Outros sites Cofina
Caldeirão da Bolsa

Dívida da República Portuguesa

Espaço dedicado a todo o tipo de troca de impressões sobre os mercados financeiros de uma forma genérica e a todo o tipo de informação útil que possa condicionar o desempenho dos mesmos

Moderadores: Pata-Hari, Ulisses Pereira, MarcoAntonio

Re: Dívida da República Portuguesa

por m-m » 8/1/2020 16:56

Diria que as 4 grandes rúbricas de utilização de capital serão:

    Sistema bancário (injeções de capital no Fundo Resolução para o NB; BPN)
    Antecipação dos reembolsos empréstimos FMI e UE
    Despesas com pessoal FP (35H -> aumento despesa com horas extra-ordinárias; descongelamento carreiras; integração precários)
    Buracos nas empresas públicas, nomeadamente a CP e a IP


Cumprimentos,
M
 
Mensagens: 85
Registado: 25/2/2008 17:56
Localização: 14

Re: Dívida da República Portuguesa

por artista_ » 8/1/2020 17:40

m-m Escreveu:Sistema bancário (injeções de capital no Fundo Resolução para o NB; BPN)


Posso estar enganado mas nos últimos anos penso que não foram injetados muitos milhões na banca...

m-m Escreveu:Antecipação dos reembolsos empréstimos FMI e UE


Mas esta parte sai da dívida, no fundo é troca de dívida, a antecipação do pagamento gera é poupanças e não mais gastos...

m-m Escreveu:Despesas com pessoal FP (35H -> aumento despesa com horas extra-ordinárias; descongelamento carreiras; integração precários)


Mas aqui, olhando para os gastos com saúde e educação, não há aumentos, aliás, no caso da educação não houve qualquer alteração nos horários dos professores, que representam a grande fatia dos gastos da educação...

m-m Escreveu:Buracos nas empresas públicas, nomeadamente a CP e a IP


Aqui não faço a mínima ideia, mas tenho algumas dúvidas que tenham sido gastos valores significativos, tendo em conta do que estamos a falar...



Cumprimentos,
M[/quote]
Sugestões de trading, análises técnicas, estratégias e ideias http://sobe-e-desce.blogspot.com/
http://www.gamesandfun.pt/afiliado&id=28
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 17277
Registado: 17/3/2003 22:51
Localização: Almada

Re: Dívida da República Portuguesa

por Thoth » 24/1/2020 18:30

Confirma-se que 2019 foi o ano onde o custo da divida foi mais baixo, ainda falta o custo com o stock.

div.png
div.png (39.66 KiB) Visualizado 1223 vezes


https://www.igcp.pt/fotos/editor2/2020/Boletim_Mensal/01_BM_jan.pdf
“O que está em cima é como o que está em baixo, e o que está em baixo é como o que está em cima”
 
Mensagens: 1925
Registado: 29/9/2016 16:38
Localização: Antigo Egito

Re: Dívida da República Portuguesa

por Thoth » 3/2/2020 15:19

O Banco de Portugal publica hoje, no quadro A.15 do Boletim Estatístico e no BPstat, as estatísticas da dívida pública relativas a dezembro de 2019.

No final de 2019, a dívida pública situou-se em 249,7 mil milhões de euros (Gráfico 1), aumentando 0,6 mil milhões de euros em relação a 2018.

Para este acréscimo contribuiu o aumento dos títulos de dívida (2,3 mil milhões de euros) e das responsabilidades em depósitos (1,0 mil milhões de euros), por via, principalmente, de certificados do Tesouro. Estas variações foram em parte compensadas pela amortização de empréstimos (2,7 mil milhões), em grande medida influenciada pelo reembolso antecipado de 2,0 mil milhões de euros de empréstimos obtidos no âmbito da Facilidade Europeia de Estabilidade Financeira (FEEF) do Programa de Assistência Económica e Financeira (Gráfico 2).

Os ativos em depósitos das administrações públicas diminuíram 2,1 mil milhões de euros em 2019, pelo que a dívida pública líquida de depósitos registou um acréscimo de 2,7 mil milhões de euros em relação ao ano anterior, totalizando 235,3 mil milhões de euros.


Imagem

https://www.bportugal.pt/comunicado/nota-de-informacao-estatistica-divida-publica-dezembro-de-2019
“O que está em cima é como o que está em baixo, e o que está em baixo é como o que está em cima”
 
Mensagens: 1925
Registado: 29/9/2016 16:38
Localização: Antigo Egito

Re: Dívida da República Portuguesa

por BearManBull » 2/3/2020 13:13

Dívida pública arranca 2020 com subida de 2,3 mil milhões


A gestão desastrosa em tempo de vacas gordas que impossibilitou a descida da divida.

Vejo ali um rectângulo que quando rebentar vai ter um movimento bastante agressivo e duvido muito que seja no sentido descendente...
Anexos
debt.png
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 3586
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: Dívida da República Portuguesa

por MarcoAntonio » 2/3/2020 14:01

lfhm83, não vou comentar a política económica ou a governação, mas não creio que avaliar historicamente a dívida pública em termos absolutos seja a forma mais adequada de o fazer. No meu entender, faz mais sentido olhar para a dívida pública em termos reais (corrigida a inflacção) ou em função do PIB.
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 33863
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: Dívida da República Portuguesa

por BearManBull » 2/3/2020 14:09

Concordo é mais relevante em &PIB mas o gráfico é parecido com um rectângulo em formação.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 3586
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: Dívida da República Portuguesa

por MarcoAntonio » 2/3/2020 14:15

lfhm83 Escreveu:Concordo é mais relevante em &PIB mas o gráfico é parecido com um rectângulo em formação.


A dívida pública não é propriamente um ativo negociado no mercado, onde são os investidores "at large" que decidem quanto vale o ativo. Eu não creio que a AT se lhe aplique (além de que, em termos reais, o rectângulo não existe, só em termos absolutos).

:wink:
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 33863
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: Dívida da República Portuguesa

por rfpo » 9/5/2020 18:45

MarcoAntonio Escreveu:
lfhm83 Escreveu:Concordo é mais relevante em &PIB mas o gráfico é parecido com um rectângulo em formação.


A dívida pública não é propriamente um ativo negociado no mercado, onde são os investidores "at large" que decidem quanto vale o ativo. Eu não creio que a AT se lhe aplique (além de que, em termos reais, o rectângulo não existe, só em termos absolutos).

:wink:


Nesta fase do campeonato, os pa´íses estão preocupados com outras coisas que não a divida interna.
Rui Oliveira.
 
Mensagens: 7
Registado: 9/5/2020 18:40

Re: Dívida da República Portuguesa

por Celsius-reloaded » 9/5/2020 21:43

MarcoAntonio Escreveu:lfhm83, não vou comentar a política económica ou a governação, mas não creio que avaliar historicamente a dívida pública em termos absolutos seja a forma mais adequada de o fazer. No meu entender, faz mais sentido olhar para a dívida pública em termos reais (corrigida a inflacção) ou em função do PIB.


Certo.

Mas agora, ironia do destino, a divida por referência ao PIB vai explodir precisamente por se ter desconsiderado no últimos anos o montante absoluto que vem sempre subindo.
31 de Julho: dia de São Stop.
 
Mensagens: 2006
Registado: 29/11/2007 2:35
Localização: Coimbra

Re: Dívida da República Portuguesa

por BearManBull » 10/5/2020 3:16

Muito se fala que o preço se move pelas emoções, mas os verdadeiros market makers são os investidores e os investidores movem-se por expectativas de longo prazo (fundamentais), portanto para mim a AT é algo inerente a qualquer sistema oscilatório (e não só como forma de avaliar psicologia dos especuladores) e como tal (IMHO, sem ter nenhuma referencia concreta a estudos que suportem esta constatação) poderia ter sido aplicado ao valor absoluto de dívida.

De resto como refere bem o Celsius agora que o PIB vai ter uma espalhafatosa queda a dívida %PIB vai explodir e dependendo da paciência e das possibilidades dos parceiros europeus vamos ver se no final não vamos caminhar para um default com respectivo hair cut e com todas as consequências que isso aportará.

Honestamente duvido da capacidade do governo de conter a subida de dívida nos próximos 2 anos e não sei até que ponto o mercado já terá isso descontado. Ainda mais agora que vão vender os tapetes vai sair muita coisa que ninguém estava a contar.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 3586
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Anterior

Quem está ligado:
Utilizadores a ver este Fórum: Bing [Bot], fjcbolsa, kidd, leomiguel77, LoneWolf, Manuel_13, pattern, Simon96 e 74 visitantes