BREXIT - O Referendo britânico.

Espaço dedicado a todo o tipo de troca de impressões sobre os mercados financeiros de uma forma genérica e a todo o tipo de informação útil que possa condicionar o desempenho dos mesmos

Moderadores: pata-hari, Ulisses Pereira, MarcoAntonio

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por ativo » 30/3/2018 23:55

Será que a Rússia tentou matar um seu antigo espião (que se tornou espião duplo e nessa condição revelou a países ocidentais a identidade de espiões russos), refugiado no Reino Unido, para testar a solidariedade, em matéria de defesa e segurança, dos países da União Europeia para com o Reino Unido em processo de saída da União Europeia? :-k
 
Mensagens: 3446
Registado: 24/1/2014 17:24

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por Marco Martins » 15/11/2018 15:00

Mais de 2 anos passaram desde que foi anunciado o Brexit... o que mudou e o que vai mudar?

Até agora há rascunho de acordos para 2020...

Mas afinal o que é que os ingleses queriam e aquilo que vão ter? Será apenas uma autonomia monet´ária sem compromisso com a Europa e um controlo de fronteiras?

Uma coisa é certa... numa "guerra" comercial (USA, China, Japão, Ásia, Europa) ninguém fica melhor se ficar sozinho... a não ser que (sozinho) tenha um peso considerável...

Será que o UK tem esse peso?
 
Mensagens: 4391
Registado: 7/4/2007 17:13
Localização: Algarve

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por EAGLE BULLMARKET » 15/11/2018 15:10

Neste momento o BREXIT está novamente uma salada e ninguém sabe se acordo vai ser aceite pelo parlamento.

A MAY está a falar há 3 horas e não convence o pessoal do Parlamento .

Há demissões de ministros , há pedidos de disputa de liderança para retirar a MAY e vários analistas dizem que parlamento pode votar contra o acordo , e um Hard Brexit começa a estar novamente em cima da mesa .

Para já aguarda-se o voto do parlamento a aceitar o acordo ou não .

Mas está uma grande salada e mercados estão a ficar um pouco ansiosos com isto .

Vamos ver o que dá , mas se parlamento chumbar o acordo , pode gerar volatilidade e os mercados já estão com um sentimento negativo no geral
 
Mensagens: 1988
Registado: 11/5/2018 15:17

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por Zuckerman » 15/11/2018 17:11

Há uns dias atrás li um artigo super interessante sobre o Brexit.

Em suma, fala do Steve Eisman, um dos heróis do filme Big Short e interpretado pelo brilhante Steve Carrell, que aposta na queda das ações de bancos do Reino Unido durante esta salgalhada que se tornou o Brexit.

Para quem estiver interessado, fica aqui o link:
https://www.bloomberg.com/news/articles ... -on-brexit
 
Mensagens: 32
Registado: 7/12/2013 20:17

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por MarcoAntonio » 15/11/2018 22:23

Há uma coisa que não consigo entender em relação ao processo do Brexit e que tem que ver com algo que já explorei aqui bastante no passado, a noção de democracia e as suas diversas interpretações: toda a gente fala de democracia como se fosse algo muito bem definido quando não verdade todos temos noções diferentes (por vezes subtilmente, por vezes dramaticamente) do que é a democracia e como se exerce e executa.

Ora, o resultado do referendo aproxima-se, para todos os efeitos, de um empate técnico.

Para 66 milhões de habitantes e 46 milhões de eleitores, 17.4 votaram para sair e 16.1 votaram para ficar. Uns 13 milhões não terão votado coisa nenhuma e os outros 20 milhões não podem votar. Este é o resumo dos números.

Alguns políticos agarram-se a este resultado como se tivesse sido um "landslide" e insistem que é importante fazer cumprir a vontade popular. Com base no referendo, a vontade popular é que a opinião pública estava muitíssimo dividida. Uma ganhou por uma margem relativamente apertada.

Tanto quanto sabemos, se se repetisse o processo, o resultado poderia bem ser o oposto. Aliás existe um manancial de informação que vai no sentido de sugerir que na verdade a vontade popular é mais de não prosseguir o processo do que de prosseguir.




Tenho para mim que aquilo a que se tem assistido, mais do que uma vontade de executar democracia é uma demonstração de uma noção extremamente quadrada do que é executar a vontade popular, com risco de neste momento se estar a executar algo que vai contra a vontade da maioria.

O simples facto de o resultado ter ido apertado e indiciar uma opinião pública dividida era motivo mais do que suficiente para - diria mesmo essencial! - repetir o processo. Precisamente para verificar se se está a seguir a vontade popular que alguns alegam ter tão em mente.
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 31655
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por SFT » 16/11/2018 0:59

Marco estás a dizer que numa eleição com 9.684.922 inscritos onde 40,42% se abstém, 2,09% são brancos e 1,65% são nulos a eleição não democrática o suficiente? :P

http://www.cne.pt/sites/default/files/dl/ar2015_mapa_oficial_resultados.pdf

Mera provocação.
Quando a esmola é muita, o pobre desconfia.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1252
Registado: 20/5/2014 19:02

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por MarcoAntonio » 16/11/2018 1:52

SFT Escreveu:Marco estás a dizer que numa eleição com 9.684.922 inscritos onde 40,42% se abstém, 2,09% são brancos e 1,65% são nulos a eleição não democrática o suficiente? :P

http://www.cne.pt/sites/default/files/dl/ar2015_mapa_oficial_resultados.pdf

Mera provocação.


A abstenção é composta por diversos vectores, o melhor é mesmo não simplificar e correr o risco de maltratar o tema. Mais relevante do que divagar sobre se é democrático ou não meramente com base no valor da abstenção, é perceber o que está por detrás da abstenção, desde a gestão dos cadernos eleitorais à alienação dos eleitores, isso sim.

Já falei imenso sobre isso aqui neste espaço no passado, em diversos tópicos. Não me pretendo repetir nem tão pouco reacender os tópicos (porque me ia exigir tomar um tempo que não posso disponibilizar de momento).
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 31655
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por SFT » 16/11/2018 10:08

MarcoAntonio Escreveu:
SFT Escreveu:Marco estás a dizer que numa eleição com 9.684.922 inscritos onde 40,42% se abstém, 2,09% são brancos e 1,65% são nulos a eleição não democrática o suficiente? :P

http://www.cne.pt/sites/default/files/dl/ar2015_mapa_oficial_resultados.pdf

Mera provocação.


A abstenção é composta por diversos vectores, o melhor é mesmo não simplificar e correr o risco de maltratar o tema. Mais relevante do que divagar sobre se é democrático ou não meramente com base no valor da abstenção, é perceber o que está por detrás da abstenção, desde a gestão dos cadernos eleitorais à alienação dos eleitores, isso sim.

Já falei imenso sobre isso aqui neste espaço no passado, em diversos tópicos. Não me pretendo repetir nem tão pouco reacender os tópicos (porque me ia exigir tomar um tempo que não posso disponibilizar de momento).


Calma pah. Foi apenas uma provocação.

Não há nada melhor que um pensamento sobre a democracia seguido por uma recusa de debate (algo que não quis, era retórica apenas).

Bom fim de semana.
Quando a esmola é muita, o pobre desconfia.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1252
Registado: 20/5/2014 19:02

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por MarcoAntonio » 16/11/2018 12:05

Ninguém precisa de perder a calma e eu por certo não perdi a minha. Suponho que estamos em páginas completamente diferentes...

:wink:
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 31655
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por Dialmedia » 16/11/2018 14:54

Partilho a mesma sensação de que, neste momento, e na verdade até já há algum tempo, que nem os britânicos nem as próprias forças políticas querem, no fundo, dar seguimento ao Brexit.

Parece que, em parte, estão a fazer algo contrariados que "eles" pr´óprios decidiram, e em outra parte, porque quem está à frente não quer dar a cara e inverter o processo.

Chego à conclusão que o referendo do Brexit não foi mais do que um grito de revolta dos britânicos em como querem uma mudança na forma como o país é governado e as suas relações com o exterior, e o referendo foi a oportunidade ideal (mas não propriamente a solução!) para o demonstrarem, mas provavelmente vão colocar-se num buraco maior do que onde estavam, se é que, na verdade, estavam enfiados em algum.
 
Mensagens: 502
Registado: 26/1/2007 17:07

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por Marco Martins » 16/11/2018 15:59

A vantagem da democracia é que ela mesma pode escolher passar a ser uma ditadura... já o inverso não acontece :)

De qualquer forma, tendo em conta os números não serem expressivos e dada a complexidade do Brexit, o mesmo poderia ter um novo referendo para se ter uma certeza da vontade do povo. Certamente teria custos menores do que o Brexit e certamente os políticos ficariam mais "confortáveis" face às mudanças necessárias.
 
Mensagens: 4391
Registado: 7/4/2007 17:13
Localização: Algarve

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por EAGLE BULLMARKET » 19/11/2018 18:29

Brexit
"Markets have 'never seen anything remotely similar' to a no-deal Brexit, strategist warns

•Moritz Kraemer, former chief sovereign analyst at S&P ratings agency, told CNBC's "Squawk Box Europe" on Monday that, at current levels, it is clear markets remain underprepared for the prospect a no-deal Brexit.
•A no-deal scenario is generally considered to be where the U.K. crashes out of the EU without any formal relationship and has to rely on WTO trading rules.
•The U.K. currency has largely been viewed as a barometer of fear during Brexit negotiations, with sterling suffering steep losses against the dollar last week amid heightened political turmoil."

"Moritz Kraemer, former chief sovereign analyst at S&P ratings agency, told CNBC's "Squawk Box Europe" on Monday that, at current levels, it is clear markets remain underprepared for the prospect a no-deal Brexit.
When asked whether sterling and Britain's FTSE 100 index accurately reflected the risk of a no-deal scenario, Kraemer replied: "No, I don't think so."
"This is not fully incorporated, partly because markets understandably have a very hard time (trying) to assess what this would actually mean … We have never been through anything remotely similar," Kraemer said.
A no-deal scenario is generally considered to be where the U.K. crashes out of the EU without any formal relationship and has to rely on WTO trading rules."

https://www.cnbc.com/2018/11/19/brexit- ... -deal.html
 
Mensagens: 1988
Registado: 11/5/2018 15:17

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por EAGLE BULLMARKET » 19/11/2018 19:59

"Brexit: Partido Trabalhista vai chumbar acordo e pedir eleições antecipadas

O partido Trabalhista, principal partido da oposição, vai chumbar o acordo negociado pelo governo britânico para a saída do Reino Unido da União Europeia e quer eleições antecipadas, afirmou hoje o líder, Jeremy Corbyn"

"Se a primeira-ministra é incapaz de negociar um acordo que consiga ganhar uma maioria no parlamento e funcionar para o país todo, o plano alternativo do 'Labour' pode e deve tomar o seu lugar", disse, no encerramento da conferência anual da organização patronal Confederação da Indústria Britânica, em Londres.

A totalidade dos partidos da oposição, dezenas de deputados do partido Conservador e até o Partido Democrata Unionista, cujos 10 deputados sustêm a maioria do governo na Câmara dos Comuns, já afirmaram a intenção de chumbar o texto, pondo em causa a necessária aprovação no parlamento britânico."

https://www.jornaldenegocios.pt/economi ... asNoticias
 
Mensagens: 1988
Registado: 11/5/2018 15:17

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por Rango » 22/11/2018 13:15

Reino Unido e UE chegam a pré-acordo sobre Brexit


Acordo sobre saída do Reino Unido da União Europeia deverá estar finalizado no fim de semana

https://www.dn.pt/mundo/interior/reino- ... 20072.html
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1476
Registado: 16/9/2016 15:35

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por lfhm83 » 22/11/2018 14:22

Rango Escreveu:Reino Unido e UE chegam a pré-acordo sobre Brexit


Acordo sobre saída do Reino Unido da União Europeia deverá estar finalizado no fim de semana

https://www.dn.pt/mundo/interior/reino- ... 20072.html


Agora anuncia-se tudo por twitter...

We have agree to start WWIII (@$%&%u)


Ao que parece o UK vai ter tudo o que queria, comercio livre sem estar à merce dos intricados regulamentos Europeus.

E para deixar os mercados ansiosos a festa nao acaba aqui, vai dar mais 2 anos disto...
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 2784
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por lfhm83 » 24/11/2018 14:29

Mais um com a moda do Twitter. Agora este que assaltou o poder quer arranjar uma guerra com o UK.

https://elpais.com/internacional/2018/1 ... 01259.html
“It is not the strongest of the species that survives, nor the most intelligent, but rather the one most adaptable to change.”
― Leon C. Megginson
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 2784
Registado: 15/2/2011 11:59
Localização: 22

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por Marco Martins » 18/12/2018 15:31

Nos momentos contorbados do UK e do Brexit, existirá alguma próximidade com um outro momento na história da Europa ou separação pacífica de alguns países?

Que impactos houve?

Tudo aponta para que o Brexit não seja assim tão linear, principalmente do lado do UK que quer sair de "casa" no mesmo momento em que está debaixo de uma "depressão" não se entendendo "consigo mesmo"...

O coração financeiro da europa está no UK... o que pode acontecer, se a saída for conflituosa com uma separação unilateral por parte do UK?
 
Mensagens: 4391
Registado: 7/4/2007 17:13
Localização: Algarve

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por SFT » 18/12/2018 15:48

Marco, a história do UK é marcada por imensos exemplo de isolamento face à Europa.

Esta é a versão democrática, mas já houve a versão napoleónica, a versão I GM e II GM, e depois há umas escaramuças com os franceses na Idade Média.

A História repete.se sempre.

Quanto ao coração, o coração financeiro da Europa está no UK, mais propriamente em Londres, porque o UK é capaz de ser o país mais pró.offshore da Europa.

https://www.youtube.com/watch?v=np_ylvc8Zj8&t=834s

Quanto a este Brexit, não augura nada de bom: a May é uma governante fraca, uma política fragilizada interna e externamente e o referendo foi um fracasso a partir do momento que divide o país e atira.o para um marasmo difícil de compreender.
Quando a esmola é muita, o pobre desconfia.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1252
Registado: 20/5/2014 19:02

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por Marco Martins » 18/12/2018 16:21

SFT Escreveu:Marco, a história do UK é marcada por imensos exemplo de isolamento face à Europa.

Esta é a versão democrática, mas já houve a versão napoleónica, a versão I GM e II GM, e depois há umas escaramuças com os franceses na Idade Média.

A História repete.se sempre.

Quanto ao coração, o coração financeiro da Europa está no UK, mais propriamente em Londres, porque o UK é capaz de ser o país mais pró.offshore da Europa.

https://www.youtube.com/watch?v=np_ylvc8Zj8&t=834s

Quanto a este Brexit, não augura nada de bom: a May é uma governante fraca, uma política fragilizada interna e externamente e o referendo foi um fracasso a partir do momento que divide o país e atira.o para um marasmo difícil de compreender.


Sim, acho que o maior problema mesmo será o UK saber e ter a certeza daquilo que quer :)
 
Mensagens: 4391
Registado: 7/4/2007 17:13
Localização: Algarve

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por SFT » 18/12/2018 16:33

Este processo é uma vergonha tanto para o UK como a Europa. Ninguém beneficia.

Claro que a Europa, ou os líderes europeus, vêem o espectáculo de fora enquanto vêem um país a mirrar por causa de demagogias e populismos de alguns deputados internos e eurodeputados ingleses e por causa das interferências estrangeiras, aka russos, que toda a gente fala mas ninguém prova.

Vivemos, sem dúvida, momentos históricos. Para o bem e para o mal.
Quando a esmola é muita, o pobre desconfia.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1252
Registado: 20/5/2014 19:02

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por Marco Martins » 18/12/2018 17:09

Gostaria de saber que empresas inglesas apoiam e patrocinam o Brexit!
Acredito que a mudança para carros electricos estará a fazer muitas petrolíferas inglesas não quererem adoptar as normas europeias....
 
Mensagens: 4391
Registado: 7/4/2007 17:13
Localização: Algarve

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por Opcard33 » 19/12/2018 13:01

Marco Martins Escreveu:Gostaria de saber que empresas inglesas apoiam e patrocinam o Brexit!
Acredito que a mudança para carros electricos estará a fazer muitas petrolíferas inglesas não quererem adoptar as normas europeias....


Eles estão a frente e dão o exemplo nenhum estado pode viver sem os impostos dos combustíveis no Reino Unido, uma nova lei abre caminho para a taxação da eletricidade tal como os carburantes .


Vai ser possível saber com precisão se a eletricidade da rede vai para um carro elétrico, Com esses dispositivos, isso pode ser viável. Como resultado, isso abre o caminho para um sistema de impostos sobre eletricidade para veículos movidos a bateria, mesmo que o carregamento seja feita em casa.
 
Mensagens: 407
Registado: 9/9/2013 15:13

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por MarcoAntonio » 19/12/2018 14:27

A transposição de um imposto semelhante ao ISP para o carregamento de veículos eléctricos é de implementação, execução e prevenção da fuga muito mais complexos. Provavelmente não seria uma grande ideia, possivelmente teria de ser substituido por um imposto de circulação específico ou outra coisa qualquer emparelhado ou não com um aumento da taxação da electricidade em geral.

Quando os veículos eléctricos começarem realmente a representar uma fracção significativa dos veículos em circulação, os Estados vão ter de resolver esse "problema". Lá o resolverão claro, não costuma faltar criatividade aos Estados no que diz respeito à criação de impostos.
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 31655
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

Re: BREXIT - O Referendo britân

por Opcard33 » 19/12/2018 18:17

MarcoAntonio Escreveu:A transposição de um imposto semelhante ao ISP para o carregamento de veículos eléctricos é de implementação, execução e prevenção da fuga muito mais complexos. Provavelmente não seria uma grande ideia, possivelmente teria de ser substituido por um imposto de circulação específico ou outra coisa qualquer emparelhado ou não com um aumento da taxação da electricidade em geral.

Quando os veículos eléctricos começarem realmente a representar uma fracção significativa dos veículos em circulação, os Estados vão ter de resolver esse "problema". Lá o resolverão claro, não costuma faltar criatividade aos Estados no que diz respeito à criação de impostos.



Os estados estão a trabalhar no assunto sabendo que a perda da receita dos combustíveis seria trágica , há 2 caminhos penso que o escolhido será algo que já é aplicado aos pesados em países com auto estradas gratuitas pagamento ao
km vantagem de diferenciar horas e religiões será mais caro circular dia de que noite, mais barato na província que nas grandes cidades .

Mas estranhamente os ingleses já tem legislação primeiro será aplicada nos locais públicos de recarrega onde a electricidade terá um imposto TICPE

Com os contadores inteligentes é possivel saber onde e como se consome a energia o que vai ser possível que na factura apareça uma sobretaxa do consumo automóvel feito em casa .
 
Mensagens: 407
Registado: 9/9/2013 15:13

Re: BREXIT - O Referendo britânico.

por MarcoAntonio » 19/12/2018 20:21

Soluções que dependam de tecnologia são contornáveis e de eficácia questionável. Onde há (muito) dinheiro envolvido não tarda surjem soluções. Acresce que é cada vez mais comum a micro-geração e semi-autonomia dos consumidores pelo que a energia nem tem de vir da rede, necessariamente.

E de difícil fiscalização. Depois da energia estar na bateria é impossível determinar a fonte...

Daí que eu estou em crer que a substituição do ISP dificilmente vá passar só por aí e terá de se suportar, em grande parte, em alternativas "seguras" de cobrança.

:wink:
Bons Negócios,
Marco Antonio
Caldeirão de Bolsa

FLOP - Fundamental Laws Of Profit


1. Mais vale perder um ganho que ganhar uma perda, a menos que se cumpra a Segunda Lei.
2. A expectativa de ganho deve superar a expectativa de perda, onde a expectativa mede a
....amplitude média do ganho/perda contra a respectiva probabilidade.
3. A Primeira Lei não é mesmo necessária mas com Três Leis isto fica definitivamente mais giro.
Avatar do Utilizador
Administrador Fórum
 
Mensagens: 31655
Registado: 4/11/2002 22:16
Localização: Vilar do Paraíso

AnteriorPróximo

Quem está ligado:
Utilizadores a ver este Fórum: caralmeida030267, Carrancho_, Ferry57, fgomes, Francisco Miguel, Google [Bot], Google Adsense [Bot], HENDIXS, JoeP, johnlu, jokerportuga, lfa, lobus3101, LoneWolf, malakas, maturidade, MSN [Bot], nunorsilva, pattern, Ruffus86, soso, stealth_15, trend=friend e 48 visitantes