Outros sites Cofina
Caldeirão da Bolsa

Políticas para Portugal

Espaço dedicado a todo o tipo de troca de impressões sobre os mercados financeiros de uma forma genérica e a todo o tipo de informação útil que possa condicionar o desempenho dos mesmos

Moderadores: Pata-Hari, Ulisses Pereira, MarcoAntonio

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 1/12/2017 2:20

Anexos
1.png
1.png (38.31 KiB) Visualizado 4290 vezes
2.png
2.png (37.5 KiB) Visualizado 4290 vezes
 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 13/4/2018 17:42

:mrgreen:
Anexos
1.png
1.png (243.36 KiB) Visualizado 4207 vezes
2.png
2.png (40.5 KiB) Visualizado 4207 vezes
3.png
3.png (82.2 KiB) Visualizado 4207 vezes
4.png
4.png (16.67 KiB) Visualizado 4207 vezes
 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por bogos » 13/4/2018 18:54

Boa tarde
Ocioso


Pena que nesses avisos de greve não constem as tabelas salarias, como forma de informação ao Zé povo que anda a dormir há 40 anos....

Talvez quem fizesse greve aos parasitas sindicais fossem os cidadãos.... :-" :-" :-"

Não há pachorra para o tempo de antena que essa gente tem.

Essa gente nunca Trabalhou na vida.
Os Mários Nogueiras e as Avoilás deste mundo nunca produziram um parafuso que fosse, mas precisam de se alimentar dos papalvos que lhes pagam as quotas sindicais!!!!

Existem aqui alguém sindicalizado, que ao fazer greve seja o sindicato que lhes paga o dia de falta por greve?

Acordem para a vida!!!!

Cumprimentos
Um dos efeitos do medo é perturbar os sentidos e fazer que as coisas não pareçam o que são.
Miguel Cervantes
No outro lado de cada medo está a liberdade.
Marilyn Ferguson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 2886
Registado: 29/12/2005 16:34
Localização: Porto

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 13/4/2018 20:15

bogos Escreveu:Boa tarde
Ocioso


Pena que nesses avisos de greve não constem as tabelas salarias, como forma de informação ao Zé povo que anda a dormir há 40 anos....

Talvez quem fizesse greve aos parasitas sindicais fossem os cidadãos.... :-" :-" :-"

Não há pachorra para o tempo de antena que essa gente tem.

Essa gente nunca Trabalhou na vida.
Os Mários Nogueiras e as Avoilás deste mundo nunca produziram um parafuso que fosse, mas precisam de se alimentar dos papalvos que lhes pagam as quotas sindicais!!!!

Existem aqui alguém sindicalizado, que ao fazer greve seja o sindicato que lhes paga o dia de falta por greve?

Acordem para a vida!!!!

Cumprimentos


Olá bogos,

A vida é custosa e "quem não chora, não mama". :wink:

Abraço

---------

Já agora, alguém consegue entrar no site da DGO (https://www.dgo.pt)? Há meses que não consigo... :-k
 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por Caramelo » 13/4/2018 22:15

Ocioso Escreveu:Já agora, alguém consegue entrar no site da DGO (https://www.dgo.pt)? Há meses que não consigo... :-k


Ocioso, eu utilizo o Safari e consigo:
http://www.dgo.pt/Paginas/default.aspx

Cumps,
Caramelo
 
Mensagens: 241
Registado: 25/4/2007 21:23
Localização: Lisboa

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 14/4/2018 2:15

Caramelo Escreveu:
Ocioso Escreveu:Já agora, alguém consegue entrar no site da DGO (https://www.dgo.pt)? Há meses que não consigo... :-k


Ocioso, eu utilizo o Safari e consigo:
http://www.dgo.pt/Paginas/default.aspx

Cumps,
Caramelo

Utilizando o teu link, já consigo. Obrigado! :D
Abraço
 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 19/4/2018 16:22

 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por JohnyRobaz » 19/4/2018 16:58

Ocioso Escreveu:


Ora, é preciso salvá-lo, ao liberalismo.
“E assim como sonho, raciocino se quero, porque isso é apenas uma outra espécie de sonho.”, Fernando Pessoa
“Nothing good ever comes of love. What comes of love is always something better” , Roberto Bolaño
"A ciência e o poder do homem coincidem, uma vez que, sendo a causa ignorada, frustra-se o efeito. Pois a natureza não se vence, senão quando se lhe obedece." Francis Bacon
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4513
Registado: 20/8/2014 16:50

Re: Políticas para Portugal

por rtavares » 19/4/2018 19:45

E a social democracia? Hum? Quem a salva? E à Europa?
A não perder:
'Não existe empreendimento mais custoso do que querer precipitar o curso calculado do tempo. Evitemos portanto dever-lhe juros.'
in: Aforismos sobre a Sabedoria de Vida, Arthur Schopenhauer

"Se um homem tiver realmente muita fé, pode dar-se ao luxo de ser céptico."
in: Citações e Pensamentos, Friedrich Nietzsche

"O ar quando não é poluído, é condicionado."
in: Jô Soares (conhecido humorista brasileiro)

https://raposotavaresbolsaemercados.wordpress.com/
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 388
Registado: 29/11/2007 12:51
Localização: Albergaria-a-Velha

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 7/5/2018 16:52

Anexos
Pobreza.png
 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 31/5/2018 3:04

Anexos
Barreto.png
Barreto.png (47.32 KiB) Visualizado 3800 vezes
 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 15/7/2018 1:26

 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 8/8/2018 3:06

 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 30/11/2018 18:05

Anexos
Pobreza.png
Pobreza.png (38.2 KiB) Visualizado 3166 vezes
 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 21/12/2018 20:10

Leituras de Natal
Anexos
Animal Farm.jpg
Animal Farm.jpg (18.17 KiB) Visualizado 2999 vezes
Manufacturing Consent.jpg
Manufacturing Consent.jpg (21.8 KiB) Visualizado 2999 vezes
The Dictator's Handbook.jpeg
The Dictator's Handbook.jpeg (11.7 KiB) Visualizado 2999 vezes
 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por Ocioso » 28/12/2018 21:12

 
Mensagens: 1262
Registado: 14/4/2015 1:34

Re: Políticas para Portugal

por BearManBull » 29/12/2018 15:19

O George Orwell faz precisamente essa comparação no "O Triunfo dos Porcos". :mrgreen:
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4154
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: Políticas para Portugal

por BearManBull » 14/1/2019 10:18

O governo anunciou plano de investimento de 20 mil milhões de euros. Como se vê neste artigo à vários obstáculos à execução do mesmo.

:arrow: Falta de mão de obra
:arrow: Falta de financiamento
“urgente ter outra abordagem à questão do financiamento, e onde seja possível congregar investimento privado. A grande questão é se estamos contentes com uma economia que cresce a este ritmo. Portugal precisa de uma economia a crescer 3% ao ano”.

:arrow: Estabilidade politica (geringonça :roll: )
:arrow: Celeridade dos licenciamentos (burocracia)

https://eco.sapo.pt/2019/01/14/vem-ai-u ... onstrucao/

Para além de ser contra politicas de investimento publico directo, tenho algumas anotações adicionais a fazer:

:arrow: Vejo pertinente a tradicional falta de rigor na execução de obras publicas. As PPP tem uma tradição de criar verdadeiros buracos negros nos orçamentos.
:arrow: Se as leis não mudam sera mais um impulso à corrupção
:arrow: Estas estimativas de 20 mil milhões de euros devem ser francamente pouco ajustadas à realidade, com a escassez de mão de obra, quando muito o valor real de orçamento inicial deve saltar para o dobro e seguindo a tradição no final facilmente podemos ter esses numeros x4, ou seja seria algo mais na ordem dos 80 mil milhões de euros.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4154
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: Políticas para Portugal

por rg7803 » 14/1/2019 10:59

lfhm83 Escreveu:O governo anunciou plano de investimento de 20 mil milhões de euros. Como se vê neste artigo à vários obstáculos à execução do mesmo.

:arrow: Falta de mão de obra
:arrow: Falta de financiamento
“urgente ter outra abordagem à questão do financiamento, e onde seja possível congregar investimento privado. A grande questão é se estamos contentes com uma economia que cresce a este ritmo. Portugal precisa de uma economia a crescer 3% ao ano”.

:arrow: Estabilidade politica (geringonça :roll: )
:arrow: Celeridade dos licenciamentos (burocracia)

https://eco.sapo.pt/2019/01/14/vem-ai-u ... onstrucao/

Para além de ser contra politicas de investimento publico directo, tenho algumas anotações adicionais a fazer:

:arrow: Vejo pertinente a tradicional falta de rigor na execução de obras publicas. As PPP tem uma tradição de criar verdadeiros buracos negros nos orçamentos.
:arrow: Se as leis não mudam sera mais um impulso à corrupção
:arrow: Estas estimativas de 20 mil milhões de euros devem ser francamente pouco ajustadas à realidade, com a escassez de mão de obra, quando muito o valor real de orçamento inicial deve saltar para o dobro e seguindo a tradição no final facilmente podemos ter esses numeros x4, ou seja seria algo mais na ordem dos 80 mil milhões de euros.



80.000 milhoes € ... fantástico ... foi precisamente o tamanho do buraco que a troika teve de vir tapar na última vez (78 mM€) ...
eu francamente, politiquices à parte, penso que estamos a começar a reviver a última fase do reinado do rei sócrates, em que o "grande salto em frente" era para ser feito a conta de investimento publico directo ... isto até o mercado abrir os olhos ... neste momento não estamos muito diferentes do que estávamos em 2007/2008, a viver um sucesso ilusório, muito alavancado no boom turistico/imobiliário, com uma pequena diferença, a dívida publica 2019 versus 2008 deve ter duplicado aproximadamente (assim de cabeça deveria andar pelos 70% então, hoje deve andar pelos 120%, para um PIB mais ou menos similar, cerca 180 mM€ ano)

a proxima vez que o martelo cair ainda será com mais força ...
“Buy high, sell higher...”.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 3442
Registado: 1/5/2008 23:09
Localização: Almada.

Re: Políticas para Portugal

por BearManBull » 14/1/2019 12:28

rg7803 Escreveu:
80.000 milhoes € ... fantástico ...


É um número, que estou a atirar para o ar sem ser fundamentado, mas é uma realidade que os orçamentos públicos tendem a derrapar muito face à estimativa inicial.

E até estou de acordo com o novo aeroporto, mas porque tem de ser o sectpr público a investir? A Vinci que meta o dinheiro... Também me parece estranho que a OTA era estimada em 5 mil milhões em 2007 e agora 10 anos depois vêm dizer que se reformam massivamente dois aeroportos com 1,2 mil milhões.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4154
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: Políticas para Portugal

por p3droPT » 14/1/2019 16:41

Só continuo a não entender como a classe política vê o facto do Aeroporto ser quase no centro da cidade uma vantagem. Eu acho péssimo, e expandi-lo ainda mais. Mais transito, mais poluição. No máximo seria um aeroporto tipo London City, pequeno e premium, com as massas mais longe. Aliás Montijo já é perto "demais", mas para estes senhores já é um deus me livre aquilo ser uma opção.
Vejam o exemplo das infraestruturas aeroportuarias das cidades europeias com dimensões semelhantes. Eu agora não vivo em Lisboa, mas quando vivi foi das coisas que mais me desagradou, vindo de uma temporada no estrangeiro.
 
Mensagens: 890
Registado: 27/6/2010 23:26

Re: Políticas para Portugal

por Flavc » 14/1/2019 17:45

Deve ser culpa minha andar a ler mal algumas notícias ou as tão na moda fake news, lol.

1) Ifhm quem faz grande maioria dos investimentos (quase a totalidade) quer na ampliação do aeroporto de Lisboa quer num eventual novo aeroporto no Montijo (após avaliação de impacto ambiental, a ver se não colide com o descanso de meia dúzia de aves ou de sapos do estuário, lol) é a Vinci.

2) PedroPT o que não faltam em TODO o mundo são grandes aeroportos dentro de grandes cidades (é à escolha os exemplos... Londres, Paris, Moscovo, ...). Provalmente os custos de construção de um novo aeroporto de raiz, fora da cidade de Lisboa seriam incomportáveis para o orçamento da tugalândia (verso bolso dos contribuintes). E logo após a sua construção seria também construida à sua volta uma nova cidade/vila/etc... aeroportuária.
 
Mensagens: 585
Registado: 9/3/2017 16:10

Re: Políticas para Portugal

por freitax » 14/1/2019 17:47

Boa tarde,

O regime dos RITs foi aprovado na semana passada.. que impacto é que acham que isto terá no investimento imobiliário em Portugal?
 
Mensagens: 429
Registado: 16/4/2011 14:51
Localização: 14

Re: Políticas para Portugal

por p3droPT » 14/1/2019 18:17

Flavc Escreveu:
2) PedroPT o que não faltam em TODO o mundo são grandes aeroportos dentro de grandes cidades (é à escolha os exemplos... Londres, Paris, Moscovo, ...). Provalmente os custos de construção de um novo aeroporto de raiz, fora da cidade de Lisboa seriam incomportáveis para o orçamento da tugalândia (verso bolso dos contribuintes). E logo após a sua construção seria também construida à sua volta uma nova cidade/vila/etc... aeroportuária.


Honestamente essas 3 cidades não são grandes exemplos disso, principalmente Moscovo é um exemplo péssimo para quem conhece porque os 3 principais aeroportos estão fora do grande anel.

Incomportável é adiar o inadiável. Mas na "Tugalandia" só se vai prestar atenção a isso quando houver um acidente grave. Depois vê-se, é assim mesmo.
 
Mensagens: 890
Registado: 27/6/2010 23:26

Re: Políticas para Portugal

por BearManBull » 15/1/2019 0:34

Flavc Escreveu:
1) Ifhm quem faz grande maioria dos investimentos (quase a totalidade) quer na ampliação do aeroporto de Lisboa quer num eventual novo aeroporto no Montijo (após avaliação de impacto ambiental, a ver se não colide com o descanso de meia dúzia de aves ou de sapos do estuário, lol) é a Vinci.


Se o investimento é da Vinci, deviam ser eles a apresentar o plano de investimento. De fake news não há aqui nada, a noticia que publiquei é legitima simplesmente acrescentei que os investimentos públicos têm um tendencia grande a fugir muito do orçamento inicial e fiz a multiplicação x4 do número apresentado.

Nota que o impacto ambiental está também relacionado com as emissões.
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4154
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

AnteriorPróximo

Quem está ligado:
Utilizadores a ver este Fórum: Bing [Bot], leomiguel77, PAULOJOAO e 61 visitantes