Sonae Indústria...

Espaço dedicado a todo o tipo de troca de impressões sobre os mercados financeiros de uma forma genérica e a todo o tipo de informação útil que possa condicionar o desempenho dos mesmos

Moderadores: pata-hari, Ulisses Pereira, MarcoAntonio

Sonae Indústria...

por Nyk » 3/3/2006 18:47

Sonae Indústria lidera lista de espera para integrar PSI-20
A Sonae Indústria é o título mais bem colocado para integrar o PSI-20, na próxima revisão do índice, segundo a lista de espera hoje publicada pela Euronext Lisbon.

--------------------------------------------------------------------------------

Ana Filipa Rego
arego@mediafin.pt


A Sonae Indústria é o título mais bem colocado para integrar o PSI-20, na próxima revisão do índice, segundo a lista de espera hoje publicada pela Euronext Lisbon.

O Banif surge em segundo lugar na lista de espera de Março, enquanto a Corticeira Amorim se encontra em terceiro lugar.

As posições seguintes são ocupadas pela Gescartão, Teixeira Duarte e Grupo Soares da Costa. A revisão ordinária do índice será anunciada em Junho e efectivada no dia 1 de Junho.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 12031
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 3/3/2006 18:51

Lisbon Brokers baixa recomendação mas sobe preço-alvo para Sonae Industria
A Lisbon Brokers baixou a recomendação para as acções da Sonae Insdústria na sequência do desempenho «excelente» dos títulos revendo, por outro lado, em alta o preço-alvo para as mesmas. A casa de investimento considera que as acções desta empresa estão caras.

--------------------------------------------------------------------------------

Ana Filipa Rego
arego@mediafin.pt


A Lisbon Brokers baixou a recomendação para as acções da Sonae Insdústria na sequência do desempenho «excelente» dos títulos revendo, por outro lado, em alta o preço-alvo para as mesmas. A casa de investimento considera que as acções desta empresa estão caras.

Numa nota de «research», o analista Jonh dos Santos explica que reduziu a «recomendação em dois níveis de ‘compra’ para ‘vender’, apesar dos ajustes ao nosso modelo de avaliação e estimativas resultar num aumento do nosso preço-alvo de 6,80 para os sete euros por acção».

Esta redução da recomendação surge depois da Sonae Indústria ter registado um «excelente» desempenho,«especialmente evidente depois da divulgação dos seus resultados referentes ao exercício de 2005».

Investidores devem esperar até Junho para comprar porque acções estão caras

«Apesar de continuarmos a classificar a Sonae Industria como uma das nossas ‘Top Picks’ em Portugal para 2006, acreditamos que os títulos estão caros a estes níveis, acreditando que os investidores deverão ter melhores oportunidades para acumular uma posição na Sonae Industria antes da provável entrada da empresa no PSI-20 em Junho próximo».

As acções da Sonae Industria subiam 0,94% para 7,50 euros depois de terem renovado o máximo histórico ao tocar nos 7,55 euros, com uma subida de mais de 1%.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 12031
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

Re: Sonae Indústria...

por josecarlosvalente » 3/3/2006 18:54

Nyk Escreveu:Sonae Indústria lidera lista de espera para integrar PSI-20
A Sonae Indústria é o título mais bem colocado para integrar o PSI-20, na próxima revisão do índice, segundo a lista de espera hoje publicada pela Euronext Lisbon.

--------------------------------------------------------------------------------

Ana Filipa Rego
arego@mediafin.pt


A Sonae Indústria é o título mais bem colocado para integrar o PSI-20, na próxima revisão do índice, segundo a lista de espera hoje publicada pela Euronext Lisbon.

O Banif surge em segundo lugar na lista de espera de Março, enquanto a Corticeira Amorim se encontra em terceiro lugar.

As posições seguintes são ocupadas pela Gescartão, Teixeira Duarte e Grupo Soares da Costa. A revisão ordinária do índice será anunciada em Junho e efectivada no dia 1 de Junho.


Quem é que está em lista para sair? As potenciais.

Abraço
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 612
Registado: 6/2/2006 13:23

por StockGalaxy » 3/3/2006 21:25

A lista de espera das que estão para entrar costumo acompanhar na Euronext.

Sabem de algum site que tenha quais as que estão no PSI-20 e com potencial de saida? (fazer contas dá mto trabalho...)
----------------------------------
nada na manga, tudo na mão.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 854
Registado: 11/2/2006 21:08
Localização: 16

!!!

por Luka! » 3/3/2006 23:22

!
na sequencia do Downgrade de hoje da SONAE INDUSTRIA, pela Lisbon Brokers vendi a posiçao, para entrar na ... :?: :?: :?: :

aqui fica a resposta, e o porquê ...:



http://www.caldeiraodebolsa.com/forum/v ... hp?t=47027
Anexos
cpr.png
cpr.png (5.57 KiB) Visualizado 29911 vezes
... if you feel like doubling up a profitable position, slam your finger in a drawer until the feeling goes away !
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 3349
Registado: 21/10/2003 21:48

por Nyk » 8/3/2006 19:56

Indústria > 2006-03-08 18:21

Centaurus Capital deixa de ter participação qualificada na Sonae Indústria

DE



A Sonae Indústria revelou hoje que a britânica Centaurus Capital LP procedeu à alienação, no passado dia 6 de Março e por conta dos fundos por si geridos, de dois milhões de acções da empresa, correspondentes a 1,43% do capital social e aproximadamente 1,43% dos direitos de voto relativos ao capital social da Sonae Indústria.

Segundo um comunicado hoje emitido pela empresa portuguesa, deste modo passou a ser imputável à Centaurus Capital LP uma participação social correspondente a 0,90% do capital social e aproximadamente 0,90% dos direitos de voto correspondentes ao capital social da Sonae Indústria, após as referidas alienações.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 12031
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 28/3/2006 19:01

Sonae Indústria subscreve empréstimo obrigacionista de 50 milhões de euros
A Sonae Indústria procedeu à emissão de um empréstimo obrigacionista de 50 milhões de euros, segundo um comunicado da empresa divulgado hoje pela CMVM.

--------------------------------------------------------------------------------

Carla Pedro
cpedro@mediafin.pt


A Sonae Indústria procedeu à emissão de um empréstimo obrigacionista de 50 milhões de euros, segundo um comunicado da empresa divulgado hoje pela CMVM.

«A Sonae Indústria, SGPS, SA, informa que procedeu nesta data à emissão de um empréstimo obrigacionista, por subscrição particular, no montante de 50.000.000 euros, sem garantias, pelo prazo de 8 anos, organizado pelo Millennium BCP Investimento, SA», refere o comunicado.

Segundo a empresa, foi assim obtido financiamento adicional a longo prazo, ajustado ao perfil de geração de fundos dos investimentos em curso.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 12031
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 7/4/2006 17:43

Sonae Indústria mantém-se liderança lista entrada PSI20-Euronext

07/04/2006 17:04

LISBOA, 7 Abr (Reuters) - A Sonae Indústria continua a liderar a lista de empresas que deverão integrar o índice PSI20 na próxima revisão, em meados do ano, anunciou a Euronext Lisbon.

Adianta que em segundo lugar está o Banif e em terceiro o Espírito Santo Finantial Group .
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 12031
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 2/5/2006 18:26

No primeiro trimestre
Lucros da Sonae Indústria terão caído mais de 44% para os 9 milhões
A Sonae Indústria terá registado lucros de 9 milhões de euros no primeiro trimestre, o que representa uma queda de mais de 44% face a igual período do ano passado, mas compara com prejuízos de cinco milhões de euros verificados no último trimestre de 2005, segundo as estimativas do Millennium bcp investimento.

--------------------------------------------------------------------------------

Sara Antunes
saraantunes@mediafin.pt


A Sonae Indústria terá registado lucros de 9 milhões de euros no primeiro trimestre, o que representa uma queda de mais de 44% face a igual período do ano passado, mas compara com prejuízos de cinco milhões de euros verificados no último trimestre de 2005, segundo as estimativas do Millennium bcp investimento.

A Sonae Indústria, que apresenta na próxima sexta-feira os resultados do primeiro trimestre, deverá ter aumentado em 3,9% as receitas operacionais para os 376 milhões de euros, o que compara com os 362 milhões observados em período homólogo, de acordo com as estimativas do analista João Mateus, do Millennium bcp investimento, que explica que as receitas terão sido influenciadas «principalmente devido ao efeito do preço».

«A margem de EBITDA consolidada deve ter recuperado relativamente ao quarto trimestre de 2005, mas não o suficiente para atingir o nível do primeiro trimestre do ano passado», acrescenta a mesma nota de «research». Segundo os cálculos do Millennium bcp investimento, a margem de EBITDA deverá situar-se nos 14%.

De acordo com a mesma fonte não se espera que se verifique uma recuperação na Europa Central, nem uma queda dos negócios da empresa no Canadá e na África do Sul, onde João Mateus acrescenta que as estimativas para a África do Sul «são suficientemente interessantes para motivar um investimento de 45 milhões de euros na capacidade local» com início em 2006.

A casa de investimento manteve o preço-alvo de 7,50 euros para as acções da Sonae Indústria, bem como a recomendação de «reduzir».

João Mateus refere ainda que a Sonae Indústria está bem colocada para entrar no PSI-20 na próxima revisão do índice, segundo a última revisão. A empresa negociou quase 356 milhões de euros desde 1 de Dezembro, encontrando-se como a nona cotada mais negociada da bolsa nacional.
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 12031
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por Nyk » 4/5/2006 18:57

Lucros da Sonae Indústria caem 86% no primeiro trimestre
A Sonae Indústria diminuiu os lucros do primeiro trimestre em 86% para os dois milhões de euros, mas quando comparado com o último trimestre do ano passado os resultados registaram uma melhoria.

--------------------------------------------------------------------------------

Sara Antunes
saraantunes@mediafin.pt


A Sonae Indústria diminuiu os lucros do primeiro trimestre em 86% para os dois milhões de euros, mas quando comparado com o último trimestre do ano passado os resultados registaram uma melhoria.

Os lucros da Sonae Indústria recuaram para os dois milhões de euros, um valor que compara com os 15 milhões de euros registados em igual período de 2005, segundo um comunicado enviado pela empresa à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O volume de negócios consolidado cresceu 10% para os 398 milhões de euros, mas a rubrica de outros proveitos operacionais registou uma quebra de 52% para os 12 milhões de euros.

O EBITDA da empresa também recuou 22% para os 46 milhões de euros.

Os custos neste período aumentaram 25% para os 15 milhões de euros, uma evolução que é justificada pela empresa pelos «custos de produção mais elevados, em consequência do aumento do preço do petróleo», de acordo com o comunicado.

No mesmo comunicado a Sonae Indústria diz que estar confiante «que o volume de vendas permanecerá forte nos próximos meses. A evolução do preço do petróleo continua a ser uma preocupação que necessita de monitorização atenta».

«Continuaremos a desenvolver esforços para alcançar melhorias de eficiência, que compensem, tanto quanto possível, o impacto da subida dos custos das matérias-primas», adianta a mesma fonte.

Quanto à fábrica do Canadá que registou um incêndio numa linha a empresa diz que a situação «constitui preocupação, na medida em que se estima que o tempo de reparação da linha danificada será superior a 10 meses. Como líderes multi-regionais no sector da produção de painéis derivados de madeira, com uma presença global, esperamos minimizar os impactos comerciais deste acidente. Contudo, é de esperar um aumento dos custos de transporte, devido à necessidade de fornecer os nossos clientes norte americanos, a partir de outras fábricas da Sonae Indústria».
"A incerteza dos acontecimentos,é sempre mais difícil de suportar do que o próprio acontecimento" Jean-Baptista Massilion.
"Só sabemos com exactidão quando sabemos pouco; à medida que vamos adquirindo conhecimentos, instala-se a dúvida"Johann Goethe
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 12031
Registado: 2/9/2005 12:45
Localização: Algures, Perdido Neste Mundo.

por vieira » 4/5/2006 19:22

Resultados muito muito maus, paragem da produção no Canadá durante 10 meses = empresa em situação muito complicada = sell off na acção :?

Cai à 7 sessões consecutivas e parece-me que continuará a cair (a não ser que lance uma OPA à Altri :wink: )
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1875
Registado: 9/12/2005 18:40

por GONZO » 4/5/2006 19:40

Vieira Escreveu:(a não ser que lance uma OPA à Altri :wink: )


Bom... se continuar a cair muito e ficar baratinha graças à fragilidade que atravessa, ainda é a Altri que lança a OPA :lol: !
 
Mensagens: 1517
Registado: 24/8/2005 22:33
Localização: Lisboa

Resultados

por Zorro » 5/5/2006 7:49

Os analistas só previam metade da queda nos lucros.44% e foram 86%.Mas tems de ver que mesmo com o preço do petróleo em alta os resultados melhoraram em relação ao último trimestre do ano passado e o volume de vendas ainda aumentou 10%.Negativo mesmo foi o incêndio no Canadá em termos de curto prazo.Veremos como vai ser hoje mas deve começar por chegar aos 7,50...no último trimestre em que se dizia que os resultados tinham ficado abaixo das estimativas lembro-me que não foi isso que a Lisbon Brokers achou e ao recomendar compra elas dispararam...por isso vai abrir em queda se calahar acentuada e depois vai depender do que disser essa corretora e se se pronunciar também a UBS.Veremos... :? Z
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 351
Registado: 31/3/2006 10:10
Localização: Porto

por vieira » 5/5/2006 9:16

Tal como se previa, sell off brutal :|
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1875
Registado: 9/12/2005 18:40

por vieira » 5/5/2006 9:21

Mas o que é engraçado neste sell off é que os COFs das compras estão cheiiinhos e os das vendas são bastante mais baixos. Isto pode querer dizer que anda-se a acumular barato :?
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1875
Registado: 9/12/2005 18:40

por margemsul » 5/5/2006 9:44

Caro Vieira

Também reparei nesse detalhe e resolvi investir o valor que tinha disonível no reforço da minha posição na Sonae Ind.Sgps... e consegui entrar a 7,40 o que me pareceu muito agradável.

A ideia com que fiquei da leitura do documento de ontem com os resultados é que o Canadá criou um problema no curto prazo, mas que no resto os resultados até foram aceitáveis e cresceram face ao último trimestre.É umaempresa estável, que tem feito aquisições e que tem negócios globalizados, não há como errar.

Eventualmente a baixa brutal face a igual periodo do ano passado posa ter levado a este sell off e ao disparo de muitos stops, mas de todo o modo para quem está no médio/longo prazo neste título, como eu, esta foi uma optima oportunidadede de entrar.

Veremos se o tempo me dá razão.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 642
Registado: 7/3/2006 1:13
Localização: Margem Sul

por OPA » 5/5/2006 9:55

A SI a nivel fundamental parece-me estar em bom estado, neste aspecto concordo com voces.

Ja se fizermos uma analise tecnica, verificamos que o suporte na zona dos 7,35 ira aguentar. Se repararmos nos cofs, existe uma ordem a 7,36 para apanhar tudo o que aparecer por la.

Ate la parece-me estar livre para cair.

Nao consigo e meter um grafico por aqui, mas se alguem tiver essa possibilidade...
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 195
Registado: 9/6/2005 11:19

por OPA » 5/5/2006 9:59

Convem ainda afirmar que estou dentro.
Saio se o suporte dos 7,35 nao aguentar, reforco se a SONI aguentar-se acima deste valor nas proximas sesoes.
Hoje parece-me arriscado reforcar...deixa a poeira pousar.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 195
Registado: 9/6/2005 11:19

por GONZO » 5/5/2006 11:41

Reforça «venda» e poderá rever em baixa estimativas
Lisbon Brokers diz resultados da Sonae Indústria foram «francamente maus»
Os resultados ontem divulgados pela Sonae Indústria foram «francamente maus», considera a Lisbon Brokers que reforçou a recomendação de «venda» após os mesmos, sublinhando que poderão vir a rever em baixa as estimativas para esta empresa. Os analistas do BPI também consideraram os números negativos principalmente na Europa central.

--------------------------------------------------------------------------------

Ana Filipa Rego
arego@mediafin.pt


Os resultados ontem divulgados pela Sonae Indústria foram «francamente maus», considera a Lisbon Brokers que reforçou a recomendação de «venda» após os mesmos, sublinhando que poderão vir a rever em baixa as estimativas para esta empresa. Os analistas do BPI também consideraram os números negativos principalmente na Europa central.

Numa nota de «research», o analista John dos Santos explica que «apesar do sólido crescimento ao nível das receitas, suportado pela aumento dos preços médio de venda, esta performance não foi traduzida efectivamente para a linha do EBITDA já que o aumento do custo das matérias primas teve um impacto nefasto nos custos operacionais».

A Sonae Indústria anunciou ontem que as receitas cresceram 7,1% em termos homólogos para os 410 milhões de euros sustentadas pelo aumento dos preços médio de venda, 4,3% acima da previsão de 393,1 milhões de euros desta casa de investimento.

No entanto, o EBITDA caiu 22% em termos homólogos para 46 milhões de euros, 16,8% abaixo das suas expectativas de 55,3 milhões de euros.

Para além disso, o especialista sublinha que os lucros – que caíram 87,1% para dois milhões de euros – «ficaram substancialmente abaixo» das suas expectativas de 9,8 milhões de euros.

Petróleo e incêndio no Canadá deverão afectar empresa nos próximos trimestres

A Lisbon Brokers acredita que a natureza cíclica da empresa «irá ser agravada» nos próximos trimestres por dois factores essenciais. Em primeiro lugar, o elevado preço do petróleo «irá continuar a ser um forte entrave à performance operacional da empresa».

Em segundo lugar, o incêndio sofrido na sua unidade fabril no Canadá - que, segundo a empresa deverá levar pelo menos dez meses a reparar - «irá afectar os níveis de produção e necessariamente os custos de transporte já que a empresa tem forçosamente de cumprir os seus contratos de fornecimento com os seus actuais clientes com a produção das suas outras fabricas».

«Deste modo, reforçamos a nossa recomendação de ‘venda’ nos títulos da Sonae Indústria com base num valor justo de sete euros por acção. Ainda assim vão actualizar o seu modelo para incorporar os resultados do primeiro trimestre de 2006 «que poderá resultar num ajuste para baixo das nossas estimativas», explica John dos Santos.

BPI sublinha negativamente desempenho na Europa central

Os resultados da Sonae Indústria também não surpreenderam pela positiva o BPI. No Iberian Daily desta casa de investimento, os analistas explicam que o impacto destes números é negativo uma vez que estavam à espera que a empresa registasse uma recuperação mais acelerada na Alemanha e em França.

Os resultados na Europa Central «desiludiram-nos uma vez que o impacto da subida dos preços foi menor do que aquilo que esperávamos», explicam os especialistas sublinhando que a Sonae Industria «foi apenas capaz de aumentar os preços em Março e que foi afectada pela subida nos custos das matérias-primas».

A mesma fonte remete ainda para o facto da paragem de produção no Canadá ser maior do que o previsto e que poderá impulsionar os custos de transporte uma vez que a empresa vai ser obrigada a fornecer os seus clientes na América do Norte através da suas fábricas ibéricas. No entanto, sublinha que continuam a acreditar que a empresa será capaz de ter um desempenho forte e de recuperar
 
Mensagens: 1517
Registado: 24/8/2005 22:33
Localização: Lisboa

por Açor3 » 5/5/2006 11:42

Lisbon Brokers diz resultados da Sonae Indústria foram «francamente maus»

05/05/2006 11:15


Os resultados ontem divulgados pela Sonae Indústria foram «francamente maus», considera a Lisbon Brokers que reforçou a recomendação de «venda» após os mesmos, sublinhando que poderão vir a rever em baixa as estimativas para esta empresa. Os analistas do BPI também consideraram os números negativos principalmente na Europa central.

Numa nota de «research», o analista John dos Santos explica que «apesar do sólido crescimento ao nível das receitas, suportado pela aumento dos preços médio de venda, esta performance não foi traduzida efectivamente para a linha do EBITDA já que o aumento do custo das matérias primas teve um impacto nefasto nos custos operacionais».

A Sonae Indústria anunciou ontem que as receitas cresceram 7,1% em termos homólogos para os 410 milhões de euros sustentadas pelo aumento dos preços médio de venda, 4,3% acima da previsão de 393,1 milhões de euros desta casa de investimento.

No entanto, o EBITDA caiu 22% em termos homólogos para 46 milhões de euros, 16,8% abaixo das suas expectativas de 55,3 milhões de euros.

Para além disso, o especialista sublinha que os lucros - que caíram 87,1% para dois milhões de euros - «ficaram substancialmente abaixo» das suas expectativas de 9,8 milhões de euros.

Petróleo e incêndio no Canadá deverão afectar empresa nos próximos trimestres

A Lisbon Brokers acredita que a natureza cíclica da empresa «irá ser agravada» nos próximos trimestres por dois factores essenciais. Em primeiro lugar, o elevado preço do petróleo «irá continuar a ser um forte entrave à performance operacional da empresa».

Em segundo lugar, o incêndio sofrido na sua unidade fabril no Canadá - que, segundo a empresa deverá levar pelo menos dez meses a reparar - «irá afectar os níveis de produção e necessariamente os custos de transporte já que a empresa tem forçosamente de cumprir os seus contratos de fornecimento com os seus actuais clientes com a produção das suas outras fabricas».

«Deste modo, reforçamos a nossa recomendação de -venda- nos títulos da Sonae Indústria com base num valor justo de sete euros por acção. Ainda assim vão actualizar o seu modelo para incorporar os resultados do primeiro trimestre de 2006 «que poderá resultar num ajuste para baixo das nossas estimativas», explica John dos Santos.

BPI sublinha negativamente desempenho na Europa central

Os resultados da Sonae Indústria também não surpreenderam pela positiva o BPI. No Iberian Daily desta casa de investimento, os analistas explicam que o impacto destes números é negativo uma vez que estavam à espera que a empresa registasse uma recuperação mais acelerada na Alemanha e em França.

Os resultados na Europa Central «desiludiram-nos uma vez que o impacto da subida dos preços foi menor do que aquilo que esperávamos», explicam os especialistas sublinhando que a Sonae Industria «foi apenas capaz de aumentar os preços em Março e que foi afectada pela subida nos custos das matérias-primas».

A mesma fonte remete ainda para o facto da paragem de produção no Canadá ser maior do que o previsto e que poderá impulsionar os custos de transporte uma vez que a empresa vai ser obrigada a fornecer os seus clientes na América do Norte através da suas fábricas ibéricas. No entanto, sublinha que continuam a acreditar que a empresa será capaz de ter um desempenho forte e de recuperar os lucros na Europa Central.
...
Na bolsa só se perde dinheiro.Na realidade só certos Iluminados com acesso a informação privilegiada aproveitam-se dos pequenos investidores para lhes sugarem o dinheiro.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 3639
Registado: 13/6/2004 20:52
Localização: Lisboa

por bolinha » 5/5/2006 11:43

Entrada na Sonae Indústria 8-)
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1316
Registado: 26/7/2005 20:28
Localização: Lisboa

por vieira » 5/5/2006 11:47

Apesar de agora virem todos dizer que a empresa não vale nada e é a pior do mundo, só sei que o lado das compras está todo carregadinho. Cheira-me que são os fundos a segurá-la (que estão todos encavados em SONI, basta olhar para as carteiras mensais) e a amparar as descargas dos medrosos.
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1875
Registado: 9/12/2005 18:40

por Quico » 5/5/2006 12:24

A apanhar facas em queda? :shock:

Espero bem que não se cortem. Eu cortei-me... :oops:
"People want to be told what to do so badly that they'll listen to anyone." - Don Draper, Mad Men
O Trader Tendencioso
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4673
Registado: 12/5/2004 19:52

por bolinha » 5/5/2006 12:27

Quico Escreveu:A apanhar facas em queda? :shock:

Espero bem que não se cortem. Eu cortei-me... :oops:


Facadas em queda ? Para mim são facas em saldo ! Toca a comprar saldos 8-)
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 1316
Registado: 26/7/2005 20:28
Localização: Lisboa

por Quico » 5/5/2006 12:39

Bolinha:

Em pânico, vendi as minhas nos 7,39€ (Quem foi que me mandou deixar de usar "stops"!?). Com a sorte que tenho, ainda vou ter os 7,40 a servirem de suporte. :evil:

Aqui fica a dica. Já que me lixei, pelo menos que sejas tu a ganhar! :wink:

Um abraço e boa sorte.
"People want to be told what to do so badly that they'll listen to anyone." - Don Draper, Mad Men
O Trader Tendencioso
Avatar do Utilizador
 
Mensagens: 4673
Registado: 12/5/2004 19:52

Próximo

Quem está ligado:
Utilizadores a ver este Fórum: Google [Bot], lfhm83, m-m, Silva115 e 86 visitantes