72.05 KiB) Visualizado 10846 vezes
ACTIVOS MUNDIAS  AÇÕES OBRIGAÇÕES DÍVIDA PUBLICA.png
ACTIVOS MUNDIAS AÇÕES OBRIGAÇÕES DÍVIDA PUBLICA.png (303 KiB) Visualizado 10846 vezes
BOVESPA  a performance do índice é afectada pela invisível inflação.png
BOVESPA a performance do índice é afectada pela invisível inflação.png (22.12 KiB) Visualizado 10846 vezes
STOXX 50 EUROZONE BULL.png
STOXX 50 EUROZONE BULL.png (26.73 KiB) Visualizado 10846 vezes
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

Re: A Memória do Preço » O Preço da Memória

por pcm1979 » 2/3/2015 11:38

As farmacêuticas podem ser das cotadas que mais prejudicam a saúde. :mrgreen:
A ARNA está quase a devolver toda a euforia de Janeiro.
 
Mensagens: 971
Registado: 26/7/2014 12:37
Localização: Braga

Evitar a Euforia!

por Optimiza » 3/3/2015 0:14

PCM, o sector de healthcare é o sector das "viúvas e orfãos", compra-se um ETF/Fundo sectorial e basicamente passas a ter um "corredor de maratonas" (ver gráfico). Devagar, sem hesitações, mas sempre a subir e a entregar resultados (dividendos). Mesmo em crashes e em bear market, o seu potencial correctivo é diminuto porque os dividendos e a não ciclicidade faz com que jogue como sector, sempre à defesa.

Diferente são as small e medium growth biotechs. Volatilidade estratosférica (sobem e descem numa sessão o que outras demoram um ano), e resultados líquidos negativos. A Arena é uma delas (embora sendo muito volátil nem é das piores), e depende de 3 patentes com majour concorrentes. Queima por ano 95 milhões de usdollars para uma capitalização de 1 bilião. Após resultados ligeiramente abaixo do esperado (perda de 15cents vs 13 cents esperados), do lado positivo, encontra-se a VIVUS (o que é menos bom para a Arena é normalmente bom para a Vivus, e vice versa).

II - A confiança excessiva nos mercados vai dar uma correção ainda em Março. O S&P500, o "pai" de todos os Índices encontra-se com uma volatilidade tão baixa, que em vez de ser o tradicional sinal de um lento mas confiante Bullmarket, passa a ser um sinal para se fazer o trimming de algumas posições lucrativas em ações voláteis. de resto, go with the flow apertando os trailing stops (para veres como os stops são importantes para a saúde da carteira, olha para o gráfico dos crashes).

cumprimentos e prudência, perseu
Health care cares 4you.png
Health care cares 4you.png (28.81 KiB) Visualizado 10685 vezes
Crazy Arena.png
Crazy Arena.png (23.86 KiB) Visualizado 10685 vezes
extrapolar o QE americano para a Europa com o QE Draghi.gif
extrapolar o QE americano para a Europa com o QE Draghi.gif (55 KiB) Visualizado 10685 vezes
O que queremos evitar com stops.gif
O que queremos evitar com stops.gif (66.38 KiB) Visualizado 10685 vezes
VIXX is warning!.png
VIXX is warning!.png (21.8 KiB) Visualizado 10685 vezes
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

Re: Evitar a Euforia!

por RaposoTavares » 3/3/2015 1:05

perseu Escreveu:confiança excessiva nos mercados vai dar uma correção ainda em Março.


Espero que não tenhas razão quanto a todas as biotecnologicas. Mais a mais, entrei especulativamente numa empresa francesa de produtos farmacêuticos há poucos dias. Vamos ver.
"Se um homem tiver realmente muita fé, pode dar-se ao luxo de ser céptico."
in: Citações e Pensamentos, Friedrich Nietzsche
 
Mensagens: 3525
Registado: 4/12/2013 19:13

Re: Evitar a Euforia!

por Optimiza » 3/3/2015 1:34

Raposo Tavares Escreveu:
perseu Escreveu:confiança excessiva nos mercados vai dar uma correção ainda em Março.


Espero que não tenhas razão quanto a todas as biotecnologicas. Mais a mais, entrei especulativamente numa empresa francesa de produtos farmacêuticos há poucos dias. Vamos ver.


Raposo Tavares, alguma destas? EOS Imaging, Implanet, Stentys ou DBV Technologies (o Mercado Francês é o 3º maior do Mundo em biotechs, herdou isso da Curie).
nota - o sector biotech tem leaders (lucros crescentes, não dependem apenas de 2 ou 3 patentes, e crescimento exponencial da facturação) e laggards. Ainda tenho na memória a Gillead a 6 dollars (10 anos atrás).
p.s. olha que li agora mesmo a tua análise que sintetiza bem a questão "grega".
cumps, perseu
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

Re: A Memória do Preço » O Preço da Memória

por RaposoTavares » 3/3/2015 1:39

Entrei ontem na Innate Pharma.
"Se um homem tiver realmente muita fé, pode dar-se ao luxo de ser céptico."
in: Citações e Pensamentos, Friedrich Nietzsche
 
Mensagens: 3525
Registado: 4/12/2013 19:13

Re: A Memória do Preço » O Preço da Memória

por Optimiza » 3/3/2015 2:01

Raposo Tavares Escreveu:Entrei ontem na Innate Pharma.


Essa não conhecia sequer. Mas entraste num timing interessante, e a ação aparenta ser resiliente (ainda numa fase de cash burning, aumenta o capital diluindo as ações, e mesmo assim a cotação continua a progressão). A testar máximos relativos (resistência horizontal nos 10,50€, se superada, mais uma leg up/ suporte na MM20 e mais abaixo, um mini suporte horizontal nos 9.30€, K pode funcionar como stop posicional).

(€50m capital increase in June subscribed by specialized investors).
◦ Cash horizon to the end of 2017 (boa liquidez); • Acquisition of IPH2201, anti-NKG2A antibody, and start of Phase II clinical development.
•Expected in 2015: ◦ Initial efficacy data with lirilumab / ◦ Roll out of Phase II clinical development plan with IPH2201 / ◦ IPH4102 to start clinical trial
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

Re: A Memória do Preço » O Preço da Memória

por RaposoTavares » 3/3/2015 2:13

Não vou colocar nenhum stop loss. Tecnicamente parece-me segura (sim, sublinhei 'parece-me').
Quanto aos fundamentais... a empresa marselhesa é pequena e é recente mas reforçou~se com profissionais de qualidade nos últimos meses. Andam às voltas com umas patentes (ultimam fases de testes) de modo que se a coisa correr bem, corre bem. Se não, não!
Um abraço.
"Se um homem tiver realmente muita fé, pode dar-se ao luxo de ser céptico."
in: Citações e Pensamentos, Friedrich Nietzsche
 
Mensagens: 3525
Registado: 4/12/2013 19:13

Re: A Memória do Preço » O Preço da Memória

por pcm1979 » 3/3/2015 12:49

A GOL está a aproximar-se dos 3usd, o número que pode ser mágico para uma entrada. A assembleia é só no dia 23, pode ser que seja ainda possível fazer uma mais-valia antes dela fazer o reverse split. :-k

http://www.mzweb.com.br/gol2009/web/dow ... 26E4899048


a Taser não pára de cair, já está com macd e rsi nas lonas.
 
Mensagens: 971
Registado: 26/7/2014 12:37
Localização: Braga

Eurozona - Comprar em correcções

por Optimiza » 4/3/2015 9:55

PCM, Viva! A GOL (comp. aéria)encontra-se a testar a LTD (Linha Azul), bear em todos os prazos, na parte inferior do range de médio prazo, encontra-se extr. oversold, e pode protagonizar um forte rebound (após queda continua de 40%). Apenas para investir em short term trades.
Transportou mais 11% de passageiros em 2014, e o Ebitda este ano deve ser incrementado em 55% pela via de cost savings (facturação manter-se-á semelhante), demonstrando a viabilidade da companhia.
O reverso da medalha, é que em termos fundamentais, queimou em RL 790 milhões de reais em 2014, para uma capitalização bolsista de 2,75 biliões de reais e a banca credora não aumentará linhas de crédito. Não está a aproveitar a baixa acentuada do preço dos combustíveis.

A Taser é uma growth stock a testar uma forte resistência horizontal nos 28usd e testar a MMS20 (em máximos históricos), podendo retroceder até ao suporte dos 20usd. Crescimento da facturação yoy de 18%, PER 58. O potencial de valorização, é por agora, limitado.

O Brasil ainda não está na época ideal para se investir - faltam resolver 3 questões macro (apesar de ter "saldos" e de ter cotadas excelentes como Gerdau, itaú, Braskem).

- Para analisar (comprar em correções)

BULL » Pela primeira vez desde Abril de 2014, a actividade económica expandiu-se nos 4 maiores países da Zona Euro e o QE só agora vai começar!
1 - Sobre os mercados da Eurozona que prefiro neste momento, e para comprar em correções até Maio (cíclicas como financeiras, seguradoras, consumo, construção, media, industria), anexo dados sobre o IBEX35 mais algumas selecionadas (itália, Irlanda, França, Bélgica e Alemanha têm tb forte potencial).
2 - E mesmo Portugal também está a viver o seu bull market, e a maioria das ações está longe de esgotar o seu potencial de médio prazo - EDP, JM, Cimpor, BCP, Portucel, PTC, Semapa, Mota Engil, CTT, Galp, e eventualmente NOS e Impresa.

nota - preocupa-me o ìndice da dívida Pública+Privada por país (pode manietar o crescimento do País durante décadas) - Vê Portugal, em que os privados representam 60% da dívida acumulada.

p.s. sobre a dívida grega detida pela banca Eurozona, o efeito hoje em dia de um default é próximo de 0 (despacharam quase tudo durante dois anos). Banca Espanhola tem 220 milhões de euros de dívida pública grega, Portugal tem 128 milhões, frança tem 410 milhões de euros (sobretudo no Crédit Agricole), e a Alemanha apenas tem um player ainda com problema - KFW (que detém 3,6 mil milhões de euros em dívida grega).

cumps, perseu
GOL não marca gol.gif
GOL não marca gol.gif (22.88 KiB) Visualizado 10248 vezes
EDP impasse no canal.gif
EDP impasse no canal.gif (23.99 KiB) Visualizado 10248 vezes
TASER  canal   PER 58.gif
TASER canal PER 58.gif (20.11 KiB) Visualizado 10248 vezes
liquidez em subida exponencial.gif
liquidez em subida exponencial.gif (32.29 KiB) Visualizado 10152 vezes
ibex35 + algumas ações PER+ROE+Price targets.gif
dívida pública + privada por país.gif
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

Resultados da Gerdau

por pcm1979 » 4/3/2015 14:34

Viva perseu. Penso que é um bom resultado trimestral para a Gerdau, com diminuição do lucro líquido de 20,1% em relação ao 4T13.

A diminuição do lucro líquido no ano foi de 12,2%.

http://ri.gerdau.com/ptb/6427/2014.12Te ... RTSITE.pdf
 
Mensagens: 971
Registado: 26/7/2014 12:37
Localização: Braga

"A única forma de gerarmos retorno é investir na Bolsa"

por Optimiza » 5/3/2015 2:59

pcm1979 Escreveu:Viva perseu. Penso que é um bom resultado trimestral para a Gerdau, com diminuição do lucro líquido de 20,1% em relação ao 4T13.
A diminuição do lucro líquido no ano foi de 12,2%.
http://ri.gerdau.com/ptb/6427/2014.12Te ... RTSITE.pdf


PCM, a Gerdau teve resultados acima do esperado e vai manter os dividendos, comprovando ser uma ação acima da média. O gráfico demonstra a luta para a inversão no mid range do canal de longo prazo, por testar a LTD e a MMS100 (ver gráfico). Uma nova linha de tendência ascendente é concebível a 1,5 meses.

A Gafisa reduziu em 99% os lucros, depende de um Mercado congelado - imobiliário médio e luxo carioca e paulista, precisa de encontrar suporte entre os 2 reais e 1,8 reais (resistir na MMS50), e de secar as vendas. O "Brasil não está no ponto". Quando voltar o buzz sobre os jogos olímpicos e das commodities temos mercado.

Retorno só via renda variável - Quando a renda fixa gera um retorno, de 0,3% a 2,1% (de depósitos a prazo a obrigações que não tenham investment grade de Junk), só resta arriscar nos mercados para obtenção de mais valias e sobretudo de dividendos - que podem ir até aos 7,5% em ações defensivas.

Quem procure retorno compra EDP/Endesa ou compra títulos de dívida Portuguesa? Pessoalmente, comprei hoje a primeira.

Algo vai mal quando tal acontece porque este Gap é o maior da História dos mercados. O risco é a sobreexposição a activos de risco, o risco pelo isco de dividendos, o risco de um crash, causado pelo excesso de liquidez. Em 2015 projecta-se um per para o Eurostoxx50 de 13,8%, o PER do S&P500 é de 15,9%, o PER Espanhól rondará os 15,1%. O S&P500 está desviado, face à media, mais de 2,5% (encontra-se em exaustão - ver gráfico), e contudo as ações, permitem um retorno com um gap inimaginável há uns anos atrás, face a dívida pública espanhola e até Portuguesa. Felizmente, na Eurozona, ainda existe 50% de margem de progressão nos EPS (ver gráfico anexo), e 60 biliões de euros ao mês para "engordar" os mercados.
Os dividendos na eurozona tendem a subir reforçando a tendência.gif

Claro que existem outros investimentos de retorno elevado mas também muito expostos ao risco/volatilidade - imobiliário, construção, derivados, call e options, unit linked, junk bonds, mas isso é colocar mais achas na fogueira.

2 - Taxas negativas na dívida pública e privada. Porque é que as emissões obrigacionistas da Nestlé, da Siemens e da Roche (todas de 2 a 4 anos), ou a dívida pública a de 3 a 6 anos, da Alemanha, da Dinamarca, da Holanda estão em taxas negativas em prazos médios? Basicamente por 3 motivos - 1/Medo, 2/excesso de liquidez/+ um enorme excesso de liquidez com o futuro Q.E. Europeu, que vai criar mais montanhas de liquidez em cima de tudo isto.

Como sabemos, é impossível ter taxas negativas ad aeternum, porque algures no futuro o dinheiro do depósito desaparecia (imaginem uma taxa de juro negativa de 2%. Ao fim do primeiro ano, de 100% iniciais só se tem 98%, e no ano a seguir retira-se mais 2% e assim sucessivamente).

3 - A margin debt está a descer abaixo da média móvel de 12 meses nos USA - bad omen do melhor leading indicator para a evolução do S&P500.

Empresa americanas a exportar menos devido ao efeito cambial dollar/euro, dollar/iene e dollar/rupia. Qual será o efeito no S&P500/Dow?
Empresas Eurozona a exportar mais devido ao efeito petróleo barato e efeito cambial euro/libra, euro/dollar, euro/yuan. Qual sera o feito no Eurostoxx50, Dax e Ibex?

GERDAU mid range no canal de longo prazo teste à LTD e MMS20 e MMS100.gif
GERDAU mid range no canal de longo prazo teste à LTD e MMS20 e MMS100.gif (22.15 KiB) Visualizado 10004 vezes
GAFISA bad to the bone.gif
GAFISA bad to the bone.gif (19.49 KiB) Visualizado 10004 vezes
MARGIN DEBT FALLING   BEARISH SIGNAL.jpg
MARGIN DEBT FALLING BEARISH SIGNAL.jpg (93.86 KiB) Visualizado 10004 vezes
Exaustão no S&P.jpg
VIXX mini recuperação possibilita mini rebound.png
VIXX mini recuperação possibilita mini rebound.png (26 KiB) Visualizado 10004 vezes
Aquele que deixa de ser melhor, deixa de ser bom! Aristóteles
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1640
Registado: 1/11/2012 23:18
Localização: Ítaca

AnteriorPróximo

Quem está ligado: