Outros sites Cofina
Caldeirão da Bolsa

ZON Multimédia - Tópico Geral

Espaço dedicado a todo o tipo de troca de impressões sobre os mercados financeiros de uma forma genérica e a todo o tipo de informação útil que possa condicionar o desempenho dos mesmos

Moderadores: Pata-Hari, Ulisses Pereira, MarcoAntonio

por paulo godinho » 27/9/2007 23:44

vitcosta2 Escreveu:E o volume? vi quedas de 20 centimos por 500 acções...
Continuo a achar que mais vale estar com o mercado do que contra ele ,neste caso a ptm pode ate valer muito mas ninguem a vai opar ate se fazer o spin-off (a pt detem 58%)logo isso nao se coloca , depois ha outro motivo tao valido como todos os outros o psi corrigiu ,todas as acçoes corrigiram imenso so a ptm nao o tinha feito aproveitaram agora pois e benefico para os principais acçionistas da pt que por acaso tambem sao os principais accionistas da ptm ,e se nao ganham na ptm ganham indirectamente na pt(cai muito menos no pos spin-off).Quanto a ptm acho que sera uma grande aposta no pos spin-off ate la preferia deter pt do que ptm, tal como o mercado ja indicou ,e nao vale a pena ir contra ele
 
Mensagens: 537
Registado: 7/9/2005 19:10
Localização: hospital militar principal

por Sei lá » 28/9/2007 0:29

Este spin off sempre me pareceu um negócio de amigos, agora os amigos querem enterra a PTM e enterram e o resto que se lixe. Gostaria de saber se depois do Spinoff a PTM irá continuar a ser uma empresa interessante ou se eles levaram os aneis todos e só deixaram os dedos....
O mercado cega... nem uma ida a Cuba resolve. Cuba?!? :shock: Phone-ix!! Eles são socialistas pá!!!!
 
Mensagens: 942
Registado: 19/7/2007 0:21
Localização: 14

por Nyk » 28/9/2007 6:39

Portugal Telecom alarga programa de rescisões a 2.000 trabalhadores
A Portugal Telecom (PT) vai alargar o seu plano de redução de pessoal, prevendo para "os próximos anos" a rescisão negociada ou passagem para a reforma de mais dois mil trabalhadores.

--------------------------------------------------------------------------------

Sérgio Figueiredo
sf@mediafin.pt


A Portugal Telecom (PT) vai alargar o seu plano de redução de pessoal, prevendo para "os próximos anos" a rescisão negociada ou passagem para a reforma de mais dois mil trabalhadores.

A revelação foi ontem feita pelo presidente do grupo, e futuro "chairman", Henrique Granadeiro, em entrevista à RTP e ao Jornal de Negócios. A entrevista de 40 minutos ao programa "Balanço e Contas" (ontem transmitida na RTP 2) prosseguiu mesmo depois das câmaras estarem desligadas, resultando numa longa conversa que será publicada na íntegra no Jornal de Negócios de segunda-feira.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 28/9/2007 6:41

AG da PTM define poderes em Janeiro
A PT Multimédia prepara-se para realizar uma assembleia geral (AG) extraordinária em Janeiro, destinada a clarificar a relação de poderes resultante do 'spin off' da Portugal Telecom (PT), soube o Jornal de Negócios.

--------------------------------------------------------------------------------

Celso Filipe
cfilipe@mediafin.pt


Filipe Paiva Cardoso
filipecardoso@mediafin.pt



A PT Multimédia prepara-se para realizar uma assembleia geral (AG) extraordinária em Janeiro, destinada a clarificar a relação de poderes resultante do 'spin off' da Portugal Telecom (PT), soube o Jornal de Negócios.

Com a distribuição das acções da Multimédia até agora detidas pela PT os novos accionistas vão aproveitar ainda a AG de Janeiro para clarificar a estratégia da empresa, debater a presença de representantes dos principais accionistas no conselho de administração da operadora e ratificar a liderança de Rodrigo Costa.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por vitcosta2 » 28/9/2007 8:09

Parecia querer corrigir,mas alguém a atira para o chão...
Vítor Costa
 
Mensagens: 262
Registado: 29/6/2005 16:56

por vitcosta2 » 28/9/2007 9:00

Algo que sempre me confundiu...manipular uma acção para beneficio próprio é ilegal?? ISto que está a ocorrer com a PTM não pode ser considerado manipulação? OU porque o processo é transparente é admissivel...
Vítor Costa
 
Mensagens: 262
Registado: 29/6/2005 16:56

Esvaziar os bons quadros da PTM para a PT

por Luka! » 28/9/2007 9:08

A leitura exacta do artigo abaixo deve ser :

A PT enquanto tem "mão" està a despachar para a PTM os seus quadros menos rentaveis (mais caros e com menos potencial)dos quais se quer ver livre!


E a recuperar para si os quadros de valor.

Estamos assim a esvaziar os quadros com potencial da PTM para a PT... (aumentando ao mesmo tempo os custos salariais da PTM...) como é classico, mas vergonhoso ! :(



Setenta quadros transitam entre PTM e PTC
Pouco mais de setenta altos quadros da PTM e da PT Comunicações (PTC) transitaram de um lado para o outro nos últimos dias na sequência da separação da gestão entre as duas empresas, a um mês do spin off da Multimédia.

--------------------------------------------------------------------------------

Jornal de Negócios Online
negocios@mediafin.pt


Pouco mais de setenta altos quadros da PTM e da PT Comunicações (PTC) transitaram de um lado para o outro nos últimos dias na sequência da separação da gestão entre as duas empresas, a um mês do spin off da Multimédia.

Um processo que o presidente da PT, Henrique Granadeiro, garantiu ao "Público" estar praticamente fechado, como ficou ontem acordado entre as duas partes. A PTM foi buscar 42 altos quadros à PT e a PTC, por sua vez, atraiu 32 quadros superiores da Multimédia. Granadeiro recusa a ideia de guerra aberta e prefere falar em normais actos de gestão, sublinhando que as pessoas saíram dentro das normais condições de mercado, cortando todos os laços contratuais com a PT, inclusive ao nível do Fundo de Pensões.

A PTC foi sobretudo à procura de pessoas mais especializadas na área dos conteúdos e televisão e a PTM no segmento da voz, financeiro e comercial.
Editado pela última vez por Luka! em 29/9/2007 12:01, num total de 2 vezes.
... if you feel like doubling up a profitable position, slam your finger in a drawer until the feeling goes away !
 
Mensagens: 3350
Registado: 21/10/2003 21:48

por vitcosta2 » 28/9/2007 9:51

Acabei de fugir com prejuizo (custou mas teve de ser), preço alvo de 9.30 (chiça) podiam terdito há uns dias..
Vítor Costa
 
Mensagens: 262
Registado: 29/6/2005 16:56

por Nyk » 28/9/2007 16:41

PT Multimédia dispara na sessão mas não evita queda de 12% na semana
As acções da PT Multimédia terminaram a sessão de hoje com uma forte subida, registando o maior ganho percentual entre as cotadas do PSI-20. Apesar da valorização acentuada, a dona da TV Cabo não conseguiu mais do que atenuar as perdas acumuladas na semana. Nas últimas cinco sessões o saldo é negativo em 12%.

--------------------------------------------------------------------------------

Paulo Moutinho
paulomoutinho@mediafin.pt


As acções da PT Multimédia terminaram a sessão de hoje com uma forte subida, registando o maior ganho percentual entre as cotadas do PSI-20. Apesar da valorização acentuada, a dona da TV Cabo não conseguiu mais do que atenuar as perdas acumuladas na semana. Nas últimas cinco sessões o saldo é negativo em 12%.

Os títulos da empresa, agora liderada por Rodrigo Costa – depois da saída de Zeinal Bava para a Portugal Telecom – conseguiram valorizar na última sessão da semana, subindo 6,21%. Com esta forte valorização, os títulos da empresa voltaram a cotar acima da fasquia dos 10 euros, nos 10,44 euros.

A PT Multimédia iniciou a semana a ser negociada nos 11,91 euros, mas foi acumulando perdas consecutivas nas sessões seguintes, chegando a acumular uma queda de 17%, no fecho de ontem, depois de três sessões em que fechou a perder mais de 5%.

Com a subida de hoje, de mais de 6%, as perdas foram atenuadas, para um acumulado de 12,27%. No entanto, a PTM [Cot] não deixou de liderar o "ranking" das descidas semanais do PSI-20.

Para a queda do título contribuiu o delinear de algumas das condições do "spin off" da empresa do capital da Portugal Telecom, que vai acontecer dentro de aproximadamente um mês, na semana de 29 de Outubro. Com os dados divulgados pela PT, alguns investidores optaram por reduzir no capital da PTM, uma vez que vão, posteriormente, contar com mais acções da empresa nas suas carteiras de investimento.

Pedro Santos do Millennium bcp explicou, ontem, à agência Bloomberg que "existem algumas pessoas com acções das duas empresas, que estão agora a vender a PTM porque sabem que vão receber mais no 'spin off'".

Um operador disse à Reuters que "alguns investidores poderão estar a considerar que vão ficar com mais acções do que pretendem após o 'spin off' da PT e, por isso, estão a reduzir exposição". Como não há muita liquidez [o ‘free float’ da PTM é de 7,17%], o impacto desta pressão vendedora é forte".
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por vitcosta2 » 28/9/2007 16:49

Vou abrir um site só meu o chamado efeito "VC" ou seja dps de ter saido da PTM para entrar na ALtri, uma subiu e a outra desceu.

Quem quer participar?
Eu digo o que vou fazer e vocês fazem o oposto.
QUerem?

Não aguentei a pressão de a pTM ir parar a 9 euros..
Vítor Costa
 
Mensagens: 262
Registado: 29/6/2005 16:56

por paulo godinho » 28/9/2007 17:11

vitcosta2 Escreveu:Vou abrir um site só meu o chamado efeito "VC" ou seja dps de ter saido da PTM para entrar na ALtri, uma subiu e a outra desceu.

Quem quer participar?
Eu digo o que vou fazer e vocês fazem o oposto.
QUerem?

Não aguentei a pressão de a pTM ir parar a 9 euros..
Meu caro amigo a ptm subiu realmente 6% no dia de hoje ,mas no meu entender nao passou de uma mera correcçao tecnica so isso ,ate pode fixar-se aqui por volta dos 10 euros tudo vai depender do factor que a pt vai establecer para atribuir accoes da ptm ,sendo que no dia em que foi comunicado que o spin-off seria feito a pt disse que daria 1.95 euros por cada acçao detida sendo que 0.16 seria o factor minimo establecido para a operaçao mas tudo depende da percentagem de acçoes proprias que a pt detiver ate ao dia 15 de setembro , considerando que nessa altura a pt possa ja deter os 16,5 % que se propos comprar de acçoes proprias entao o factor seria 0.1891 logo: 0.1891x y =1.95 sendo y o valor da ptm a data do spin-off , o que daria na ptm 10.31 mas como disse anteriormente tudo depende do factor e neste momento esse factor seria 0.17605 logo:0.17605x y =1.95 o que daria actualmente na ptm 11.07 mas temos de aguardar pelo dia 15 para se saber ao certo o factor e ai sim a cotaçao da ptm tendera a ajustar ,para ja e ate dia 15 e vela andar muito provavelmente entre estes valores vamos ver
 
Mensagens: 537
Registado: 7/9/2005 19:10
Localização: hospital militar principal

Re: Esvaziar os bons quadros da PTM para a PT

por Sei lá » 28/9/2007 17:27

luka Escreveu:A leitura exacta do artigo abaixo deve ser :

A PT enquanto tem "mão" està a despachar para a PTM os seus quadros menos rentaveis (mais caros e com menos potencial)dos quais se quer ver livre

E a recuperar para si os quadros de valor.

Estamos assim a esvaziar os quadros com potencial da PTM para a PT... (aumentando ao mesmo tempo os custos salarisis da PTM...) como é classico, mas vergonhoso ! :(


É o que eu desconfiava, vão levar os aneis todos e deixar os dedos nus.... esta porcaria é crime. È gestão danosa.
O mercado cega... nem uma ida a Cuba resolve. Cuba?!? :shock: Phone-ix!! Eles são socialistas pá!!!!
 
Mensagens: 942
Registado: 19/7/2007 0:21
Localização: 14

por valves » 29/9/2007 9:30

Boas, realmente foi uma verdadeira " granada" esta descida abrupta na PTM confesso que surpreendeu pela rapidez com que foi efectuada não me lembro de uma queda com esta amplitude deste 2003 ...

Cumpts
Aqui no Caldeirão no Longo Prazo estamos todos ricos ... no longuissimo prazo os nossos filhos estarão ainda mais ricos ...
 
Mensagens: 2861
Registado: 17/4/2004 15:36

por Keyser Soze » 1/10/2007 18:52

Millennium investment banking
Semanal Acções
1 Outubro 2007

Vender, Médio Risco (Preço Alvo 2008: €9.35)
PT Multimedia

Nuno Vieira, CFA

Revimos em baixa as nossas expectativas e avaliação da PT Multimédia ao mesmo tempo que
aproveitámos para alterar a nossa avaliação para final de 2008. As revisões mais significativas foi
ao nível da expectativa de investimento em fundo de maneio, o qual tem estado sujeito a uma maior
pressão que o antecipado, e também ao nível da evolução dos custos de holding e de suporte na
sequência do processo de spin-off da PTM. Apesar destas revisões pensamos que a PTM deverá
continuar a ter um desempenho operacional bastante saudável com crescimentos fortes ao nível
receitas, da geração de cash e de resultados. A nossa nova avaliação aponta para €9.35 por acção,
revista 6.5% em baixa de €10.00. Pensamos que a PTM é uma acção que transacciona a um múltiplo
elevado quando comparando pelo sector, mesmo ajustando pelo seu crescimento, qualidade
operacional e potencial de consolidação. Por outro lado, somos da opinião que o processo de spin-off
da PT, que irá aumentar significativamente o free-float da acção, poderá ser uma fonte de pressão
sobre a mesma. Dado o potencial de desvalorização que ainda apresenta, mantemos a
recomendação de "venda" na PTM.
 
Mensagens: 3299
Registado: 8/2/2006 17:32

por Elias » 1/10/2007 19:33

Gráfico actualizado
Anexos
ptm.GIF
ptm.GIF (0 Bytes) Visualizado 4960 vezes
 
Mensagens: 35428
Registado: 5/11/2002 12:21
Localização: Barlavento

por Nyk » 5/10/2007 7:56

Presidente da PTM admite fazer aquisições
Rodrigo Costa diz que "uma OPA não é um drama"
O novo presidente da PT Multimédia aposta no crescimento da dona da TV Cabo e desdramatiza a possibilidade da companhia ser alvo de uma OPA. Em entrevista ao “Diário de Notícias” Rodrigo Costa também não descarta a hipótese da empresa fazer aquisições.

--------------------------------------------------------------------------------

Jornal de Negócios Online
negocios@mediafin.pt



O novo presidente da PT Multimédia aposta no crescimento da dona da TV Cabo e desdramatiza a possibilidade da companhia ser alvo de uma OPA. Em entrevista ao "Diário de Notícias" Rodrigo Costa também não descarta a hipótese da empresa fazer aquisições.

"Não há que dramatizar nada em relação ao nosso futuro. O drama seria se a nossa empresa não fosse interessante do ponto de vista de negócio, o que não acontece", refere Rodrido Costa na entrevista ao DN, adiantando que "pode haver amanhã uma OPA, eventualmente, pode existir uma entrada de um accionista de referência".

"A realidade é que somos uma empresa que vai dar os primeiros passos como independente. Vamos estar sujeitos ao interesse ou desinteresse dos accionistas. Como se tem visto, o interesse existe, temos de olhar para isto sem qualquer dramatismo", refere.

Adiantou que o "nosso projecto é fazer crescer a PTM. Esse é o nosso foco, não é ver se a empresa A ou B está interessada em nós".

Questionado sobre a possibilidade da PTM fazer aquisições, adiantou que "não descartamos qualquer hipótese, e essa é uma delas".

"Espero que nas próximas semanas tenhamos cá fora um plano estratégico sólido que reflicta a nossa ambição de crescer e que tenha em conta a nossa ambição de entrar em áreas novas que vão ser estratégicas para a nossa área de mercado", disse.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 8/10/2007 16:55

PTM vai entrar no mercado das empresas de reduzida dimensão
A PT Multimédia, detentora da TV Cabo, quer entrar no segmento das Pequenas e Médias Empresas (PME), deixando de actuar apenas no mercado residencial.

--------------------------------------------------------------------------------

Jornal de Negócios Online
negocios@mediafin.pt


A PT Multimédia, detentora da TV Cabo, quer entrar no segmento das Pequenas e Médias Empresas (PME), deixando de actuar apenas no mercado residencial.

Rodrigo Costa, presidente da PTM, afirmou ao "Diário de Notícias" que este é um dos objectivos estratégicos da empresa, agora que está separada do grupo PT (no âmbito do processo de spin-off). A ideia é desenvolver soluções para as empresas de reduzida dimensão, nomeadamente da área do chamado SoHo (small office and home office - pequenos escritórios e profissionais liberais).

"É uma área que estamos seriamente a avaliar, faz parte da solução natural", frisou Rodrigo Costa. O líder da PTM acrescentou que este "é um tema estratégico e um objectivo". Entre outras empresas, a PTM vai concorrer com a Sonaecom neste segmento, que comprou em Junho a base de clientes de SoHo da Oni.

Rodrigo Costa revelou que outros dos objectivos estratégicos da PTM passam pela entrada no mercado dos telemóveis, relançamento da voz fixa, aposta nos conteúdos e crescimento da base de clientes.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 9/10/2007 17:26

Acções em "ex-dividend" a 29 ou 30 de Outubro
SEC autoriza "spin-off" da PT Multimedia
A Securities and Exchange Comission (SEC), regulador do mercado norte-americano, aprovou o processo de "spin-off" da PT Multimedia (PTM) sem quaisquer objecções, avançou fonte da administração da Portugal Telecom (PT) ao Jornal de Negócios. Esta aprovação vem assim viabilizar definitivamente o calendário referência para o processo de separação da PTM.

--------------------------------------------------------------------------------

Pedro Santos Guerreiro
psg@mediafin.pt


A Securities and Exchange Comission (SEC), regulador do mercado norte-americano, aprovou o processo de "spin-off" da PT Multimedia (PTM) sem quaisquer objecções, avançou fonte da administração da Portugal Telecom (PT) ao Jornal de Negócios. Esta aprovação vem assim viabilizar definitivamente o calendário referência para o processo de separação da PTM.

Com este "ok", as acções da PT deverão começar a negociar em "ex-dividend" já em 29 ou 30 de Outubro, ficando esta data apenas dependente do fim da "road-show" que a comissão executiva da PT Multimedia está a realizar actualmente. Por acções "ex-dividend" entende-se que a partir desse dia os títulos da PT adquiridos já não darão acesso à distribuição de acções da PT Multimédia que a administração da PT anunciou em meados de 2006.

Com a data de 29 ou 30 de Outubro para o "ex-dividend", a determinação dos accionistas da operadora com direito a receber acções da PTM deverá acontecer logo a 1 ou 2 de Novembro, sendo que quatro dias depois serão oficialmente entregues as acções da PTM, terminando assim o processo de separação da operadora dona da TV Cabo e agora liderada por Rodrigo Costa.

Depois de terminado este processo, a PT Multimedia corta definitivamente as amarras do Grupo PT, devendo então começar a definir o seu futuro a curto, médio e longo prazo. Além da definição de uma nova estratégia para a operadora, que, segundo o DN, passará pela entrada no mercado empresarial da voz, a empresa terá também que escolher um novo nome, já que a utilização de "PT" passa a estar "proibida".

O novo CEO da Multimedia deverá nos próximos dias reunir o seu conselho de administração para começar desde já a definir a "nova vida" desta operadora.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 12/10/2007 6:45

“Pode ser a Vodafone a adquirir a PTM”
António Carrapatoso diz, em entrevista no programa da RTP "Balanço e Contas", que a aposta da Vodafone continua a ser o crescimento orgânico mas não descarta que o "spin off" da PTM abre uma oportunidade de concentração.

--------------------------------------------------------------------------------

Sérgio Figueiredo
sf@mediafin.pt



António Carrapatoso diz, em entrevista no programa da RTP "Balanço e Contas", que a aposta da Vodafone continua a ser o crescimento orgânico mas não descarta que o "spin off" da PTM abre uma oportunidade de concentração.

"A nossa ambição, nem que seja por crescimento orgânico, é atingir 25% do mercado total. Se formos à PTM ou até à Sonaecom, ficaríamos em condições de disputar a liderança", afirma o homem que está há 15 anos à frente do segundo operador móvel em Portugal.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 12/10/2007 16:29

BPI
Interesse da Vodafone na PTM é "positivo"
O interesse da Vodafone na PT Multimédia é "positivo", de acordo com o BPI, apesar de manter uma "intensa especulação" sobre a dona da TV Cabo.

--------------------------------------------------------------------------------

Ana Luísa Marques
anamarques@mediafin.pt


O interesse da Vodafone na PT Multimédia é "positivo", de acordo com o BPI, apesar de manter uma "intensa especulação" sobre a dona da TV Cabo.

Em entrevista publicada hoje no Jornal de Negócios, António Carrapotoso admite a possibilidade da Vodafone entrar na corrida à PT Multimédia (PTM). "A nossa ambição, nem que seja por crescimento orgânico, é atingir 25% do mercado total. Se formos à PTM ou até à Sonaecom, ficaríamos em condições de disputar a liderança", afirmou o presidente executivo da Vodafone.

O analista do BPI, Tiago Veiga Anjos, considera que esta é uma notícia "positiva" para a dona da TV Cabo. "Isto vai manter uma intensa especulação sobre a PTM", refere o analista.

No entanto, Tiago Veiga Anjos sublinha que não é a primeira vez que Carrapatoso expressa o seu interesse na PTM, "afirmando sempre que o crescimento orgânico é a sua prioridade".

O BPI mantém a recomendação de "reduzir" para a PTM com um preço-alvo de 10,15 euros.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Adam hedge » 12/10/2007 18:19

boa tarde.
se existem coisas estranhas na bolsa esta é uma delas.

então o b.p.i. tem uma recomendação de reduzir para as acções da p.t.m. e um target de 10.15euros,e não é que estes senhores possuem 15.954.135milhões de acções desta empresa,ou seja 5,16%!!!!!!!!!!!! :oh:

então porquê que eles não reduzem...?se mandam os outros faze-lo... :-k

abraço

J.matias
 
Mensagens: 2001
Registado: 21/2/2007 18:24
Localização: zamzibar

por Nyk » 15/10/2007 6:46

Emancipação da PT Multimédia
Esta semana, a "nova" PTM apresenta-se ao mercado como uma empresa autónoma. Pública as contas do terceiro trimestre e parte em "road show" já com os detalhes do "spin off" definidos.

--------------------------------------------------------------------------------

Pedro Carvalho
pc@mediafin.pt



Esta semana, a "nova" PTM apresenta-se ao mercado como uma empresa autónoma. Pública as contas do terceiro trimestre e parte em "road show" já com os detalhes do "spin off" definidos.

A PT Multimedia (PTM) vai dar esta semana dois passos decisivos perante o mercado na sua caminhada para se tornar uma empresa autónoma e concorrente da Portugal Telecom (PT).

Até agora, a maior operadora de telecomunicações do país controla 58,43% das acções da PTM e será esta a tranche que será distribuída aos seus accionistas, que também passarão a ser donos da empresa que controla a TV Cabo.

Com esta operação, a PT deixa de ser accionista e a PTM passa a operar como uma empresa autónoma e com uma nova administração, agora liderada por Rodrigo Costa.

O novo CEO parte esta quarta-feira em "road show" para apresentar a administração aos investidores institucionais, um dia depois da apresentação das contas relativas aos primeiros nove meses de 2007. Apesar da responsabilidade pelos resultados ainda pertencer ao anterior líder, Zeinal Bava, será a primeira vez que Costa dará a cara pelas contas.

Numa nota recente sobre o sector das telecomunicações em Portugal, o Millennium bcp investimento dizia que a PTM "vai continuar a mostrar uma boa tendência nos resultados", apesar do banco estar a prever uma maior concorrência por parte de outras operadoras de cabo, como a Cabovisão e a TV Tel. No terceiro trimestre, as receitas e o EBITDA deverão registar um crescimento homólogo de cerca de 4%, num período em que os lucros devem ascender a 18 milhões de euros.

Apesar da recuperação a nível operacional, um dos trabalhos de Rodrigo Costa, que poderá começar já esta semana, passa por convencer os novos accionistas (que transitarem da PT) a não inundarem o mercado com acções da PTM. que vão receber sob a forma de dividendo. A tarefa não será fácil já que muitos analistas defendem que a empresa está a negociar com múltiplos acima do sector. As especulações sobre fusões e aquisições poderão ajudar a suportar o papel.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 15/10/2007 18:58

PTM deverá anunciar amanhã lucros de 60 milhões de euros
A PT Multimédia é a primeira empresa cotada do PSI-20 a apresentar resultados amanhã, antes da abertura do mercados, inaugurando a "earnings season" nacional. A estimativa dos analistas consultados pelo Jornal de Negócios apontam para uma estagnação dos lucros.

--------------------------------------------------------------------------------

Paulo Moutinho
paulomoutinho@mediafin.pt


A PT Multimédia é a primeira empresa cotada do PSI-20 a apresentar resultados amanhã, antes da abertura do mercados, inaugurando a "earnings season" nacional. A estimativa dos analistas consultados pelo Jornal de Negócios apontam para uma estagnação dos lucros.

Estes resultados ganham maior relevo, tendo em conta que são os últimos apresentados pela dona da TV Cabo antes da separação da Portugal Telecom. No entanto, para as acções, o aproximar do "spin off" é, actualmente, o aspecto mais importante.

Os quatro analistas que participaram na "poll" prevêem que a empresa liderada por Rodrigo Costa apresente, em média, resultados líquidos de 60 milhões de euros, no acumulado dos nove primeiros meses deste ano, um ligeiro decréscimo de 0,7% face ao período homólogo. Em 2006, a dona da TV Cabo registou lucros de 60,4 milhões.

Em termos de EBITDA (lucros antes de impostos, juros, amortizações e depreciações), os especialista dos quatro bancos de investimento consultados apontam para um crescimento de 7,5% face aos 158,4 milhões registados em 2006, para um valor médio de 170,25 milhões de euros. Já nas receitas, o aumento deverá cifrar-se em 7,6%, para um total de 526,3 milhões nos primeiros nove meses deste ano.

A generalidade dos analistas não espera grandes novidades nos resultados que a PT Multimédia apresenta hoje, antes da abertura da sessão. Tiago Veiga Anjos, analista do BPI, prevê que os resultados da PTM "sigam a tendência dos trimestres anteriores", antevendo uma continuação no "crescimento da base de clientes de TV por subscrição", bem como "um aumento no número de clientes de voz". "O ARPU [a receita média mensal por cliente] também deverá aumentar", acrescentou o analista do BPI, que não prevê qualquer indicador "negativo" destes resultados. João Carlos Fidalgo, analista do CaixaBI, estima um aumento do ARPU para 31 euros.

A apresentação dos resultados da PT Multimédia é, desta vez, mais cedo do que o habitual. Normalmente, a dona da TV Cabo revela os seus números no mesmo dia em que a Portugal Telecom. A antecipação da apresentação deve-se ao já anunciado "spin off" da empresa do Grupo PT, sendo esta a última vez que a PTM exibe os seus resultados antes da separação da empresa liderada por Henrique Granadeiro.

Para os analista, estes resultados que não trarão grandes surpresas, terão também pouco impacto nas acções da PTM. A Lisbon Brokers, que não realizou estimativas para a dona da TV Cabo, afirma que os "accionistas estão a olhar mais para o ‘spin off’" do que para a apresentação de hoje. Para a casa de investimento as acções da PTM deverão manter-se próximas dos níveis actuais dado que "os principais accionistas já se posicionaram" no capital da empresa e "já secaram a liquidez" do papel. Tiago Veiga Anjos, do BPI, considera, também, que os títulos "vão continuar a ser influenciados pelo ‘spin off’", sendo que, formalizada a separação (a 7 de Novembro), poderá verificar-se a "saída de alguns investidores". Esta movimentação poderá resultar numa correcção "em baixa", no entanto, o especialista recorda que a especulação em torno de uma potencial OPA poderá "suportar o título".

As acções da PT Multimédia encerraram ontem em queda de 2,1%, nos 10,28 euros, contrariando a tendência da futura "ex-casa mãe", a PT. No acumulado do ano, e apesar das quedas acentuadas registadas nas últimas, os títulos da dona da TV Cabo apresentam ainda um ganho de 5,33%, mantendo-se como a cotada mais cara do PSI-20, com um PER de 46,7 vezes os lucros ajustados por acção.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 16/10/2007 6:01

PTM continua a depender da rede da PT
A Portugal Telecom teve, por obrigação da SEC, o regulador dos mercados norte-americanos, de avisar os seus accionistas para os riscos do “spin-off” da PTM, já que lhes vai entregar acções desse grupo.

--------------------------------------------------------------------------------

José Pedro Luís
jpluis@mediafin.pt


A Portugal Telecom teve, por obrigação da SEC, o regulador dos mercados norte-americanos, de avisar os seus accionistas para os riscos do "spin-off" da PTM, já que lhes vai entregar acções desse grupo.

Nesse documento, entregue ontem à noite e disponibilizado no "site" da PT, a operadora refere que "a TV Cabo, subsidiária da PT Multimédia, compra capacidade dentro da rede de fibra óptica detida pela PT Comunicações, subsidiária da Portugal Telecom. [...] Para poder prestar os seus serviços na rede de cabo, a TV Cabo terá de renovar o contrato com a PT Comunicações periodicamente [o actual termina em Dezembro de 2008], podendo não conseguir fazê-lo em termos que lhe permitam preservar as suas actuais margens, ou não conseguir fazê-lo de todo".

Este aviso demonstra que a PT Multimédia continua dependente da rede que a PT controla, mesmo após a separação de redes, expressão que significa que a PTM vai comprar à PT o equipamento que lhe permite transmitir o sinal de cabo. Além disso, apesar da PTM ficar com o mais importante para a sua actividade – a terminação para as casa dos clientes e esse equipamento – a empresa passa a ser uma cliente da PT com um estatuto igual ao de outras empresas, como a Cabovisão.

A única solução para a PTM, como para todos os seus concorrentes e da PT, é espalhar rede própria por todo o país, investimentos demasiado onerosos para serem suportados por uma empresa. Além disso a PT é obrigada pelo regulador sectorial a lugar a infra-estrutura a outros operadores de telecomunicações, sendo os preços estipulados pela reguladora das telecoms, a ANACOM. Actualmente, apenas parte da rede espalhada não é da PT.

Outro dos riscos que o comunicado sublinha, é a possibilidade de haver uma quebra nas receitas da PT Multimédia, por via de um aumento da concorrência, onde a Portugal Telecom se coloca.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
 
Mensagens: 12032
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Enslaved » 16/10/2007 11:06

Avisa accionistas
PT enumera 28 riscos para a PT Multimédia
A Portugal Telecom avisou os seus accionistas para os riscos do “spin-off” da PTM, já que lhes vai entregar acções desse grupo. São 28: 13 relacionados com a PTM, sete com o “spin-off” e oito com as acções da empresa de Rodrigo Costa. Veja aqui quais.

http://www.negocios.pt/default.asp?Sess ... tId=304117

Será que querem deitar a cotação da acção ao máximo, antes do spin-off? :roll:
 
Mensagens: 3355
Registado: 28/2/2007 18:24
Localização: Valhalla

AnteriorPróximo

Quem está ligado:
Utilizadores a ver este Fórum: asl1976, cali010201, Crosses, excentrico.com, freitax, Google [Bot], jorgitomendes, leomiguel77, m-m, Parceiro, perneta, RogerR, Ruffus86, soso, VALHALLA, vinas1976 e 87 visitantes