Onde investir para escapar à bancarrota ?

Espaço dedicado a todo o tipo de troca de impressões sobre os mercados financeiros de uma forma genérica e a todo o tipo de informação útil que possa condicionar o desempenho dos mesmos

Moderadores: pata-hari, Ulisses Pereira, MarcoAntonio

Onde investir para escapar à bancarrota ?

por ppaul2005 » 12/6/2011 20:21

Olá.
Pois eu venho pedir a ajuda dos membros deste forum.
Tem-se falado na possibilidade de Portugal não pagar a divida e até sair da união monetária.
No caso de portugal reestruturar a dívida , detentores de titulos do estado seriam penalizados.
No caso de Portugal sair do Euro , a moeda nacional desvalorizaria ficando os detentores da mesma lesados.
Perante estes cenários, pergunto :
Onde investir por forma a manter o valor das nossas poupanças ?
Para mim essa é uma questão importante.
Desde já agradeço a colaboração dos intervenientes.
 
Mensagens: 7
Registado: 13/10/2008 10:59
Localização: 16

por MatildeSerrano » 12/6/2011 20:42

A única maneira é colocares o dinheiro por baixo do colchão (o que de certa forma é ainda mais arriscado que deixares o dinheiro no Banco).
 
Mensagens: 980
Registado: 30/6/2008 20:42
Localização: 1

Re: Onde investir para escapar à bancarrota ?

por aaugustobb_69 » 12/6/2011 20:45

ppaul2005 Escreveu:Olá.
Pois eu venho pedir a ajuda dos membros deste forum.
Tem-se falado na possibilidade de Portugal não pagar a divida e até sair da união monetária.
No caso de portugal reestruturar a dívida , detentores de titulos do estado seriam penalizados.
No caso de Portugal sair do Euro , a moeda nacional desvalorizaria ficando os detentores da mesma lesados.
Perante estes cenários, pergunto :
Onde investir por forma a manter o valor das nossas poupanças ?
Para mim essa é uma questão importante.
Desde já agradeço a colaboração dos intervenientes.


Portugal sair do euro??...então mas Portugal já não se encontra em primeiro?? :?
 
Mensagens: 671
Registado: 29/11/2007 1:39
Localização: santa maria da feira

por mcarvalho » 12/6/2011 21:01

ppaul
a unica coisa que te pode safar a ti e a nós todos

são os conhecimentos e o saber fazer.. dinheiro, papel ou acções .. ??? !! antigamente ainda dava para forrar paredes.. agora não dá para nada .. é tudo ilusão .. é tudo virtual .. e isso não te enche o estomago.. nem te garante continuidade :(

Quem sabe como se produz o que o alimenta, o que mete à boca?

Isso é básico e todos deviam saber depois viria o E=mc2
 
Mensagens: 7051
Registado: 17/2/2004 1:38
Localização: PORTO

por Adam hedge » 12/6/2011 21:46

Penso que colocar as suas poupanças em outro país,e com tradição bancária,irá reduzir-lhe as preocupações,e consoante o montante irá dar-lhe margem de negociação,relativamente a juros.
Suiça,Luxemburgo , Alemanha poderá ser uma boa opção.

ps: mas Portugal vai sair do euro'? :shock: :arrow:
Volta teu rosto sempre na direção do sol e então as sombras
ficarão para trás.

Lembra-te : se não tivesses lido e ouvido falar em aumento de capital tinhas entrado no bes... portanto...
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 2001
Registado: 21/2/2007 18:24
Localização: zamzibar

por Marco Martins » 12/6/2011 21:57

Adamhedge Escreveu:Penso que colocar as suas poupanças em outro país,e com tradição bancária,irá reduzir-lhe as preocupações,e consoante o montante irá dar-lhe margem de negociação,relativamente a juros.
Suiça,Luxemburgo , Alemanha poderá ser uma boa opção.

ps: mas Portugal vai sair do euro'? :shock: :arrow:


Neste momento não sei se a Suíça será um bom destino.

As maiores fortunas que lá existiam e oriundas de ditadores, cartéis da droga, políticos, bem como de outras fontes com origem em corrupção e lavagem de dinheiro parecem agora estar mais sujeitas a ficarem retidas assim que exista alguma alteração nas políticas do país de origem.

Veja-se o caso do presidente do Egipto, Tunísia, Líbia, etc onde os bens ficaram imediatamente congelados.

Não tarda muito começará uma corrida aos fundos existentes da Suíça e se isso acontecer, teremos lá muitos BPN...
 
Mensagens: 4328
Registado: 7/4/2007 17:13
Localização: Algarve

por mcarvalho » 12/6/2011 21:59

isso foi o que o Kadhafi fez (e outros) mas pelos vistos não resultou muito bem ( congelrama as contas e não é bem visto no seu país .. está acossado por todos os lados)
 
Mensagens: 7051
Registado: 17/2/2004 1:38
Localização: PORTO

por ppaul2005 » 12/6/2011 22:57

Muita gente pensa que não vamos conseguir pagar o que devemos.

Teremos de reestruturar a divida.
Quem o diz é João Duque, possivel ministro das finanças do novo governo.
Quem o afirma é a agencia financeira.

Cito .

João Duque, Presidente do ISEG, e um dos nomes mais falados para a pasta das Finanças no Governo PSD/CDS, não tem dúvidas de que Portugal terá de reestruturar a sua dívida, como começa agora a acontecer na Grécia.

fim citação.

http://www.agenciafinanceira.iol.pt/eco ... -1730.html



Mas como irão reagir os mercados a essa dilatação de pagamento ?

E se Portugal não conseguir mesmo pagar ?

Observadores americanos dão como provavel a saida do Euro.


Vários observadores referem essa possibilidade de a Grécia, Irlanda e Portugal abandonarem o Euro.

Cito relatório do American Enterprise Institute.



" O Primeiro país a entrar em incumprimento da divida provocará um efeito dominó o que provavelmente levará a que paises periféricos da Zona Euro tais como a Grécia, a Irlanda , Portugal e Espanha serão obrigados a sair da moeda unica europeia ".

" Esta é a previsão a que chega o Legatum Institute baseado em Londres e a American Entterprise Institute baseado em Washington , após o emprestimo de 70 bilioes de dolares à economia irlandesa
".

http://www.epolitix.com/latestnews/arti ... -the-euro/

(Abaixo citação original )


Perante estes relatórios eu preocupo-me.

Eu não falava na hipotese de fugir com uma mala cheia de euros para as ilhas caimão, meus amigos !!!!!!~


Não haverá formas perfeitamente legais de fugir a uma turbulência nos mercados ?

Investir no imobiliário, por exemplo.

O objectivo do investir é esse mesmo : Valorizar ou manter o valor de um património , nas condições económicas presentes e nos cenários que possam vir a ocorrer.



" The first country to default will then create a knock-on effect which will more than likely lead to an exit from the euro by peripheral eurozone countries, Greece, Ireland, Portugal and Spain.

This forecast by the Legatum Institute, based in London, and the American Enterprise Institute, based in Washington, follows the £70bn bail-out of the Irish economy agreed at the weekend. ".
 
Mensagens: 7
Registado: 13/10/2008 10:59
Localização: 16

por Ulisses Pereira » 12/6/2011 23:40

ppaul, a dívida alemã parece-me ser uma hipótese que encaixa naquilo que pretendes.

Um abraço,
Ulisses
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 28907
Registado: 29/10/2002 4:04
Localização: Aveiro

Re: Onde investir para escapar à bancarrota ?

por kuppka » 13/6/2011 0:12

ppaul2005 Escreveu:Olá.
Pois eu venho pedir a ajuda dos membros deste forum.
Tem-se falado na possibilidade de Portugal não pagar a divida e até sair da união monetária.
No caso de portugal reestruturar a dívida , detentores de titulos do estado seriam penalizados.
No caso de Portugal sair do Euro , a moeda nacional desvalorizaria ficando os detentores da mesma lesados.
Perante estes cenários, pergunto :
Onde investir por forma a manter o valor das nossas poupanças ?
Para mim essa é uma questão importante.
Desde já agradeço a colaboração dos intervenientes.


"postas" com este imaginário vão aparecendo por aqui com frequência;
Uma resposta possível é: Eu trabalho, tu trabalhas, ele trabalha. Nós trabalhamos, vós trabalhais e, eles trabalham.
Cmps.
 
Mensagens: 331
Registado: 31/5/2009 15:22
Localização: 20

por Ulisses Pereira » 13/6/2011 0:14

kuppka, mas a questão não é o dinheiro que se vai ganhar, mas sim como proteger o que já se ganhou...

UM abraço,
Ulisses
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 28907
Registado: 29/10/2002 4:04
Localização: Aveiro

por kuppka » 13/6/2011 0:27

Ulisses Pereira Escreveu:kuppka, mas a questão não é o dinheiro que se vai ganhar, mas sim como proteger o que já se ganhou...

UM abraço,
Ulisses


A reincidência da questão tem sido como proteger o meu $ (eurinhos) da INqUESTIONÁVEL bancarrota do país, daí respostas sábias e antigas como o colchão, sendo que o trabalho de todos pode desenhar outra resposta.

Ulisses, sei que é um sintoma.

Cmps.
 
Mensagens: 331
Registado: 31/5/2009 15:22
Localização: 20

por ppaul2005 » 13/6/2011 1:09

Obrigado Ulisses.
Eu não posso pôr o país a trabalhar para melhorar o deficit.
O que posso fazer é gerir com sabedoria a minha vida e o meu património.
É por essa razão que as pessoas não dão notas de 10 euros aos arrumadores de carros.
Elas gerem o seu património de forma a retirar o máximo beneficio presente ou futuro.
As minhas dúvidas não são pois tão excêntricas.
A receita de pôr o país a trabalhar é boa para o Cavaco e o PPC ..,mas eu duvido que eles consigam , de um momento para o outro, pôr as pessoas a trabalhar dez horas por dia ou em dias que são agora feriados.
A receita do colchão não funcionaria.
Pois se o EURO desvalorizar o mesmo número de euros ficam a valer uma fracção do que valiam.
 
Mensagens: 7
Registado: 13/10/2008 10:59
Localização: 16

Dúvida

por poseidon635 » 13/6/2011 10:14

Uma vez que tenho algumas poupanças, uma das alternativas para salvaguardar o valor do dinheiro, poderá ser amortizar grande parte da dívida (50%) do crédito habitação, ou não será boa ideia?

BN
 
Mensagens: 337
Registado: 13/6/2008 10:22
Localização: 14

por altrio » 13/6/2011 12:03

uma das alternativas para salvaguardar o valor do dinheiro, poderá ser amortizar grande parte da dívida (50%) do crédito habitação, ou não será boa ideia?


O dinheiro que amortizares fica de certeza para ti, porque a tua dívida diminui. No entanto, caso voltássemos ao escudo e houvesse uma desvalorização forte, também a dívida se desvalorizaria.

Ou seja, em caso de desvalorização da nossa moeda mais vale ter dívidas e o dinheiro noutro sítio qualquer (noutra moeda)...
It’s a recession when your neighbor loses his job; it’s a depression when you lose your own. — Harry S. Truman

If you're going through hell, keep going. - Winston Churchill
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 726
Registado: 11/12/2010 20:34

por canteiro » 13/6/2011 12:22

altrio Escreveu:

No entanto, caso voltássemos ao escudo e houvesse uma desvalorização forte, também a dívida se desvalorizaria.



Depende onde estivesse centrada a dívida. Será que a banca desvalorizaria a dívida mantendo a sua própria dívida ao exterior a preços actualizados?
"Na mesma lagoa em que um cavalo mata a sede o outro morre afogado."

Ditado campestre

Imagem
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 316
Registado: 22/1/2011 17:59
Localização: 14

por Silverwolf » 13/6/2011 12:35

altrio Escreveu:
uma das alternativas para salvaguardar o valor do dinheiro, poderá ser amortizar grande parte da dívida (50%) do crédito habitação, ou não será boa ideia?


O dinheiro que amortizares fica de certeza para ti, porque a tua dívida diminui. No entanto, caso voltássemos ao escudo e houvesse uma desvalorização forte, também a dívida se desvalorizaria.

Ou seja, em caso de desvalorização da nossa moeda mais vale ter dívidas e o dinheiro noutro sítio qualquer (noutra moeda)...


Nada mais errado!

A nossa divida está em Euros... ao passarmos a escudo iria existir de forma mto rapida uma desvalorização do escudo face ao Euro. Não esquecer que a nossa divida continuava a ter um valor total em Euros, pois foi Euros que pedimos no passado.

Conclusão quem deve passa a dever mto mais...
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 516
Registado: 15/1/2008 17:43

Re: Dúvida

por ppaul2005 » 13/6/2011 12:48

poseidon635 Escreveu:Uma vez que tenho algumas poupanças, uma das alternativas para salvaguardar o valor do dinheiro, poderá ser amortizar grande parte da dívida (50%) do crédito habitação, ou não será boa ideia?

BN


Não sendo especialista na matéria acho que essa é uma opção que deve considerar .
Com a instabilidade que se vive é incerto o futuro de poupanças.
Esta é simplesmente uma opinião de leigo , repito.
O assunto vale porém a pena ser abordado com um ou dois especialistas..
Segundo o jornal de negócios de 15 de Abril de 2011 , caso portugal abandonasse a moeda unica , cito :

" DEVEDORES EM BUSCA DE EUROS "

Os rendimentos passavam a ser na nova moeda mas familias e empresas teriam de pagar as suas dividas antigas em euros. Muitos não o conseguiriam fazer ".

Jornal negócios, 15 de Abril de 2011 , Pag 16 .

" E se portugal deixasse o euro ? ".
 
Mensagens: 7
Registado: 13/10/2008 10:59
Localização: 16

por ppaul2005 » 13/6/2011 12:59

A nossa divida está em Euros... ao passarmos a escudo iria existir de forma mto rapida uma desvalorização do escudo face ao Euro. Não esquecer que a nossa divida continuava a ter um valor total em Euros, pois foi Euros que pedimos no passado.

Conclusão quem deve passa a dever mto mais...


É isso que também se afirma no jornal de negócios que citei atrás.
Se eu dever 10 000 euros.., se a nova moeda valer um decimo de euro ficarei a dever 100 000 cruzados (nome ficticio da nova moeda portuguesa).


As poupanças em Euros são convertidas em cruzados na relação de cada euro valer 10 cruzados , também.
Acontece que o cruzado rápidamente se começará a desvalorizar e assim podemos ficar com numeros sem valor, na conta.
É uma boa perspectiva para um aforrador ? Não !!
 
Mensagens: 7
Registado: 13/10/2008 10:59
Localização: 16

Risco de bancarrota nos 47%

por ppaul2005 » 13/6/2011 13:34

FONTE : EXPRESSO / EXAME .

http://aeiou.expresso.pt/risco-de-banca ... 47=f655252

Risco de bancarrota acima de 47%
Juros das obrigações do Tesouro a 3 anos sobem para 12,75% num movimento de disparo que abrange todas as maturidades. Risco de default está acima de 47%



A semana abre com enorme pressão especulativa sobre os juros das obrigações do Tesouro (OT) portuguesas no mercado secundário, segundo a Bloomberg.

As maiores variações diárias no grupo de quatro países membros da zona euro sob observação dos mercados financeiros estão a ocorrer nas OT a 3 anos e a 2 anos. Os juros das OT a 3 anos estão em 12,75%. Também os juros das OT a 5 anos estão já acima de 12% e os juros relativos às OT a 2 anos aproximam-se dos 12%. Os juros das OT a 10 anos subiram para 10,62%.

A probabilidade de incumprimento da dívida soberana portuguesa, de acordo com a "temperatura" no mercado dos credit default swaps (seguros financeiros contra o risco de default), subiu para 47,4%, um patamar jamais atingido, segundo dados da CMA DataVision.[/b]
 
Mensagens: 7
Registado: 13/10/2008 10:59
Localização: 16

Alternativas

por poseidon635 » 13/6/2011 13:51

Obrigado pelos vossos comentários.

Pelo que li até agora, existem alternativas para colocar as nossas poupanças a "salvo", no entanto, penso uma das que nos beneficiará em qualquer dos cenários aqui colocados penso que será amortizar dívida do crédito habitação.

BN
 
Mensagens: 337
Registado: 13/6/2008 10:22
Localização: 14

Divida Alemã

por raiospedro » 13/6/2011 14:01

Peço desculpa aos mais entendidos mas como poderei comprar divida alemã? Está ao alcance de qualquer pessoa?
 
Mensagens: 9
Registado: 1/12/2010 16:01
Localização: 12

por altrio » 13/6/2011 14:24

It’s a recession when your neighbor loses his job; it’s a depression when you lose your own. — Harry S. Truman

If you're going through hell, keep going. - Winston Churchill
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 726
Registado: 11/12/2010 20:34

por lsilva4 » 13/6/2011 14:34

Viva,
Sempre ouvi dizer que o franco suíço é das moedas mais sólidas do sistema monetário mundial...agora se o será por muito tempo, não sei mas fica a sugestão. Eu já estive mais longe de fazer experiências com câmbios...

Cumprimentos
Pensa e faz que pensas. Do cansaço dos outros faz a tua oportunidade. Faz tocar o despertador para emoções alheias. Mais importante que tudo, FAZ!
 
Mensagens: 247
Registado: 12/11/2009 22:20
Localização: Lisboa/Castelo Branco

por Silverwolf » 13/6/2011 14:39

ppaul2005 Escreveu:
A nossa divida está em Euros... ao passarmos a escudo iria existir de forma mto rapida uma desvalorização do escudo face ao Euro. Não esquecer que a nossa divida continuava a ter um valor total em Euros, pois foi Euros que pedimos no passado.

Conclusão quem deve passa a dever mto mais...


É isso que também se afirma no jornal de negócios que citei atrás.
Se eu dever 10 000 euros.., se a nova moeda valer um decimo de euro ficarei a dever 100 000 cruzados (nome ficticio da nova moeda portuguesa).


As poupanças em Euros são convertidas em cruzados na relação de cada euro valer 10 cruzados , também.
Acontece que o cruzado rápidamente se começará a desvalorizar e assim podemos ficar com numeros sem valor, na conta.
É uma boa perspectiva para um aforrador ? Não !!


Pois, o problema é que continuaremos a receber o ordenado em escudos... ou seja, um tipo que deva 100 mil euros e ganhe mil euros por mes e tenha uma prestação de 500€ mês (para facilitar)... continuará a dever os 100 mil euros e passará a ganhar 200 contos... passado pouco tempo esses 200 contos já não valerão mil euros mas sim por exemplo 500 euros... e se a prestação for à mesma de 500€???
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 516
Registado: 15/1/2008 17:43

Próximo

Quem está ligado:
Utilizadores a ver este Fórum: Francisco Miguel, Google [Bot], m-m e 18 visitantes